Qual é o melhor horário para estudar? Descubra e melhore seu rendimento!

Ainda não conhece seu melhor horário para estudar? Confira aqui quais são os fatores que influenciam essa escolha.

blogAprenda_melhor-horario-para-estudar

Existe um horário para estudar mais adequado ou mais indicado?

Para estudar é preciso estruturar toda a sua rotina para ter um bom rendimento. Essa tarefa não é fácil e varia de acordo com cada pessoa. 

Muitos estudantes distribuem seus estudos de acordo com os períodos do dia que mais preferem se dedicar. 

Dependendo da hora que você escolher estudar, o seu ritmo pode ser melhor e o seu cérebro absorverá mais informações. 

Mas, qual é essa hora? Como descobrir? As respostas são complexas e tudo depende de uma série de fatores. 

Então, siga a leitura e entenda melhor como escolher o melhor horário para estudar!

O ciclo circadiano

Quando se fala que a fisiologia interfere no melhor horário para estudar, significa dizer que o seu corpo age de certas maneiras que contribuem para essa resposta.

É aí que entra o ciclo circadiano, que tem um nome mais popular: relógio biológico. 

Ele nada mais é do que o ritmo de alterações metabólicas que acontecem no corpo humano, influenciado, sobretudo, pela distribuição de energia ao longo do dia. 

Essa energia regula a disposição de uma pessoa. E por isso mesmo, é fundamental para toda a tarefa que podemos fazer. Inclusive, estudar. 

O corpo não trabalha sozinho nessa distribuição de energia. Na verdade, ele age sob forte influência da iluminação do ambiente, principalmente do sol. 

Por ser responsável pela iluminação natural, nosso astro-rei é o principal regulador dos hormônios produzidos no corpo. O primeiro deles é o cortisol, que é liberado em nosso metabolismo nas primeiras horas da manhã, graças a presença da luz do sol. 

Esse hormônio mantém equilibrada a pressão arterial e outras atividades de regulação de energia. Ou seja, estamos propensos a ter mais disposição pela manhã e diminuir ao longo do dia. 

A melatonina, por sua vez, é ativada quando há menos luz natural. Ela é a responsável pela regulação do sono e é por causa dela que você tem uma disposição maior para dormir nesse horário. 

Por isso, o ciclo circadiano é um fator fundamental para se pensar em um melhor horário para estudar, mas não o único. Junto a ele, é preciso analisar o perfil de cada pessoa e as características de sua rotina. 

Observando essas características e o relógio biológico, há três faixas de horários e de perfis de pessoas que se encaixam melhor neles:

Estudo durante o dia (matutinos)

Nesse período, as pessoas geralmente dormem e acordam cedo. Por isso, a manhã é o horário com mais disposição e é melhor aproveitada pelos estudantes. 

Pessoas que preferem e que se dão melhores com esse horário são aquelas, geralmente, que estudam em casa e se dedicam quase por completo ao aprendizado.

Se você ainda vai à escola ou faz algum tipo de curso, pode ser que esse horário não seja o ideal, já que ele pode estar preenchido com esses compromissos.

A vantagem em se estudar nesse horário é a disposição que, como você leu ainda há pouco, é maior graças à distribuição de hormônios relacionados à energia em seu corpo.

Por outro lado, a rotina de sua casa pode ser algo que atrapalhe, como o barulho de outras pessoas, tarefas domésticas, além da agitação externa, como a rua e até mesmo vizinhos.

Para isso, converse com as pessoas que moram com você e tenha um local de estudo que te mantenha em “isolamento” dos barulhos – que não tenha janela para a rua, por exemplo.

Para aproveitar melhor esse horário, é preciso uma boa noite de sono – alguns especialistas dizem que 8 horas são suficientes – e um café da manhã reforçado. Coma bem e ingira bebidas que podem aumentar sua disposição, como cafés, chás e sucos.  

Estudo durante a noite (vespertinos)

Já nesse horário, à tarde e à noite são os períodos que melhor rendem os estudos de algumas pessoas que, geralmente, têm outras atividades ao longo do dia, como trabalho e escola.

Por terem um ritmo mais agitado, elas costumam dormir tarde e acordar cedo, quando muito no meio da manhã, e o sono não é tão longo como os dos matutinos. Por isso, ainda se sentem mais cansados nas primeiras horas. 

