Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Black Week Hotmart

Quer fazer mais vendas? Participe da Black Week Hotmart. Nos últimos anos, os números foram impressionantes: aumento de 200% em vendas em um único dia!

Quero participar

Como anunciar no Instagram: o passo a passo para promover sua marca nessa rede social

Como anunciar no Instagram: o passo a passo para promover sua marca nessa rede social

É impossível ignorar o Instagram na hora de criar seus anúncios. Aprenda o passo a passo para anunciar nessa rede social!

Nos últimos anos, o Instagram deixou de ser apenas uma rede de compartilhamento de imagens para se tornar uma das principais ferramentas para empresas e influenciadores digitais que desejam atrair visibilidade e criar um relacionamento com sua audiência.

Mas foi só em 2015 que essa rede social social passou a permitir que perfis empresariais veiculassem anúncios na plataforma, facilitando a vida de empreendedores que desejavam capitalizar seus seguidores e gerar renda online.

Fique sabendo que se juntar a esse grupo é bem mais simples do que você imagina.

Basta ter alguns cuidados para criar um conteúdo atrativo, que não atrapalhe a experiência de seus seguidores e do público que você pretende atingir.

Como anunciar no Instagram? Veja o passo a passo:

Índice
1º passo: Acesse o Gerenciador de Anúncios 2º Passo: Crie sua campanha e escolha o objetivo 3º Passo: Segmente o público-alvo  4º Passo: Altere o posicionamento 5º Passo: Defina o orçamento da campanha 6º Passo: Crie seu anúncio 7º Passo: Revise seu conteúdo e publique

Continue lendo nosso post e confira o tutorial completo sobre o assunto, além de dicas para criar anúncios que realmente convertem!

Breve histórico sobre o Instagram

A menos que você não tenha acesso à internet ou more na China, é praticamente impossível que você nunca tenha ouvido falar sobre o Instagram.

Mas caso você ainda não esteja na rede social (o que é pouco provável, já que está lendo esse post), fizemos um pequeno resumo sobre o Instagram e como ele mudou desde seu surgimento, em 2010.

2010

Mike Krieger e Kevin Systrom criaram o Burbn, aplicativo que deu origem ao Instagram. Na época, a ferramenta permitia tirar fotos, fazer check in e listar os planos para o final de semana.

Em outubro do mesmo ano, o Burbn foi repensado e passou a ter as funcionalidades e o layout mais parecido com aquele que conhecemos hoje. Com a nova fase, também houve uma mudança no nome do aplicativo, que passou a se chamar Instagram.

Com o novo formato, e mais de 20 milhões de dólares de aporte financeiro, o Instagram conquistou mais de um milhão de usuários em menos de três meses de atividade, o que foi uma marca impressionante, considerando que o serviço só estava disponível para aparelhos da Apple.

2011

A Apple elegeu o Instagram como melhor aplicativo do ano para iPhones. Paralelo a esse reconhecimento, a equipe de desenvolvedores da rede social estava trabalhando para disponibilizar o Instagram para aparelhos Android.

2012

Em 2012, o aplicativo ganhou sua versão para Android e foi comprado pelo Facebook, em uma transação estimada em 1 bilhão de dólares. Com isso, ele passou a integrar um dos maiores conglomerados digitais do mundo, que hoje é composto por Facebook e Whatsapp.

2017

O Instagram ultrapassou a marca de 700 milhões usuários ativos, tornando-se a rede social que mais cresce no mundo (23% ao ano). Esses números mostram porque a ferramenta não pode ser ignorada em qualquer estratégia de conteúdo.

2018

O IGTV é lançado para iniciar um novo capítulo de vídeos no Instagram e os usuários passaram de 1 bilhão neste ano.

2019

O Instagram começou a testar mudanças para aumentar a segurança dos usuários e também para diminuir os impactos da rede social na saúde mental das pessoas. Uma das mudanças relacionadas a saúde mental foi a retirada do número de curtidas das fotos. 

Apesar disso, cada um ainda consegue visualizar o número de curtidas em suas próprias fotos, o que não atrapalha a análise das métricas.

Além disso, em 2019, o Instagram começou a permitir o agendamento de publicações por meio do Gerenciador de anúncios do Facebook para Empresas, uma novidade ótima para quem trabalha com a plataforma.

O que é Instagram Ads?

O Instagram Ads engloba todos os anúncios que são exibidos no Instagram. Eles são uma ferramenta a mais para empresas/empreendedores que pretendem atingir sua audiência no momento em que ela está navegando pelo aplicativo.

Os anúncios criados no Instagram possuem o formato de fotos ou vídeos e, a partir deles, as empresas podem divulgar seus produtos e criar relacionamentos com clientes e potenciais clientes.

