Rotina de estudos: o que é e como criar uma rotina que funcione para você

Descubra tudo rotina de estudos, como criar que realmente funcione para você e quais aplicativos vão te ajudar.

Rotina de estudos - Blog Aprenda

Sabe quando você planeja estudar no seu tempo livre e, na hora, qualquer atividade parece mais interessante? É para isso que ter uma rotina de estudos ajuda tanto!

Ter um cronograma bem definido e organizado ajuda a evitar procrastinações e esquecimentos, além de ser uma ferramenta excelente para quem tem tanta coisa para estudar que não sabe nem por onde começar!

Continue lendo o post para saber como criar uma rotina para estudar que se encaixe no seu dia a dia e ajude a conquistar os seus objetivos!

O que é rotina de estudos?

A rotina de estudos é um planejamento para incluir um tempo só para estudar na sua agenda. 

Ela pode ser feita por diversos tipos de pessoas que estão se preparando para alguma prova ou curso especial: alunos do ensino regular, pessoas que vão prestar o vestibular ou o Enem, estudantes de cursos livres (idiomas, músicas e artes, por exemplo), universitários, concurseiros…

Assim como temos um horário para o trabalho e para outras atividades diárias, o estudo também precisa ser devidamente planejado para que não seja deixado de lado.

Quais são seus benefícios?

Um dos principais benefícios da rotina de estudos é que ela ajuda a criar um hábito.

Independentemente do tipo de conteúdo que você está estudando, é importante ter regularidade, organização e qualidade nas atividades. 

E é aí que a rotina de estudos entra: para evitar que os conteúdos se acumulem e o cochilo ganhe dos estudos todas as vezes que você pensar no que tem que fazer. 

Ao programar quando, como e o que você vai estudar todos os dias, você consegue ter mais produtividade e garantir que o tempo reservado seja aproveitado da melhor maneira possível!

Qual a melhor forma de ter uma rotina de estudos?

A rotina de estudos é algo muito pessoal e, para organizar a sua, você precisa considerar vários fatores relacionados ao seu dia a dia, às suas vontades e objetivos!

Mas não é só porque o cronograma é individual que não temos alguns macetes para compartilhar e deixar esse processo mais fácil. 

Veja o passo a passo para se organizar!

1. Avalie a sua rotina de estudos atual

Antes de encaixar um novo compromisso na agenda, é fundamental avaliar a rotina que você segue hoje.

Além disso, considere o que realmente funciona para você. Você vai precisar de energia e concentração. Por isso, escolha o horário que você sente mais facilidade para absorver conhecimento e focar! 

Por exemplo, se você tem muitas atividades acumuladas no período da manhã, pode não ser o melhor horário para encaixar os seus estudos, concorda?

Caso você seja uma pessoa mais noturna, que sente que o rendimento vai às alturas depois que o sol se põe, talvez a noite seja o melhor momento para estudar.

Identifique os momentos que estão livres e, se necessário, veja o que pode ser mudado para incluir os estudos. 

Lembre-se de escolher horários nos quais você realmente possa se dedicar ao conteúdo, ok? 

Intervalos muito curtos entre uma atividade e outra podem não ser suficientes para você se organizar e realmente focar no que precisa aprender.

2. Monte um cronograma

O cronograma é algo que pode ser feito em agendas, planilhas, aplicativos ou quaisquer outros métodos. Basta experimentar e adotar o que melhor funciona para você.

O importante é que a rotina seja feita de uma forma bem completa, visual e organizada.

Pense em tudo que você tem que estudar e estipule quanto tempo você vai gastar para cada matéria, aula ou conteúdo. 

Depois, anote o que será estudado em cada dia e horário. 

Pode ser que no meio do caminho você precise reorganizar o cronograma para dedicar mais tempo a algum tema específico, por exemplo. Mas não tem problema! 

Assim como em alguns dias você vai gastar mais tempo, em outros pode ser que termine o que foi planejado antes. 

