Como mudar de profissão em qualquer idade? Veja o que fazer

Quer mudar de profissão, mas não tem ideia por onde começar? Confira nossas dicas para trazer essa transição de forma tranquila.

blogAprenda_mudar-de-profissao

Geralmente, a escolha da profissão é feita ainda na adolescência. Muita gente lembra dessa época com um tom saudoso, se recordando com nostalgia de como foram feitas as descobertas das possibilidades de atuar em uma área. 

Porém, na vida adulta, essa escolha pode não satisfazer para sempre e querer mudar de profissão é algo totalmente normal.

Essa mudança acontece por diversas razões e ainda que seja recorrente, não é algo fácil de se fazer ou ainda assumir que ela precisa ser feita. 

Por isso, é preciso se preparar para encarar o mercado de trabalho e a realidade em se mudar de profissão, seja qual for a sua idade. 

Mas é algo que com preparo, você poderá passar por essa transição de forma tranquila. Veja agora como se preparar!

Como mudar de profissão?

Fazer essa escolha é algo que realmente lança vários desafios na vida. 

Algumas delas estão relacionadas às dúvidas de como sair de uma área que sempre fez parte de sua rotina para uma outra diferente. 

Veja as dicas que separamos para você fazer essa transição de carreira:

Se prepare financeiramente

A primeira delas é ter um bom planejamento financeiro. Ao mudar de profissão, você pode começar em cargos de níveis mais baixos do que aquele em que você estava no antigo emprego.

O que certamente afetará sua renda, que não será mais a mesma e diferente de seu estilo de vida atual. 

Então, é fundamental que você tenha reservas financeiras, sem falar que um novo planejamento deve moldar sua vida em um novo emprego.

Se você já possui família com dependentes, isso é ainda mais importante. É indicado que essa preparação comece com 2 ou 3 anos de antecedência para evitar grandes turbulências na transição.

Mas, caso você já tenha uma reserva de emergência, já é um bom caminho andado.

Faça networking

Ter uma rede de contatos é sempre importante. E mais do que mantê-la, ao mudar de profissão, você precisará aprimorá-la. 

Isso significa que o seu networking atual pode não ser efetivo na mudança, já que, muitas vezes, ele é composto por contatos da sua antiga área de atuação. E com a mudança, muitos deles perderam valor profissional. 

O ideal aqui é você pesquisar mais sobre a área de atuação para a qual você quer se mudar. O LinkedIn será um bom amigo nesse momento, indicando contatos, pessoas influentes a seguir, eventos interessantes em acompanhar…

Nesse ambiente, você poderá se mostrar e ter uma nova base de contatos. 

Estude as oportunidades do mercado de trabalho

No mesmo contexto do tópico anterior, você precisará saber quais são as melhores oportunidades desta nova área. 

Ao ampliar seu networking, você conseguirá entender como essa área é de ofertas de emprego. 

Você pode aproveitar os novos contatos para tirar eventuais dúvidas e principalmente para entender como você precisa se qualificar para estar preparado para atender a essas novas exigências. 

Fique de olho nos pré-requisitos

Ao perceber novas oportunidades, você precisará saber quais são os pontos mais cobrados nessa nova área. 

Ao mudar de profissão, você pode deixar de atender a muitos requisitos básicos de uma nova área de atuação e o primeiro passo para se requalificar é entender quais são esses aspectos e, claro, o que fazer para supri-los. 

Toda essa jornada que você fez até aqui, de fazer um networking a descobrir as oportunidades, fará você chegar no momento de saber quais são esses pré-requisitos. Então, invista tempo de verdade para conhecer essa nova área.

Estude muito!

Aqui está uma necessidade natural de toda mudança de profissão. 

Afinal, é uma nova área, novas experiências… tudo muito novo para suas capacidades antigas – claro, elas poderão ajudar, mas agora é preciso se capacitar e se atualizar. 

Mas para entrar de cabeça nos estudos, antes, é preciso saber o que estudar e fazer um planejamento sério sobre o conteúdo. Como cada área tem suas particularidades para aprimorar, não dá para passar uma receita de bolo. 

Contudo, alguns aspectos são mais básicos. O primeiro deles é quais são os conhecimentos próprios da área, para que você possa se atualizar no básico da nova carreira. 

Depois, descubra quais são os conhecimentos desejáveis, aqueles que as pessoas da área podem desenvolver para ganhar projeção. Veja o que lhe for mais familiar e aprimore, isso te dará vantagens ao se lançar no mercado.

Então, veja quais são os conhecimentos que podem ser diferenciais para área. Aquela expertise que não é uma obrigação, mas que pode te dar uma vantagem na atuação. Ter um diferencial é uma necessidade fundamental para mercados competitivos. 

E por fim, estude quais são os softwares que são mais fundamentais para exercer um novo emprego. Hoje em dia, é muito difícil que uma área não tenha aquele pacote básico de programas que são utilizados por seus profissionais. 

Estude todos eles, realize cursos para cada aspecto desse tópico para que você entre nesse novo mercado realmente preparado para ocupar um cargo. 

Desenvolva outras habilidades

Seu aperfeiçoamento para mudar de profissão exigirá desenvolver novas habilidades. 

Até porque, como você leu até aqui, você lidará com novos cargos que pedirão conhecimentos específicos, inclusive de softwares. 

Para isso, você precisará fazer investimentos financeiros, com cursos profissionalizantes ou mesmo uma nova graduação ou pós-graduação, que seja. 

Nesse aspecto, é fundamental ter tudo o que se espera de uma pessoa que queira ocupar um cargo na área para a qual você está se mudando e, nesse sentido, você precisará se equiparar aos demais.

Saia da sua zona de conforto

E para conseguir tudo isso que leu até aqui, será preciso sair da zona de conforto. 

Não é tarefa fácil, mas a coragem ajuda nessas horas. Será necessário entender sua escolha e as dificuldades que isso acarreta. Porque sim, elas existiram. 

Além disso, esteja aberto a novas possibilidades que, na antiga profissão, você nem sonharia que elas poderiam existir, desde lidar com pessoas com perfis diferentes ao seu. 

Essa bagagem te dará mais benefícios do que prejuízos e te deixará ainda mais preparado para uma nova área de atuação. 

Para sair da zona de conforto, mantenha-se focado, reconheça que você tem limites e que tudo é uma experiência nova para você. Se o impedimento for muito grande, será uma oportunidade de procurar novas qualificações. Aceite, sobretudo, o fato de que essas barreiras existem para poder dar um passo além dela. 

Mantenha-se motivado!

E acima de tudo esteja sempre positivo. 

Ainda que você esteja em um ambiente completamente novo, haverá algo ali que o atrai e que o faça acreditar que seja um ideal para você.

Esse será o momento de superar medos e explorar novas habilidades que, até então, você não havia feito. Converse com outras pessoas da área e abra-se para familiares e amigos sobre essa nova fase de vida. 

A idade nunca será um impeditivo de mudar de profissão!

Você leu que mudar de profissão é uma escolha que provoca outras mudanças para além do emprego. 

E estar disposto a radicalizar não é necessariamente uma característica dos mais jovens. Independentemente de qual seja a sua idade e de qual for o seu momento de vida, não deixe de seguir as suas vontades e o instinto de querer mudar. 

Claro, fazendo sempre um bom planejamento e aproveitando todos os aprendizados que você possui na vida.

Autor
Luiza Alexandre

Luiza Alexandre

Redatora apaixonada em aprender algo novo todos os dias.