Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Como estudar para concurso: 15 dicas simples para você aplicar

Como estudar para concurso: 15 dicas simples para você aplicar

Um guia para ajudar a organizar sua rotina de estudos.

Ter um cargo federal ou estadual é o sonho de muitos brasileiros. Porém, para que isso seja possível, é necessário fazer uma prova que, geralmente, é bem difícil.

Estudar para um concurso público pode ser exaustivo e caro, principalmente se pensarmos nos cursinhos mais conhecidos pelo alto índice de aprovação nesse segmento.

Por esse motivo, uma alternativa bastante utilizada é estudar por conta própria, utilizando materiais disponíveis tanto na internet como até mesmo em apostilas impressas.

Sabemos que nem sempre é fácil ter uma rotina de estudos. Por isso, preparamos este material com dicas que vão te ajudar a se organizar melhor para você fazer a tão sonhada prova.

Leia até o final e veja como estudar para concurso!

Índice
  1. Defina sua área de atuação
  2. Escolha o concurso para o qual você quer estudar
  3. Entenda os temas abordados no concurso
  4. Veja o que você sabe e o que não sabe
  5. Defina um horário de estudos diários
  6. Organize seu local de estudos
  7. Faça um cronograma de estudos
  8. Procure apostilas e materiais para utilizar
  9. Intercale matérias conhecidas e desconhecidas
  10. Faça pausas para descansar
  11. Treine seu conhecimento com exercícios
  12. Procure formas diferentes de aprendizado
  13. Refaça provas antigas do concurso
  14. Faça um curso preparatório
  15. Mantenha-se motivado

1. Defina sua área de atuação

Todo concurseiro de plantão sabe que existem diversas áreas para as quais pode se candidatar.

Muitas vezes, é tentador se inscrever em todos os concursos que aparecem durante o ano. Porém, é preciso tomar muito cuidado com essa estratégia.

Não estamos dizendo aqui que você não deve e nem pode fazer mais de uma prova por ano. 

Mas pode ter certeza de que, se você escolher uma área de atuação, será muito mais prático estudar para os concursos.

E mesmo que você se inscreva em mais de um concurso, ao definir apenas uma área, é bem provável que os assuntos que você precise estudar sejam os mesmos.

Por isso, pense no que você gosta de fazer e com o que você gostaria de trabalhar. Depois disso, selecione os concursos que têm relevância para você.

2. Escolha o concurso para o qual você quer estudar

Mesmo depois de escolher a área na qual você quer atuar, é possível que alguns assuntos sejam diferentes de um concurso para o outro. É claro que não vão ser todos, mas existem alguns temas específicos para cada prova.

Por isso, na hora de organizar seu cronograma de estudos (ainda vamos falar sobre isso), pense nas datas de cada prova e foque naquela que está mais próxima de acontecer.

Essa estratégia vai te ajudar a não misturar os assuntos que serão abordados em cada prova.

Além disso, não esqueça de colocar na conta o valor de cada inscrição e a localidade das provas. 

Afinal, pode ser que você precise viajar para prestar o concurso, e é muito importante se planejar financeiramente para não ter nenhuma surpresa depois.

3. Entenda os temas abordados no concurso

Com os concursos escolhidos, é hora de começar a organizar seu cronograma de estudos.

O primeiro passo é ler todo o edital do concurso. 

Sim! Nós sabemos que isso é um pouco chato e bem extenso, mas você não quer ser pego de surpresa por não saber exatamente o que precisa estudar, não é mesmo?

É no edital que você vê quais são os assuntos abordados no concurso. Só assim você conseguirá definir como estudar para concurso.

Se você se inscreveu para realizar mais de uma prova, nossa sugestão é separar os conteúdos por concurso.

Você pode fazer uma tabela simples com:

  • Nome do concurso;
  • Data e local de realização da prova;
  • Conteúdos que serão cobrados na prova.

Não precisa ser nada muito complexo. Até mesmo uma planilha no Excel ou Google Sheets pode te ajudar.

Mas para ficar mais organizado, dá uma olhada neste planner simples que preparamos e que você pode baixar, imprimir e apenas completar com as informações de suas provas:

Como estudar para concurso: exemplo de um planner para utilizar para organizar as matérias que precisam ser estudadas

4. Veja o que você sabe e o que não sabe

Com os conteúdos em mãos, o próximo passo para te ajudar a organizar seus estudos é entender quais são os temas que você já conhece e domina, e quais precisa estudar mais.

Por que fazer isso?

Para que, na hora de definir seu cronograma de estudos, você consiga separar mais tempo para aprender o que ainda não conhece e não esquecer de rever o que já sabe bem.