Para essas pessoas, é indicado sempre uma boa alimentação (não isso não seja importante em outros horários). 

O almoço é algo importante, sendo que ele precisa ser bem reforçado, mas sem alimentos pesados. Após ele, um descanso é bem-vindo. A hidratação também precisa ser levada em conta, já que a água ajuda a manter acordado. 

As atividades físicas sempre são recomendadas em qualquer horário e para os vespertinos, elas ajudarão a manter a disposição alta. O banho também é um bom amigo, ajudando a acordar de vez! 

Estudar à noite é um desafio, já que a energia tende a ser menor nesse horário. Além da alimentação, a pessoa que estuda nesse período precisa estar atenta ao ambiente onde se concentra. Detalhe importante é a iluminação – já que o sol não estará presente. 

A luz artificial, que será mais utilizada, tende a cansar mais a vista. Por isso, faça descansos regulares e, nesse sentido, a técnica pomodoro pode ajudar. Não estude em lugares escuros, principalmente se você usar o computador. 

Isso porque ele será a sua única fonte de luz, fazendo com que sua vista force ainda mais. Sem falar que a escuridão proporciona o sono. 

Intermediários

Aqui estão as pessoas que o horário para estudar pode ser qualquer um. Geralmente, possuem uma rotina agitada e o que influencia o momento de estudo é a agenda do dia.

O fato de se ajustarem melhor em qualquer horário requer uma organização ferrenha. Um cronograma de atividades que é seguido à risca.

Todos os conselhos que você leu até aqui servirão para ajudar a regular seu ritmo. 

Como descobrir seu melhor horário para estudar?

Nem sempre a gente consegue descobrir qual o melhor horário para estudar só levando em conta o nosso relógio biológico. E o ritmo agitado ainda dificulta essa tarefa.

Alguns sinais podem ajudá-lo a desvendar esse mistério e você, por fim, saber quando no dia você pode estudar melhor.

Observe como seu organismo se comporta

Seu corpo sempre será o melhor medidor de como você pode aproveitar melhor o tempo ao longo do dia.

Ele dá sinais que são importantes respeitar, como descansos. Nesses casos específicos, visto principalmente em pessoas que têm um ritmo agitado, sempre tire um cochilo quando bater o cansaço antes de uma jornada de estudo.

Leve em consideração fatores externos

As tarefas que não englobam o estudo, influenciam demais o seu ritmo. Por isso, nunca perca elas de vista em seu cronograma. 

Ajuste sempre a sua rotina para que a hora de estudo seja a principal tarefa do período. Não intercale um estudo e outro entre uma atividade doméstica que sempre pode demorar a ser feita. Isso pode atrapalhar muito o seu foco. 

Os barulhos e a conversa perto de você podem ser outros inibidores de desempenho. Então, se te for possível evitá-los, evite. 

Ou então, converse com as pessoas com quem você mora e avise aqueles amigos que adoram ligar para você quando menos esperar que você estará estudando ao longo do dia. 

Anote seus níveis de energia

Um outro jeito de encontrar o melhor horário para estudar, é observar o seu desempenho ao longo de um período. 

Como assim? 

Você estuda de uma maneira em um período de 15 dias, por exemplo, e anota como foi seu desempenho – se bateu alguma meta, quantos tópicos você estudou…

Faça isso criando planos de estudos diferentes para esses períodos e veja, ao final de cada um, como foi seu desempenho. 

Você pode usar plataformas online de, como o Trello, para fazer essas anotações. O importante é ter esse desempenho anotado para que você possa analisar essa performance e achar, enfim, o seu melhor horário para estudar. 

É preciso dedicação!

Encontrar o seu melhor horário para estudar não é fácil. Você precisa se dedicar para analisar toda a sua vida para descobrir quando pode aprender mais e melhor. 

Não deixe de realizar esses esforços, afinal, o resultado será um desempenho melhor para os estudos e uma preparação mais adequada para a prova que você, certamente, precisa prestar. 

Você descobrindo quando pode aproveitar melhor o estudo pode potencializá-lo e ter à disposição mais horas para desenvolver outras tarefas!

Autor
Equipe Hotmart

Equipe Hotmart

A Hotmart é a plataforma completa para quem quer aprender novas habilidades e adquirir cursos digitais em poucos cliques. No universo da Hotmart, as possibilidades são infinitas.