Sparkle app icon

Sparkle App
Participe da comunidade exclusiva do nosso blog!
Grátis -

VER

Como fazer um e-book grátis? 3 ferramentas para criar o seu do zero

Como fazer um e-book grátis? 3 ferramentas para criar o seu do zero

Que tal transformar o seu conhecimento em e-book para gerar uma nova fonte de renda? Saiba como fazer um e-book grátis para vender na internet.

Se você está buscando formas de rentabilizar o seu conhecimento, o e-book é um ótimo ponto de partida. Esse tipo de produto digital pode ser criado com zero investimento financeiro e distribuído para milhares de pessoas.

Além disso, é uma ótima opção em estratégias para captar clientes potenciais, caso você esteja trabalhando na criação ou divulgação de um curso online. Isso porque é um formato que exige menos esforço para ser desenvolvido, mas que entrega muito valor.

Porém, começar do zero nunca é uma tarefa fácil, né? Páginas em branco podem ser bem assustadoras e ter um passo a passo que indique o caminho ajuda bastante na hora de colocar a sua ideia em prática.

Pensando nisso, separei 6 dicas de como fazer um e-book para te ajudar. E ainda selecionei três ferramentas gratuitas para deixar o seu trabalho impecável! Vem comigo!

Como fazer um e-book do zero

1. Escolha o assunto do seu e-book

Você já deve ter começado a pensar nisso, né? Se você chegou até aqui querendo colocar a mão na massa, acredito que você já possa ter um tema definido. Mas ainda assim eu gostaria de te propor um exercício! 

Além de definir uma área de atuação, é importante que você faça uma pesquisa de mercado para entender quais são as necessidades daquele público que você pretende atender. Isso vai ser essencial para construir um conteúdo que seja relevante e tenha valor para essas pessoas.

Para isso, você pode usar algumas ferramentas:

  • Google Trends: permite que você identifique os termos mais pesquisados no Google e faça comparações de palavras-chave relacionadas ao tema que você pensou em trabalhar.
  • Answer the Public: site que mostra as principais perguntas que as pessoas fazem na internet sobre determinadas palavras-chave. O seu modo gratuito permite fazer até três pesquisas por dia.
  • Formulários online: você pode usar a solução do próprio Google ou o Typeform para criar pesquisas e entender melhor as necessidades da sua audiência. Personalize com perguntas abertas, fechadas ou múltipla escolha. Divulgue nas redes sociais ou em canais que reúnam pessoas com o perfil do seu público.

Se você tiver alguma dúvida neste processo, confira este vídeo que separei para te ajudar:

2. Coloque suas ideias no papel

Chegou a hora de botar os neurônios para funcionar! Tire um tempo para pensar e liste em tópicos todas as ideias que você tiver para inserir no seu e-book. 

Neste momento, não faça nenhum juízo de valor ou tente estabelecer hierarquia ou conexões. Apenas coloque no papel tudo que você acha que poderia fazer parte do seu e-book, considerando o tema que você escolheu.

3. Organize a estrutura do seu e-book

Agora coloque suas ideias em ordem! Organize os tópicos pensando em uma estrutura didática.

Ou seja, identifique a ordem que as ideias devem ser apresentadas para serem compreendidas pelo leitor. Para isso, pense além da divisão por capítulos e leve em conta também o conteúdo de cada um. 

Lembre-se de que cada capítulo deve seguir um modelo de introdução, desenvolvimento e conclusão. Vou deixar aqui para você a estrutura básica de como fazer um e-book:

  1. Capa: este é o rosto do seu e-book. Pense em algo bem atrativo e relacionado ao tema!
  2. Autoria: faça uma breve apresentação sobre você.
  3. Sumário: organize as sessões e indique as páginas onde o leitor encontrará as informações.
  4. Introdução: apresente a proposta do seu conteúdo e conte para o leitor o que ele vai aprender.
  5. Corpo: capítulos e intertítulos.
  6. Conclusão: desfecho do assunto principal.
  7. Sobre: aproveite para contar mais sobre sua história ou da sua empresa e coloque informações para contato, como e-mail ou perfis nas redes sociais.

Dica: se possível, misture o conteúdo com histórias. Isso vai tornar a leitura mais leve e envolvente, além de ajudar o leitor a entender o seu ponto de vista ou os conceitos que você apresentar.

4. Faça uma revisão

Este ponto é muito importante! Tire um tempo para esvaziar a cabeça e depois volte para fazer uma revisão. 

Às vezes, nossa leitura fica viciada e alguns erros podem passar despercebidos. Quando revisar o conteúdo, é bem possível que você encontre partes que possam ser reescritas de forma mais clara e objetiva. 

Outra dica é pedir alguém em que você confia para ler o seu texto e deixar suas impressões. O exercício vai ajudar a deixar o seu e-book ainda melhor!

5. Defina o formato do arquivo

Existem dois tipos de formatos mais comuns de e-book, o ePub e o PDF. Qual o mais indicado para o seu conteúdo? Para tomar esta decisão, confira as características de cada um a seguir:

  • ePub: indicado para e-books simples, sem imagens. Se adapta facilmente em diferentes dispositivos e telas. 
  • PDF: formato mais conhecido, ideal para e-books extensos e complexos, onde é preciso fazer a disposição do conteúdo para facilitar o entendimento através de imagens. Se limita ao formato original, independente do dispositivo usado para leitura.

6. Registre seu conteúdo

Antes de publicar e fazer a divulgação do seu e-book, é indicado que você faça o registro do conteúdo na Biblioteca Nacional. Assim você protege seus direitos autorais e evita qualquer tipo de fraude.

Para fazer o registro do seu e-book, acesse o site da Biblioteca Nacional

Gostou das dicas? Você encontra um passo a passo ainda mais detalhado no Desafio 30 Dias, um curso 100% gratuito da Hotmart que ensina como criar um produto digital do zero. Vou deixar o link aqui para você conferir.

3 ferramentas gratuitas para criar seu e-book

Agora você já sabe como fazer um e-book e o que precisa para começar a colocar a mão na massa! Para deixar o seu e-book ainda mais atraente e profissional, separei também três ferramentas gratuitas que você pode usar. Confira a seguir:

Canva

O Canva é uma ferramenta online e super intuitiva. A plataforma oferece diversos templates prontos para diagramação, inclusive para e-books. 

Por lá, você também encontra imagens e elementos gratuitos para personalizar o seu projeto. A versão gratuita já é suficiente para criar um e-book bem atrativo e é permitido já fazer o download em PDF.

Google Apresentações

Se você tem uma conta do Google, é possível usar o aplicativo Google Apresentações. A ferramenta é online, totalmente gratuita e conta com diversas opções de personalização.

É possível escolher templates definidos, fazer o download de modelos prontos ou criar o seu próprio layout. Ao finalizar o conteúdo, você pode baixar o arquivo em PDF.

My Ebook Maker

O My Ebook Maker também é uma ferramenta online e gratuita para a criação de ebooks, com uma interface muito semelhante às de programas de edição de texto. Ao finalizar o projeto, você pode baixar o conteúdo para distribuição no formato ePub. 

Dica de ouro: lembre-se de usar fontes que facilitem a leitura. Aposte em um layout envolvente e pense em um design que ajude na compreensão do conteúdo.

Gostou das dicas? Para saber mais detalhes sobre como fazer um e-book, inscreva-se agora no Desafio 30 Dias! É grátis, viu? Eu tenho certeza que o curso vai trazer muitas ideias interessantes para você aplicar no seu projeto.

Te espero lá!

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.