Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Minicurso Hotmart

Você é professor?

Já tem conteúdo para ensinar?

Comece 2019 com o pé direito e sendo dono de seu próprio negócio.

Aprenda a criar seu curso online de forma gratuita.

QUERO ACESSAR O MINICURSO
Fechar 66 ideas de nichos de mercado para crear productos digitales

66 ideas de nichos de mercado para crear productos digitales

Descarga nuestra guía gratuita y conoce los mejores segmentos para emprender en Internet.

¡DESCARGA EL MATERIAL!

O que é o Certificado SSL e por que seu site precisa de um?

O que é o Certificado SSL e por que seu site precisa de um?

Veja como manter seu site seguro.

Você não sabe nada de protocolo HTTPS ou Certificado SSL?

Não se preocupe que, até o final deste post, você vai entender porquê é tão importante contar com esse mecanismo para reforçar a segurança do seu site.

Além disso, daremos dicas de boas práticas para manter seu site seguro, para você e para os usuários que o acessam.

O que é Certificado SSL?

O Certificado SSL (Secure Socket Layer) é um mecanismo de criptografia que reforça a segurança dos dados compartilhados via web.

Ele é reconhecido através do protocolo HTTPS e é indicado para proteger as informações contidas em sites, principalmente e-commerces, já que existe a troca de informações entre cliente e empresa e os dados precisam ser confidenciais.

Ao acessar um site com o certificado SSL, alguns sinais visuais podem ser notados, como o símbolo de um cadeado verde que antecede sua URL.

Desde o ano de 2017, é exibida também, na cor verde, a palavra Seguro. Isso mostra ao usuário que ele está acessando um ambiente confiável. Além disso, a letra s aparece ao lado do protocolo http, transformando-o em https.

Em caso de dúvidas, existe uma maneira de conferir a validade do Certificado SSL: basta clicar na imagem do cadeado que aparece na barra de seu navegador. Ali, serão exibidas informações sobre sua validade e a identidade da empresa.

Clicando em cima do certificado, aparecem ainda mais informações sobre a empresa e qual a certificadora responsável pela liberação do certificado.

Certificado SSL - imagem da página de informações do certificado

Exemplo de como é a visualização das informações do certificado SSL ao clicar no certificado validado.

Certificado SSL - imagem do pop up informando que a conexão é segura

Certificado SSL - imagem da barra de navegação

Exemplo da barra do navegador de um site que possui o Certificado SSL (HTTPS), juntamente com a informação de conexão segura.

Além disso, o Certificado SSL é importante para o ranqueamento do site no mecanismo de busca do Google, que considera segurança uma prioridade e, por isso, favorece o posicionamento dos sites que possuem o protocolo HTTPS nos resultados de busca.

Como funciona o Certificado SSL?

O Certificado SSL codifica dados confidenciais e, por isso, é imprescindível para sites que precisam compartilhar informações valiosas, como, por exemplo, uma loja online.

Mas não se engane! Se você não possui uma loja virtual, mesmo assim você ainda precisa de um certificado para garantir segurança extra para seu site.

O que é HTTPS?

O HTTPS – Protocolo de Transferência de Hipertexto Seguro – é o protocolo que informa aos usuários que visitam o site que este está seguro e protegido contra fraudes por roubo de informações.

O HTTPS pode ser visto quando o Certificado SSL está instalado. Sem um certificado válido, o s não é mostrado e o Google também sinaliza com a mensagem de Não seguro na URL do site, alertando os visitantes.

Nesse caso, recomenda-se não fornecer dados confidenciais sob risco de ter informações roubadas.

Certificado SSL - imagem da barra de navegação

Tipos de Certificados SSL

Existem 3 tipos de Certificados SSL com diferentes níveis de segurança. Além disso, eles podem ser emitidos por diferentes empresas certificadoras. As mais conhecidas são: Comodo, GeoTrust, Thawte e Symantec.

  1. Validação do Domínio: possui um nível de criptografia básico e o custo mais baixo dentre os três certificados.
  2. Validação da Organização: é o mais indicado para sites de empresas e lojas virtuais de médio porte. Além da validação de domínio, ele também verifica as informações da empresa.
  3. Validação Estendida: é o mais completo e possui o maior nível de segurança. Nessa versão, além de toda proteção que os outros certificados possuem, ele também destaca o nome da empresa antes do https na URL do link. Esse certificado é o mais indicado para empresas de grande porte.
Certificado SSL - imagem da barra de navegação

Exemplo de Certificado SSL com Validação Estendida.

Os certificados também se diferenciam pela quantidade de domínios que atendem.

  • Certificado SSL de domínio único: é permitido para apenas um domínio, ou seja, não pode ser instalado em outros endereços ou subdomínios.
  • Certificado SSL multidomínios: é permitido que mais domínios utilizem o mesmo certificado, com um limite estabelecido pela empresa emissora.
  • Certificado SSL curinga (ou WildCard): pode ser utilizado por todos os subdomínios que são vinculados ao domínio principal, sendo o grande diferencial desse tipo de certificado.

