Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Minicurso Hotmart

Você é professor?

Já tem conteúdo para ensinar?

Comece 2019 com o pé direito e sendo dono de seu próprio negócio.

Aprenda a criar seu curso online de forma gratuita.

QUERO ACESSAR O MINICURSO
Fechar ¿Cómo crear el ebook perfecto para venderlo en Internet?

¿Cómo crear el ebook perfecto para venderlo en Internet?

Aprende a transformar tu conocimiento en un ebook con nuestra guía gratis.

¡DESCARGA EL MATERIAL!

Agência de lançamento de produtos digitais: os primeiros passos para lançar infoprodutos de sucesso

Agência de lançamento de produtos digitais: os primeiros passos para lançar infoprodutos de sucesso

Aprenda como utilizar sua expertise em marketing para lançar produtos digitais de sucesso!

Agências de infoprodutos (ou produtos digitais) compõem um mercado relativamente novo no universo do marketing.

Se você trabalha com marketing digital ou tem vasto conhecimento sobre o assunto, entenda como é possível explorar o segmento de produtos digitais por meio de uma agência de lançamentos.

Se você já possui uma agência, sem dúvidas esta é uma ótima oportunidade para inovar e explorar outras formas de lucratividade em seu negócio.

Neste conteúdo, você vai aprender:

  • O que é uma agência digital e como funciona este modelo
  • Como escolher especialistas para lançar produtos
  • Aspectos essenciais ao fechar contrato com seus especialistas parceirosAproveite para escutar este conteúdo no Sparkle ou dê o play a seguir:

O que é uma agência de produtos digitais?

A agência de produtos digitais é responsável por direcionar e impulsionar os resultados de quem tem interesse e/ou potencial para lançar um produto digital.

Existem diversas possibilidades para agências atuarem nesse mercado e um dos mais interessantes é aquele em que a agência entra com sua expertise em marketing digital em parceria com um especialista de determinado assunto.

Sendo assim, os dois papéis têm responsabilidades para alcançar os resultados esperados.

Responsabilidades da agência: captação de vídeo, edição, criação da página de vendas, criação do vídeo de vendas, compra de tráfego, parcerias com Afiliados, parcerias com digital influencers, suporte técnico no pós-venda.

Responsabilidades do especialista: gravar as aulas, criar conteúdo focado na divulgação do produto, suporte sobre o conteúdo das aulas (ao menos nas primeiras semanas).

Em geral, a agência será responsável pela produção e sempre que houver necessidade de envolver a expertise do especialista, ele deverá atuar.

Como funciona o modelo de uma agência de infoprodutos?

A maneira mais comum de se trabalhar com lançamento de produtos digitais em parceria com especialistas é por meio de um set up para iniciar o projeto e divisão de royalties.

Vamos entender melhor o conceito:

Set up + royalty: a agência paga uma quantidade inicial para o especialista, para que ele elabore um projeto de criação do produto digital. Nesse caso, a agência ganhará um percentual, um royalty desse projeto com os resultados futuros.

Se o especialista que você abordou for uma autoridade reconhecida e já tiver uma grande audiência, o valor do set up será relativamente mais caro em relação a um especialista que não seja conhecido.

Para especialistas com muitas credenciais, que já tenham autoridade e audiência, o valor do set up pode ficar entre 5 e 15 mil reais.

Já em relação aos royalties, é importante analisar quão trabalhosa será a divulgação do produto com base na audiência e autoridade do especialista.

Por exemplo:

Se o especialista não tiver muito tráfego, a agência terá que investir muito em anúncios e outras formas de divulgação. Se a divisão de royalties fica em 50% para agência e 50% para o especialista, o negócio se torna insustentável, já que a agência não terá dinheiro suficiente para cobrir a divulgação necessária.

Uma comparação interessante é o modelo de livros físicos.

O royalty do autor varia entre 8% e 10%. E por que esse valor é tão baixo? Porque todo o custo de fabricação, produção, montagem, distribuição e marketing entram para os custos da editora.

Você, enquanto agência de infoprodutos, não se engane que, por se tratar de um negócio digital, os custos serão diferentes.

Um número interessante para determinar o royalty do especialista fica entre 10% e 20%. Para especialistas muito reconhecidos, esse número pode chegar até 25%, mas apenas se ele tiver um bom volume de tráfego!

O valor mais comum a ser trabalhado é de 15% de royalty para o especialista e 85% para a agência.

Para justificar esse número para o especialista, basta enumerar todo o trabalho que a agência terá, do qual o especialista será poupado.

Quais são os perfis dos especialistas para fazer parceria?

Enquanto agência, você deve saber escolher bem os especialistas que serão seus parceiros e, nesse cenário, existem dois pontos principais a se considerar:

  1. Audiência e
  2. Autoridade.

Com base nesses quesitos, vamos compreender os três perfis de especialistas que você vai se deparar.