Esses conteúdos se diferem das postagens comuns pelo termo “patrocinado”, que aparece no canto superior direito da tela, conforme imagem abaixo.

Exemplo de post patrocinado no Instagram

Qual a finalidade de anunciar pelo Instagram?

A empresa que anuncia no Instagram está querendo atrair novos clientes, certo? Também, mas não é apenas isso!

Uma campanha de anúncios pode ter várias finalidades, desde a venda do produto, até criar uma comunidade de seguidores engajados ao redor de sua marca.

Esse objetivo determinará todos os detalhes de seu anúncio: desde a escolha do texto, até a segmentação.

Quem pode anunciar no Instagram?

Em 2015, o Instagram permitiu que empresas anunciassem dentro da plataforma. Mas não sem antes realizar alguns testes. No início, apenas grandes marcas como Avon, Nivea, Close-up e Coca-Cola puderam usar o espaço para expor publicidade.

Hoje, qualquer empresa ou empreendedor pode anunciar na rede social, desde que siga as políticas de publicidade do Instagram.

A única exigência é que o conteúdo veiculado pelas empresas seja relevante para o público. O ideal é que o anúncio tenha o mesmo aspecto de um post comum, para que as pessoas curtam e interajam com ele.

Quanto custa anunciar no Instagram?

De acordo com informações do Facebook, os que desejam anunciar no Instagram têm a opção de escolher entre orçamento diário ou vitalício, que é um valor para ser gasto durante toda a vida útil do conjunto de anúncios.

Na maioria dos casos, o valor mínimo que você pode gastar por dia varia entre US$ 1 e US$ 5. Se você está começando a anunciar agora, sugerimos que você comece com orçamentos menores e vá aumentando o investimento conforme o desempenho da campanha. Dessa forma, você evita gastos não previstos pelo seu plano de negócios.

Lembre-se que o orçamento, o tipo de lance escolhido e a segmentação determinarão quantas pessoas verão seu anúncio e, consequentemente, quantas pessoas clicarão nele.

Portanto, tenha cuidado para criar uma publicidade atrativa e que, ao mesmo tempo, esteja alinhada aos interesses de sua persona, combinado?

Além da opção de criar seus próprios anúncios, você pode impulsionar uma publicação já existente. Nesse caso, valem os mesmos cuidados que citamos anteriormente: ao escolher os posts para impulsionar, tente encontrar um equilíbrio entre seus objetivos de negócio e o tipo de informação que pode ser relevante para sua audiência.

Quais são os formatos de anúncios permitidos no Instagram?

Por ser uma plataforma de compartilhamento de imagens, o Instagram só permite alguns formatos de anúncios. Falamos sobre eles a seguir.

Anúncios com fotos

Exemplo de anúncio com foto no instagram

Neste formato, você utiliza apenas uma imagem para contar uma história sobre sua empresa, produto ou, simplesmente, anunciar uma novidade.

Para criar anúncios com fotos, seus arquivos devem estar no formato .jpeg ou .png. O anunciante tem a liberdade de usar tanto fotos feitas com câmeras DSLR, como aquelas feitas a partir do próprio celular. Não existem restrições, desde que a imagem esteja com boa qualidade.

Sobre as características das fotos:

  • A imagem deve ser de 1080 x 1080 pixels para anúncios quadrados, e de 1200 x 628 pixels no formato paisagem (o formato paisagem é aquele com disposição retangular, cuja largura é maior do que a altura da foto) .
  • As imagens selecionadas precisam ter resolução mínima de 600×600 pixels.

Anúncios com vídeos

Exemplo de anúncio em vídeo no instagram

O Instagram também permite anúncios com vídeos. Essa pode ser uma ótima opção para tutoriais de curta duração sobre seu produto.

Sobre as características do vídeo:

  • A plataforma permite vídeos de até 60 segundos.
  • Assim como as fotos, o tamanho é de 1080 x 1080 pixels para vídeos quadrados, e 1200 x 628 no formato paisagem.

Carrossel de fotos

 

Neste formato, é possível criar uma galeria de, no mínimo, duas e, no máximo, dez imagens, e vinculá-las em um mesmo anúncio. Abaixo da publicação, aparecem ícones mostrando para o usuário que ele pode visualizar outras fotos se “arrastar” a tela para o lado.

Sobre as características das fotos:

  • As imagens devem ser de 1080 x 1080 pixels para anúncios quadrados, e de 1200 x 628 pixels no formato paisagem. Vale ressaltar que todas elas devem ter o mesmo formato de exibição para que o anúncio fique harmônico.
  • As fotos precisam ter resolução mínima de 600×600 pixels e máxima de 1080 x 1080 (no caso de imagens no formato paisagem).

