Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Três dias imperdíveis para aprender tudo sobre o mercado digital!

Três dias imperdíveis para aprender tudo sobre o mercado digital!

Garanta seu ingresso
Fechar Como criar o ebook perfeito para vender pela internet

Como criar o ebook perfeito para vender pela internet

Receba nosso material gratuito que ensina todo o processo para criar um ebook perfeito

Download gratuito

Como é o ciclo de vida do produto digital?

Como é o ciclo de vida do produto digital?

Entenda quais são as etapas do ciclo de vida de um produto digital e como evitar o saturamento.

Como consumidores, compramos centenas de produtos todos os anos. Assim como nós, os produtos também têm um ciclo de vida.

Um item de longa data, com o tempo, pode se tornar menos popular, algo que se deve à demanda por bens mais modernos, em alta principalmente depois de lançamentos.

Mas, se tratando do mundo virtual, como é o ciclo de vida do produto digital? A internet tem as suas especificidades, bem como produtos ligados diretamente a ela.

Por isso, confira, a seguir, como é o ciclo de vida desse tipo de produto e as principais dicas para prolongá-lo!

Afinal, o que é ciclo de vida do produto?

O ciclo de vida do produto (CVP) é definido pelas fases pela qual ele passa desde o seu lançamento até o seu declínio — algo que depende, também, bastante do mercado.

Esse ciclo pode ser dividido em etapas de acordo com o volume de vendas do período. No total, são quatro estágios, cada um com as suas características:

Introdução

A fase de introdução é considerada decisiva para o negócio. Ela tem um alto custo, visto que engloba o lançamento do produto, gastos com pesquisas, testes com o consumidor e marketing para a divulgação, além do desenvolvimento de protótipos.

Nessa fase, o mercado é geralmente pequeno para o produto e as vendas ainda são baixas, apesar de estarem aumentando.

Também é nessa etapa que acontece a atração de clientes, logo, as estratégias precisam estar bem definidas. Assim, é importante investir em canais para o relacionamento com o consumidor, como as mídias sociais, ou, ainda, em digital influencers, dependendo do tipo de produto que se quer lançar.

Crescimento

Esse estágio é marcado pelo forte crescimento de vendas e também de lucratividade. O negócio pode começar a se beneficiar da economia de escala na produção, obtendo um aumento na margem de lucro.

Consequentemente, o empreendedor tem a possibilidade de investir mais dinheiro na promoção do produto, a fim de maximizar o potencial de crescimento.

Para garantir o sucesso nessa fase, é preciso adotar algumas estratégias, como a consolidação do marketing, otimização da logística e também a fidelização de clientes.

Maturidade

A etapa de maturidade é caracterizada pelo estabelecimento do produto. O objetivo do empreendedor é manter a posição no mercado, conquistada durante a fase de crescimento.

É preciso ter atenção, pois o período é de alta competitividade, o que faz com que os investimentos devam ser feitos com sabedoria.

Vale lembrar que, nessa fase, é necessário considerar possíveis modificações no produto. Afinal, hoje lidamos com mudanças constantes e novidades que surgem a todo o momento, o que pode tornar o produto obsoleto rapidamente se ele não for bem planejado e adaptado. Mais uma vez, essa é uma estratégia que garante a vantagem competitiva.

Declínio

Eventualmente, o mercado de um produto começa a encolher — a isso, damos o nome de declínio. Nesse contexto, um produto digital precisa passar por constantes modificações, pois os anseios do consumidor variam rapidamente, o que exige flexibilidade.

O investimento em campanhas promocionais é uma das melhores estratégias, junto de ações voltadas ao preço do produto.

Vale ressaltar que nem sempre isso é negativo, visto que o produto pode ter uma venda sazonal e receber algo complementar a ele, criando, assim, um novo ciclo.

Imagine um curso sobre marketing digital: se ele se torna obsoleto e entrar em declínio, uma versão 2.0 pode ser criada.

Ciclo de vida em produtos digitais: como funciona?