Especialista com grande audiência e grande autoridade

Em tese, esse é o especialista ideal para lançar um produto, pois é neste perfil que se encaixam grandes celebridades da internet.

O set up para esse especialista será alto, já que ele preza por isenção de risco a fim de garantir algum ganho, mas não necessariamente o royalty será alto.

Especialista com grande autoridade e baixa (ou nenhuma) audiência

É muito provável que o set up seja baixo e o royalty para o especialista fique em torno de 10% a 15%.

Como sua agência terá que construir audiência para divulgar o produto, anunciar muito conteúdo de forma paga, fazer publieditoriais e transformar o especialista em uma autoridade, será necessário muito investimento inicial para alavancar o produto.

Especialista com grande audiência e baixa autoridade

É muito comum encontrar casos desse cenário em grandes canais de YouTube, cujo foco são screencasts ou tutoriais em que não é preciso um apresentador em pessoa. Quando isso acontece, uma boa possibilidade é a afiliação.

Enquanto agência, você pode auxiliar creators de grandes canais a encontrarem boas oportunidades para divulgarem produtos relacionados aos seus nichos. Dessa maneira, sua agência ganhará uma parcela dos lucros das comissões.

Existe também a possibilidade de trabalhar a imagem do creator, transformá-lo em autoridade e criar um produto com base em sua especialidade.

Como escolher os especialistas para lançar produtos digitais?

A escolha do especialista é muito particular, porque dependerá do seu potencial de investimento e de suas habilidades de trabalhar os dois aspectos que mencionamos anteriormente (audiência e autoridade).

Se você está iniciando nesse mercado, terá acesso mais fácil a especialistas que não tenham audiência e caberá a você fazer esse trabalho, mas que se feito corretamente, impulsionará o seu negócio.

Independentemente do cenário que você irá atuar, analise os números do especialista (seguidores, tempo de atuação, engajamento dos seguidores, alcance das redes), o nicho de atuação e o potencial desse mercado.

Considere também o trabalho que você terá que desenvolver para lançar o produto.

Uma vez que você decidir quais especialistas irá abordar, é preciso estabelecer um contrato entre as partes envolvidas, para garantir que todos cumprirão seus papéis.

O que deve constar no contrato para o lançamento do produto digital?

Enquanto agência, você vai trabalhar com e-mail marketing, campanhas pagas, produção de materiais, edição, mas ainda assim, você precisará do especialista.

Ao fechar o contrato, liste todos os itens que serão de responsabilidade do especialista.

Garanta que ele vai dedicar tempo para criação de conteúdo para a divulgação do produto, para a gravação de vídeos (de divulgação e vídeo de vendas, por exemplo), bem como webinários/lives.

Se o produto for de venda recorrente (produto perpétuo), faça um acordo em que o produto seja mencionado com certa periodicidade nos canais do especialista. De preferência, de forma casual e não em formato de propaganda direta do produto.

Além disso, o especialista deve concordar que sua agência mandará e-mails em nome dele, para que a comunicação com o consumidor final seja prática e assertiva. Afinal de contas, é improvável que o especialista tenha conhecimento específico de campanhas de e-mail marketing.

Ele pode, inclusive, revisar os e-mails para garantir que o tom da fala está pertinente com a forma dele se comunicar, mas o ideal é que sua agência possa elaborar toda a estratégia.

Lembre-se: sua agência precisa ter autonomia para orquestrar todo o fluxo das estratégias de marketing.

Uma boa maneira de assegurar que você se comunicará  no mesmo tom do especialista, é estudar a forma como ele se porta. Esse papel ficará com o responsável pela redação dos e-mails.

Outra estratégia interessante é pedir para que o especialista redija textos argumentativos sobre temas diversos.

Outro tópico importante a se considerar no contrato é o suporte sobre o conteúdo. Esse tipo de dúvidas, somente o especialista poderá sanar. Uma dica interessante é registrar as dúvidas frequentes para que, com o tempo, a agência consiga responder a todo tipo de pergunta.

Garanta que o especialista irá se dedicar por volta de 20 horas por mês para responder as dúvidas referentes ao conteúdo.

E, por último, mas igualmente fundamental, é acordar pelo menos dois produtos para venda: a oferta principal e um upsell.

O upsell é uma ferramenta extremamente poderosa, considerando que é mais simples fazer uma nova venda para alguém que já comprou com você do que adquirir novos clientes.

Há quem aumente a lucratividade do negócio em 90%, 100% e até 130% apenas com upsell.

Conclusão

Se você já tem uma agência digital, essa é uma ótimo oportunidade para diversificar sua atuação e seus ganhos.

Se você pretende iniciar um negócio, recomendamos que comece com um lançamento menor para observar quais os desafios terá de enfrentar, antes de assumir uma responsabilidade ainda maior.

Comente abaixo em qual cenário você se encontra e quais são os planos para sua agência de lançamento de produtos digitais!

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.