Como manter seu site protegido?

Além do Certificado SSL, existem outras práticas para proteger um site contra fraudes e roubo de informações. Apesar dos crimes cibernéticos parecem distantes de nossa realidade, eles estão mais próximos do que imaginamos.

O Canaltech alerta para a evolução dos ataques em 2018.

O canal Security Report informou a tendência das principais fraudes eletrônicas, e a captura de dados de contas invadidas continua em alta. Eles afirmam que esse tipo de golpe soma mais de 7 bilhões de dólares em prejuízos anuais.

Ou seja, esse é o momento de pensar em mecanismos para reforçar a segurança de um site, já que os crimes e fraudes na internet estão cada vez mais elaborados.

Para isso, separamos alguns exemplos de cuidados essenciais para seu site. Veja as dicas abaixo:

  • Sempre atualize seus plugins e aplicações. Quando um plugin fica desatualizado, ele abre uma brecha para que um hacker consiga entrar em suas configurações;
  • Utilize senhas fortes e nunca use a mesma senha para diversas plataformas. Aposte nos caracteres especiais e letras maiúsculas e minúsculas. De preferência, utilize um gerador de senhas. Ele cria senhas fortes automaticamente;
  • Faça backups com frequência. Mesmo que você tenha todo o cuidado com seu site, às vezes, por um descuido, pode acabar perdendo tudo. Para que isso seja evitado, recomenda-se a prática de manter um backup, no mínimo semanal, visando evitar maiores danos;
  • Existem outras ferramentas de segurança muito importantes e úteis, como o SiteLock. Ele faz um monitoramento constante em seu site, em tempo real, procurando vírus e vulnerabilidades. Se algum malware for encontrado, o próprio Sitelock tentará removê-lo. No caso de não conseguir, ele envia uma informação para o administrador do site por e-mail;
  • Se, ao acessar um site, ele for bloqueado ou aparecer um aviso de site não seguro, só prossiga se realmente tiver certeza de que o local é confiável;
  • Nunca compartilhe dados financeiros ou senhas por e-mails ou ambientes que não criptografam as informações;
  • Mantenha sempre a data e o horário de seu computador atualizados. Isso evita que um certificado que esteja desatualizado seja considerado válido pelo sistema;
  • Além disso, conheça as possíveis fragilidades de seu sistema. Quanto mais você souber como evitar furos de segurança, menos risco você corre.

Por que instalar o Certificado SSL?

Se você ainda não se convenceu de que precisa instalar um certificado de segurança em seu site para manter suas informações e a de seus clientes seguras, te damos mais alguns motivos para não perder tempo e instalar logo um Certificado SSL.

1. Instalação

A instalação é rápida e fácil, além de gratuita. Utilizando a HostGator como exemplo, você consegue instalar diretamente da sua área do cliente, sem precisar baixar nenhum software para instalar corretamente o certificado.

2. Otimização

Como falamos acima, o Google está priorizando o ranqueando dos sites que possuem maior segurança. Instalando o Certificado SSL, sua chance de aparecer entre os primeiros no Google aumenta consideravelmente.

3. Credibilidade

Transforme seu site em um local onde seu cliente ou usuário sinta-se seguro e confiante para realizar operações. Isso aumenta a credibilidade de seu negócio.

Tipos mais comuns de fraudes

Algumas fraudes são bem comuns, como, por exemplo, o sequestro de contas que é realizada por meio de phishing.

Ele funciona da seguinte forma:

Os fraudadores enviam e-mails maliciosos em nome de empresas conhecidas e direcionam o cliente para uma página falsa, idêntica à verdadeira. Nessa página, é solicitado login, senha e dados confidenciais. O usuário, acreditando estar na página correta, acaba fornecendo todas suas informações pessoais e bancárias. Com esses dados em mãos, os fraudadores conseguem efetivar compras online não autorizadas.

Existe também a prática conhecida como roubo de identidade, que ocorre quando o fraudador utiliza a identidade de terceiros para obter créditos online ou benefícios financeiros.

Ainda, há outras diversas formas de fraudes online, e quanto menos seguro um site estiver, maior é a chance de que ele se torne um alvo.

Uma pesquisa feita pela ClearSale aponta que a cada 100 reais gastos em e-commerce, 3 reais sofreram tentativas de fraude. Já em compras movimentadas por mobile, a cada 100 reais, 5 sofreram tentativas de fraude.

O mercado de ecommerce no Brasil prevê movimentar R$ 69 bilhões no ano de 2018, de acordo com informações da Associação Brasileira do Comércio Eletrônico, somando aproximadamente mais de 220 milhões de pedidos em lojas virtuais.

Com o setor cada vez mais disputado e em constante evolução e crescimento, é preciso ter todo o cuidado para evitar invasões e hackeamento.

E então, ficou mais fácil visualizar a importância de manter seu site seguro? Para saber mais informações, acesse nosso blog.

* Guest post produzido por Juliana Fragoso, Analista de Comunicação da HostGator Brasil.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.