Anúncios de coleção

Exemplo de anúncio de coleção

Fonte: https://business.instagram.com/

É possível fazer anúncios de coleção, exibindo vários produtos e seus preços. Este formato permite vídeos, imagens ou ambos.

Anúncio no Stories

Desde 2016, o Instagram adicionou a função Stories (histórias), que são imagens ou vídeos de curta duração, que desaparecem 24 horas depois de postadas. Mas para usar essa funcionalidade, você deve marcar a opção Alcance como objetivo de sua campanha.

Você ainda pode inserir links no stories para direcionar pessoas para sua página. Essa função é liberada para perfis verificados (aqueles com o “selo azul”) e perfis de negócios (business).

Se sua página ainda não se enquadra em nenhuma dessas categorias, Basta entrar em seu perfil, clicar nos três risquinhos no canto superior direito > Configurações > Conta > Mudar para conta profissional para fazer a migração.

Perfil profissional no instagram

>>> Aproveite para ler nosso texto sobre como conquistar mais seguidores no Instagram.

Sobre as características dos anúncios na função Stories:

  • Permitem vídeos de 15 segundos de duração ou imagens de até 5 segundos;
  • Os vídeos devem estar no formato .mp4 e .mov, e as fotos em .jpeg e .png;
  • As fotos não podem ultrapassar 30MB, enquanto vídeos devem ter no máximo 4GB.

Especificações de texto

Independentemente do formato escolhido para seus anúncios, as regras para o texto são as mesmas. Se o texto estiver sobreposto à imagem, ele não pode ocupar mais do que 20% da foto.

Já a descrição do anúncio é limitada a 2.200 caracteres. A nossa dica é evitar textos longos pois, nesse caso, o usuário precisa clicar em “Saiba mais” se quiser ler a mensagem inteira.

Passo a passo para anunciar no Instagram

Quem já sabe criar anúncios no Facebook terá facilidade em anunciar no Instagram, já que o processo é igual nas duas redes.

Mas se você está começando agora, não se preocupe, pois, com nosso passo a passo, você será capaz de criar seus anúncios, mesmo sem ajuda de um profissional.

Vamos lá?

1º passo: Acesse o Gerenciador de Anúncios

Para criar um anúncio no Instagram, você precisa ter uma conta no Facebook e vinculá-la ao Instagram.

Com isso, basta entrar em business.instagram.com/ e clicar em Criar anúncio. Logo, você entrará na página do gerenciador.

Página web do Business Instagram

Também é interessante ter uma página do Facebook para seu negócio, caso você queira criar sua página no Facebook, vá no seu feed e clique em Criar > Página, no menu.

Menu do Business Instagram: criando uma página

2º Passo: Crie sua campanha e escolha o objetivo

Ainda no painel do Gerenciador de Anúncios, escolha entre Criar nova campanha ou Usar Campanha existente.

Então, escolha o objetivo de sua campanha. Pode ser:

  • Reconhecimento de marca
  • Alcance
  • Tráfego
  • Envolvimento
  • Instalação de aplicativo
  • Visualizações do vídeo
  • Gerações de cadastros
  • Mensagens
  • Conversões
  • Vendas do catálogo
  • Tráfego no estabelecimento

Criando uma campanha no instagram

3º Passo: Segmente o público-alvo 

Para seus anúncios performarem bem, você não pode veiculá-los para qualquer pessoa, mas sim para aqueles usuários que tenham demonstrado interesse pelo assunto que você aborda. Caso contrário, você terá poucos cliques e uma taxa de conversão pior ainda.

O Facebook oferece várias opções de segmentação, que podem ser combinadas para alcançar seu público-alvo.

Os anúncios podem ser segmentados por:

  • Idade;
  • Gênero;
  • Localização geográfica;
  • Interesses;
  • Dispositivos de acesso;
  • Públicos personalizados (quem já acessou seu site ou faz parte de sua lista de leads);
  • Públicos semelhantes (esta é uma excelente opção para quem deseja atingir perfis com interesses e perfis semelhantes ao de seus clientes).

Segmentando o público no instagram

4º Passo: Altere o posicionamento

Atualmente, o Facebook tem a opção de Posicionamentos Automáticos, na qual você pode veicular anúncios que as pessoas verão na guia Página inicial no aplicativo móvel do Messenger. Essa é a configuração recomendada pela rede ao criar um anúncio.

E é aí que entra um detalhe importante.

É possível exibir o mesmo anúncio tanto no Facebook como no Instagram, no entanto, nós não recomendamos que você faça isso, pois a linguagem das duas redes é bem diferente.

Portanto, se quiser exibir seu anúncio apenas no Instagram, você deve selecionar a opção Editar posicionamentos e desmarcar as outras opções de veiculação.