3. Separe um local para estudar

Você não precisa ter um quarto inteiro ou um escritório só para isso, mas um espacinho reservado para os estudos é uma excelente ajuda para a sua rotina ser produtiva!

Separe um canto ou uma mesa onde você consiga guardar os seus materiais, como computador, cadernos, canetas e materiais de estudo. 

E, se possível, utilize esse mesmo espaço todos os dias para se acostumar e o seu cérebro entender que aquele espaço foi feito para isso!

Lembre-se de escolher um ambiente reservado, silencioso e arejado.

4. Crie o hábito de estudar no mesmo horário

Deu para perceber que regularidade é uma peça-chave para os estudos, certo?

Por isso, o horário que você estuda também pode ser crucial para alcançar os seus objetivos!

Tente se dedicar aos estudos sempre no mesmo horário ou, pelo menos, no mesmo turno do dia. Se você separa sempre algumas horinhas da manhã para estudar, com o passar do tempo isso vai se tornando cada vez mais rotineiro e natural. 

No fim, sem que você perceba, você já criou um hábito e se acostumou a focar nos estudos e se desligar das outras coisas naquele período do dia.

5. Encontre o seu método de estudos

Cada pessoa tem o seu próprio estilo de aprendizagem. 

A boa notícia é que também existem vários métodos de estudo e um deles com certeza vai ser o ideal para você.

Se você ainda não sabe o que funciona melhor, comece testando. 

Busque as informações que você precisa em diferentes formatos e analise com qual deles você se sente mais confortável e, principalmente, com qual você tem mais facilidade para assimilar o conteúdo.

Você transitar pelos formatos de conteúdo, como e-books, vídeos, podcasts e outros formatos de aprendizagem online, ou modelos mais tradicionais, como livros físicos e apostilas.

6. Defina metas para manter a motivação

Nem sempre é fácil manter a motivação, mas as metas ajudam a relembrar o que você está buscando e podem ser exatamente o gás que faltava para continuar!

Crie metas plausíveis e realistas para evitar que elas gerem mais frustrações do que alegrias. Isso não quer dizer que a meta precisa ser fácil, ok? 

Coloque um pouco de desafio para ter que se esforçar, mas sem exagerar para conseguir cumpri-las e avançar ao longo da rotina de estudos.

Foque nas pequenas metas para conseguir dividir periodicamente. E não se esqueça de registrar sempre que alcançar alguma delas para conseguir monitorar o seu desenvolvimento e se motivar!

7. Conte com a ajuda de apps para auxiliar no estudo

Usamos aplicativos para quase tudo nessa vida! Para fazer exercícios físicos, agendar compromissos, conversar com as pessoas, editar fotos…

Por que não usar também para os estudos?

Se precisar de apoio para manter o foco e garantir a produtividade, apps de gestão de tempo como o Be Focused e o Tomato Timer são ótimas opções! 

Para organizar as ideias, você pode contar com o Google Keep, Mindmeister ou Mind Node (disponível apenas para dispositivos Apple). 

O Keep pode ser integrado com outras ferramentas do Google e serve para você registrar informações, lembretes e anotações importantes,

Já o Mindmeister e o Mind Node são opções para construir mapas mentais e gerenciar conteúdos, conceitos e tópicos. 

Além desses que citamos, existem milhares de outros apps que podem ser usados para organizar e gerenciar os estudos! Basta definir o que você precisa e, com certeza, encontrará uma opção para ajudar.

Colocando a rotina de estudos em prática!

Criar uma rotina de estudos é o primeiro passo para criar o hábito de se dedicar diariamente ao conhecimento.

Depois de fazer o seu cronograma, definir exatamente o que vai estudar em cada momento e organizar o seu espaço, é hora de correr atrás das metas definidas e estudar bastante.

Seja qual for o seu objetivo, com a rotina definida será bem mais fácil alcançá-lo!

Quer aprender uma nova habilidade online e investir em você? Confira todos os nossos cursos aqui!

Autor
Luiza Alexandre

Luiza Alexandre

Redatora apaixonada em aprender algo novo todos os dias.