Uma dica aqui é pegar o planner que você imprimiu da dica anterior e marcar com marcadores de texto de cores diferentes as matérias que você já domina e as que precisam de mais atenção.

Por exemplo:

  • Marque de amarelo todo conteúdo que você não conhece ainda;
  • Marque de rosa os assuntos que já estudou, mas ainda precisam de mais exercícios para fixar o conhecimento;
  • Marque de azul os temas que domina bem e que só precisam ser revisados.

Não se esqueça de incluir essas marcações na parte reservada para a legenda de seu planner. 

Mesmo que você saiba o que cada cor significa, é muito importante deixar tudo registrado, porque isso facilita o entendimento na hora que você estiver estudando.

5. Defina um horário de estudos diários

Para dar conta de estudar todo conteúdo abordado em um concurso, você precisa aprender a organizar seu tempo.

E não estamos falando apenas do tempo de estudos, mas de toda sua rotina. Afinal, você não quer ficar sobrecarregado.

Se você trabalha durante o dia, as coisas podem ficar um pouco mais complicadas, porque você tem um horário a cumprir em seu emprego. Mas não se desespere!

É possível separar algumas horas, seja quando você chegar do serviço ou até mesmo 30 minutos de seu horário de almoço, para estudar. 

Se esse for seu caso, você pode deixar para estudar os conteúdo mais complexos nos finais de semana.

Sim, você terá que sacrificar um pouco seu tempo de descanso, mas calma que não é tudo não (inclusive, você precisa de tempo para descansar e vamos falar sobre isto ainda).

Agora, se você pode se dedicar totalmente ao concurso, o horário de estudos diários é mais flexível. Mas tome cuidado para não deixar tudo muito solto e acabar não estudando nada.

Defina um horário e procure cumpri-lo. Pense em qual período de tempo você é mais produtivo e escolha entre manhã, tarde ou noite para estudar para concurso.

O que queremos dizer com esta dica é que o mais importante é a constância. Por isso, reserve, nem que seja 1 hora de seu dia, para repassar as matérias e aprender algo novo para sua prova.

6. Organize seu local de estudos

Tão importante quanto definir um horário para estudar é ter um local adequado para isso.

Não caia na pegadinha de estudar deitado na cama. Pode até ser confortável, mas a probabilidade de você cair no sono é muito alta.

Evite também locais muito barulhentos e com interferência constante de outras pessoas.

Você pode até usar a sala de sua casa para estudar, mas lembre-se de avisar para as outras pessoas que moram ali que você precisa se preparar para o concurso. Assim, elas evitam te chamar o tempo inteiro.

Além disso, ao organizar seu local de estudos, lembre-se de ter por perto todo material necessário para estudar para concurso, como:

  • Apostilas impressas;
  • Livros;
  • Lápis;
  • Borracha;
  • Apontador;
  • Caneta;
  • Marca texto;
  • Post-it;
  • Computador, etc.

Tome apenas cuidado com o celular ou o computador. Apesar do acesso à internet ser muito importante, isso pode ser uma grande distração, principalmente as redes sociais.

7. Faça um cronograma de estudos

Na hora de criar seu cronograma de estudos, além de ter todos os assuntos que você precisa para fazer a prova do concurso, você precisa entender bem o tempo que tem disponível para estudar.

Por exemplo:

Se você trabalha durante o dia, provavelmente, só terá a parte da noite e os finais de semana para estudar, o que limita um pouco mais seus horários.

Agora, se você ficará totalmente disponível para estudar para o concurso, pode utilizar o dia inteiro e, quem sabe, até mesmo deixar seus finais de semana para atividades diferentes.

Independentemente dos seus horários, deixamos aqui 2 modelos de cronograma que você pode baixar e preencher com as matérias que precisa estudar.

Note que colocamos o português/redação como matérias fixas. Fizemos isso porque a maioria dos concursos tem uma prova de português ou redação. 

Mas mesmo que sua prova não tenha esse conteúdo, conhecer a língua vai te ajudar muito na interpretação textual, o que já é uma vantagem na hora que você precisar resolver qualquer questão de outra matéria.

Como estudar para concurso: exemplo 1 de cronograma de estudos

Como estudar para concurso: exemplo 2 de cronograma de estudos

É claro que esses cronogramas são apenas exemplos do que você pode fazer. Na hora de decidir como estudar para concurso, pense em tudo que você precisa rever e, a partir disso, monte seu cronograma.

8. Procure apostilas e materiais para utilizar

Praticamente todo concurso público já foi feito alguma vez. 