Alterando o posicionamento de uma campanha no intagram

5º Passo: Defina o orçamento da campanha

Após criar seu grupo de anúncios, você deve definir o orçamento e o tempo de veiculação da campanha.

Esse prazo de duração depende de seu objetivo, exceto para anúncios sobre eventos, que estão atrelados a uma data específica.

Definindo o orçamento de uma campanha no instagram

6º Passo: Crie seu anúncio

Aqui, você pode criar um anúncio do zero, seguindo as especificações de texto/vídeo e texto que já mencionamos.

Faça o upload dos arquivos, crie o título, a descrição, o url (se necessário para seu objetivo), o texto principal e a chamada para a ação.

O Instagram disponibiliza várias opções de Call To Action para seu anúncio, como:

  • Solicitar agora
  • Reservar agora
  • Fale conosco
  • Saiba mais
  • Comprar agora
  • Cadastre-se
  • Assistir mais
  • Sem botão

A escolha do texto do CTA dependerá do objetivo de sua campanha.

Mão na massa: criando um anúncio no instagram

7º Passo: Revise seu conteúdo e publique

Depois de criar seu anúncio, você tem a oportunidade de revisá-lo pela última vez, antes de publicá-lo.

Certifique-se de verificar como o anúncio será exibido nos diferentes tamanhos de tela. Esse detalhe é importantíssimo, já que quem acessa o Instagram faz isso, na maioria das vezes, pelo celular.

Depois disso, é só clicar em Publicar.

Parabéns, você criou seu primeiro anúncio! Não falamos que era simples?

Promova publicações diretamente pelo Instagram

Se você não quiser utilizar o Gerenciador de Anúncios, pode criar anúncios diretamente pelo Instagram, mas, para isso, seu perfil precisa ser business.

O processo de criação na ferramenta é simples e intuitivo. Selecione o post que você deseja, e clique na opção Promover.

A publicação deve estar de acordo com os critérios exigidos pelo Facebook.

Depois disso, basta seguir as orientações do aplicativo.

Meça seus resultados

Depois que o anúncio estiver no ar, começa a última etapa do processo, que é medir os resultados.

Apenas dessa forma você conseguirá saber se os anúncios feitos no Instagram trouxeram algum resultado para sua empresa e se vale a pena continuar investindo nessa mídia para fazer sua divulgação.

O Facebook já entrega um relatório bem completo sobre a quantidade de cliques no anúncio, o custo por clique, o número de curtidas e comentários, que podem ser bem úteis para determinar se sua abordagem foi bem recebida por sua audiência.

Mas, para saber quanto daquelas interações foram convertidas em retorno financeiro, você pode configurar um pixel de rastreamento de conversão. O nome é complicado, mas nós explicamos o passo a passo para configurar seu pixel aqui.

Essa ferramenta é fundamental para empresas que desejam fazer remarketing e impactar pessoas que já visitaram seu site, mas que, por alguma razão, não fizeram a compra.

Dicas para fazer um bom anúncio

Cada anúncio atende um objetivo específico, logo, não existe uma fórmula única para criá-los.

Mas você pode seguir algumas dicas para criar uma publicidade atrativa e que ainda te ajude a alcançar bons resultados, seja na geração de renda, na atração de leads ou que aumente a  visibilidade de seu negócio.

Escolha boas imagens

Para prender a atenção do usuário, o anúncio deve ser impactante. Quando falamos de uma rede de compartilhamento de imagens, como é o caso do Instagram, isso significa fotos de boa qualidade, com alta resolução.

Vale lembrar que, para criar boas imagens, você não precisa de uma câmera profissional. O mais importante é respeitar as regras de enquadramento e resolução, que fazem toda a diferença na hora de chamar a atenção no feed do usuário.

Use filtros

O recurso de filtros do Instagram existe para ser usado! Além de deixar suas fotos com aspecto mais bonito e profissional, já que você pode utilizá-los para corrigir pequenos “defeitos” na imagem, os filtros são muito úteis para criar um contexto e passar sua mensagem.

Pense em #hashtags

Hashtags são usadas em publicações de redes sociais para identificar o assunto que é abordado naquela postagem e tornar o post mais divertido.

É composta pelo símbolo # (jogo da velha), seguido de uma palavra-chave. No caso de anúncios, uma boa dica é criar suas próprias hashtags, palavras ou expressões que sejam facilmente associadas a você e a seu produto.

Agora que você já sabe criar um anúncio, confira nosso post sobre como vender no Instagram para aprender outras estratégias de marketing que podem ser utilizadas, além da publicidade paga.

 

Este post foi originalmente publicado em setembro de 2017 e atualizado para conter informações mais completas.

 

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.