Saber como é o ciclo de vida do produto digital e entender suas especificidades é importante devido às suas diferenças em relação ao produto tradicional.

A transformação digital passou a exigir mais dos empreendedores — principalmente daqueles que investem em produções para o meio digital.

A introdução de produtos digitais, por exemplo, pode ser favorecida por algumas ferramentas como a antecipação do lançamento de um produto no mercado.

Além disso, parte-se do pressuposto de que a utilização de ações de marketing digital ajuda a tornar o produto reconhecido em um curto espaço de tempo.

Por isso, nessa fase, é preciso ter em mãos o mapeamento das personas do negócio. Tal documentação ajudará no entendimento sobre a real necessidade do seu público, auxiliando, assim, na maior precisão de ações estratégicas, como a potencialização da abrangência territorial do produto.

Nas fases de crescimento e maturidade, um ponto importante é a utilização de métricas. Utilizar os indicadores certos ajudará na hora de entregar e evoluir o seu produto e sua marca.

No caso de produtos digitais, algumas métricas têm grande relevância, como:

  • custo de aquisição por cliente;
  • taxa de churn;
  • ticket médio;
  • lifetime value;
  • margem de contribuição.

Por meio desses indicadores, é possível identificar pontos falhos na atuação e o alinhamento do produto em relação às demandas do cliente, a fim de que as mudanças corretas — como, por exemplo, atualização do conteúdo — possam ser realizadas.

Eventualmente, o declínio acontecerá, especialmente no que diz respeito a um produto digital. No entanto, se você não deseja que isso aconteça, é importante ler as dicas do tópico a seguir.

O que fazer para manter seus produtos digitais atualizados?

Tão importante quanto conhecer o ciclo de vida do produto digital é entender o que fazer para mantê-lo sempre atualizado.

No tópico anterior, destacamos como isso funcionaria. Agora, vamos detalhar melhor a questão.

Ter um bom posicionamento de marca

Mesmo que você seja um produtor individual, é importante ter um posicionamento forte de marca. Isso fará com que haja um diferencial frente a concorrência e o ajudará a criar produtos mais alinhados ao que seu público espera da marca.

Para isso, é necessário trabalhar as estratégias de marketing, procurar manter um relacionamento próximo ao consumidor e ter um discurso que preze por dar continuidade aos valores previamente estabelecidos.

Aumentar algumas fases do ciclo de vida do produto

A partir do momento em que o CVP é bem planejado, as chances de fortalecer o item oferecido aumentam, o que possibilita o prolongamento de algumas fases desse ciclo, como a de crescimento. Logo, as estratégias de marketing são cruciais para atrair e reter os consumidores.

Procure criar maneiras de divulgar o produto para mantê-lo em ascensão. Quando for lançar uma nova versão de um curso online, por exemplo, entre em contato com clientes que já adquiriram a versão anterior também.

Atualizar-se de acordo com o mercado

É preciso estar atento ao mercado, às mudanças e novidades que surgem.

Por exemplo: um curso de marketing digital precisa ser constantemente atualizado devido à inserção de novas tecnologias no meio e ao surgimento ou fortalecimento de determinados canais.

Aliás, falando em atualização, observe quais formatos são preferidos pelo seu público (vídeo, ebooks, lives e outros) e busque trazer mais interatividade ao conteúdo passado.

Assim, os alunos poderão aprender de maneira dinâmica e ainda absorver melhor o que está sendo passado, algo que reflete a qualidade do produto.

Invista na atualização constante

Como você pode ver sobre o ciclo de vida de produtos digitais, a saturação é um fato, mas é possível evitá-la com atenção e cautela.

Portanto, conhecer e acompanhar o ciclo de vida do seu produto tornará mais fácil identificar o momento em que se deve focar na atualização e o que deve ser feito em cada caso.

Como você viu, mudar o formato ou acrescentar um novo é um ótimo meio de manter um produto digital atualizado. Que tal criar um curso online em vídeo?

Baixe nosso material completo gratuitamente e aprenda agora mesmo!

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.