Isso significa que você consegue encontrar facilmente apostilas com provas de concursos anteriores ou até mesmo materiais para a prova que ainda irá ocorrer.

Com os assuntos que você precisa estudar em mãos, é possível ainda separar outros tipos de materiais para utilizar, como livros didáticos ou até mesmo encontrar exercícios que você pode fazer online ou imprimir.

9. Intercale matérias conhecidas e desconhecidas

Você com certeza já conhece e até mesmo domina alguns assuntos que serão cobrados no concurso.

Na hora de estudar, pode ser que você acabe escolhendo rever mais o que já conhece, mesmo porque é muito melhor focar no que gostamos do que tentar aprender algo totalmente desconhecido sozinho.

Para não cair nessa armadilha, lembre-se de montar seu cronograma de estudos intercalando entre as matérias que você gosta e conhece com as que ainda não domina muito.

Assim, além de conseguir ver todos os conteúdos que devem ser abordados, você ainda evita focar apenas no que já sabe e não se cansa de estudar a mesma coisa o tempo inteiro.

10. Faça pausas para descansar

Você precisa sempre lembrar que tem uma vida além dos estudos. 

Parece clichê, mas algumas pessoas acabam se esquecendo de fazer outras coisas, como uma atividade física ou até mesmo ver um filme só para distrair um pouco a mente.

Focar nos estudos é extremamente importante, mas ter momentos de pausa é essencial para aliviar um pouco a tensão que é estudar para um concurso.

Por isso, entre seus horários de estudos, lembre-se de parar para comer, descansar alguns minutinhos e sempre reserve um tempo no fim de semana para fazer uma atividade prazerosa, como ver um filme ou ir a um museu, por exemplo.

11. Treine seu conhecimento com exercícios

É muito importante que você leia toda a matéria para se preparar para o concurso público, mas vá além disso.

Intercale seus momentos de estudos com exercícios práticos para ter certeza de que você realmente aprendeu aquilo que leu.

Isso ainda te ajuda a perceber quanto tempo você gasta com os exercícios práticos, algo importante para calcular quanto tempo você provavelmente gastaria para fazer a prova.

12. Procure formas diferentes de aprendizado

Além das apostilas e livros, você pode também procurar outras formas para aprender o conteúdo que será abordado na prova.

Já ouviu falar em gamificação na educação? Você pode procurar jogos educativos para treinar sua lógica.

Além disso, aproveite materiais, como vídeos no YouTube e até mesmo conteúdos em blogs e sites de notícias, para se manter sempre atualizado e para que o aprendizado não seja cansativo.

13. Refaça provas antigas do concurso

Uma ótima forma de estudar para concursos é pegar as provas de anos anteriores e refazê-las.

É claro que as questões abordadas não serão as mesmas. Mas ao fazer isso, você consegue entender a forma como os conteúdos são abordados na prova, o que te ajuda a se preparar melhor.

14. Faça um curso preparatório

Se você chegou até aqui, viu que é possível sim estudar para concursos por conta própria. Porém, isso nem sempre é fácil.

Por isso, é importante pensar na possibilidade de fazer um cursinho preparatório.

Existem várias opções no mercado e com valores bem diferentes. Tudo vai depender de quanto você pode investir para essa finalidade.

É claro que de nada adianta fazer o cursinho se você não estudar em casa. Por isso, mesmo que sua opção seja pagar para ter aulas preparatórias, você pode (e deve) usar as dicas anteriores para estudar mais.

E não pense que os cursos preparatórios são apenas presenciais!

Hoje, existem vários cursos online que também ensinam como estudar para concurso. 

Há professores especialistas transformando suas aulas presenciais em aulas online sobre os mais variados assuntos.

Então, vale a pena conferir as duas opções e ver qual é a melhor para você.

15. Mantenha-se motivado

É muito comum se sentir desmotivado enquanto você estuda para um concurso, principalmente depois de fazer uma prova e não passar.

Não queremos dizer aqui que isso nunca acontece, porque estaríamos enganando você. Mas mesmo que esse momento chegue (e acredite, ele vai chegar), tem como revertê-lo.

Há várias coisas que você pode fazer para se manter motivado, como:

  • Determinar pequenas metas que alcançáveis para o dia ou até mesmo a semana;
  • Fazer novas escolhas sempre que necessário;
  • Não ter medo de errar;
  • Aprender algo novo todos os dias (e não estamos falando apenas de assuntos que você precise estudar).

O importante é fazer coisas que te animem para que você consiga respirar um pouco e voltar a estudar com mais atenção ainda.

Mas essas são apenas algumas formas de se manter motivado. Confira neste texto 9 dicas que separamos para te ajudar a se automotivar.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.