Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Como criar o melhor conteúdo interativo para seu negócio

Como criar o melhor conteúdo interativo para seu negócio

Veja como aumentar o engajamento e facilitar a viralização dos seus materiais.

Será que é possível criar um conteúdo que faça com o usuário não queira mais sair da minha página?

Textos incríveis, imagens muito bem produzidas e até vídeos em seus modelos tradicionais são ótimos, porém, já se tornaram triviais na internet.

Por esse motivo, o conteúdo interativo que vem se mostrando cada vez mais atrativo aos consumidores.

Ao proporcionar uma experiência única, diferente da oferecida por qualquer outro site, fica mais fácil reter a atenção do usuário e influenciar o compartilhamento daquele conteúdo.

Por que você acha que o BuzzFeed faz tanto sucesso?

Além de seus títulos bastante clicáveis e que costumam dar uma aula de SEO, os testes disponibilizados no site são uma das formas de oferecer participação ativa em um conteúdo.

Quer saber mais sobre conteúdo interativo? Então continue com a gente!

O que é um conteúdo interativo?

Textos, fotos, e vídeos engajam o consumidor de forma passiva, afinal, você não participa ativamente daquele conteúdo.

Os conteúdos interativos são aqueles que oferecem justamente uma experiência oposta a essa.

Para ser considerado interativo, esse conteúdo só fica completo a partir de alguma ação do usuário — seja um clicar ou um arrastar de mouse ou algum comando mais completo.

Muitas vezes, esse tipo de conteúdo tem diferentes caminhos, que se abrem de acordo com as ações realizadas pelo espectador.

Sem dúvida, a principal vantagem desse tipo de conteúdo é o aumento do engajamento, afinal, a cada novo clique, você gera uma nova interação.

Além disso, outros benefícios acabam surgindo como consequência.

Esse formato instiga a curiosidade do seu consumidor ou cliente em potencial.

O que será que acontece se eu for por esse caminho? E se eu fizer essa ação no lugar daquela?

Com um conteúdo interativo bem feito, a taxa de rejeição diminui, o tempo de navegação aumenta e toda essa experiência faz com que sua marca seja mais lembrada.

Quais os principais exemplos de conteúdos interativos existentes?

Agora que você já sabe o que é um conteúdo interativo, vamos conhecer três principais formatos que podem ser utilizados.

Testes e quizzes

Já falamos do BuzzFeed, talvez um dos maiores cases de sucesso da internet quando o assunto é conteúdo interativo.

A plataforma tem textos e matérias jornalísticas, mas são seus testes e quizzes que costumam viralizar e ganhar o mundo.

Mas qual a relevância de saber qual tipo de batata uma pessoa é? Talvez nenhum, de fato. Mas a criação de testes pouco convencionais aguça a curiosidade dos clientes.

O que isso significa? Quais as possibilidades de resposta de um teste tão bizarro como esse?

Não estamos dizendo para você adotar esses mesmos modelos de conteúdos em sua estratégia. Porém, é possível avaliar, dentro do seu nicho, o que seria ao mesmo tempo relevante e curioso.

Vídeos

Os vídeos são talvez uma das modalidades mais utilizadas de conteúdos interativos.

Você lembra a febre dos vídeos em 360º?

Eles foram bastante famosos durante uma época, especialmente quando puderam ser integrados em redes sociais como Facebook e YouTube.

A experiência imersiva desse formato oferece um diferencial aos vídeos tradicionais.

Atualmente, o mercado imobiliário tem se beneficiado bastante desse tipo de conteúdo. Trata-se de uma alternativa interessante a esse público, que pode ter uma noção mais completa do bem que pretende adquirir.

Além dos modelos 360º, existem vídeos interativos em que comandos — geralmente do teclado ou de um clique na tela — acionam diferentes caminhos ao conteúdo.

O modelo já foi adotado em clipes como nos de Bob Dylan e Coldplay e até mesmo na publicidade.

Recentemente, porém, foi a Netflix que chamou a atenção de todo o mundo com Bandersnatch, um episódio interativo da série Black Mirror.

Aqui, a dica é atentar também à criação do roteiro para esse tipo de conteúdo, que precisa ser muito bem escrito.

Mapas

Quer contar a história da sua empresa? Tem algum conteúdo que pode ser apresentado em algum tipo de timeline?

Experimente visualizar as informações em um modelo interativo, em que o usuário pode criar seus caminhos e ir e vir no conteúdo.

Geralmente, muitos conteúdos de infográficos podem ser apresentados dessa forma.

Em alguns casos, você vai precisar utilizar recursos de programação. Outras vezes, é possível criar arquivos em flash ou mesmo contar com ferramentas disponibilizadas na internet.

Como criar conteúdos interativos?

Ficou interessado em conhecer as ferramentas da web que podem ajudar na criação de conteúdo interativo para a sua marca?

Plugins

Se você quer criar testes ou quizzes, o WordPress disponibiliza uma variedade de plugins que podem ser adicionados e editados de acordo com a sua preferência.

Lembre-se de acrescentar imagens que deixem o conteúdo ainda mais interessante, facilitando assim o seu compartilhamento e possível viralização.

Thinglink

A Thinglink se vende como uma plataforma que cria experiências visuais de aprendizagem. Além do intuito pedagógico, porém, ela pode ser muito útil para outros propósitos.

Histórias visuais, passeios virtuais e apresentações animadas ficam a poucos cliques de você e seu negócio com essa ferramenta que oferece pacotes a partir de $1 por ano.

Mapme

Uma das principais vantagens do Mapme é a não necessidade de utilização de códigos para sua configuração.

Os setores de turismo e imobiliário são os principais clientes da plataforma.

Com criatividade e relevância, você pode usá-la a favor do seu negócio.

Por que investir em conteúdos interativos?

O novo comportamento do consumidor traz à tona ao menos duas características muito importantes:

  1. A demanda por conteúdos atraentes que agreguem valor e ofereçam experiências diferenciadas;
  2. A atenção cada vez mais dispersa, que diminui proporcionalmente o aumento da quantidade de informação à disposição.

Nesse sentido, o conteúdo interativo surge como uma boa opção de investimento para ultrapassar esses dois desafios.

Você oferece um conteúdo capaz de reter o cliente por um período de tempo maior e, ainda, uma experiência diferenciada e que não foi tão disseminada no mercado.

Gostou deste texto? A gente espera que ele tenha sido útil para você e para o seu negócio.

Se quiser continuar por dentro de outros assuntos como esse, basta arrastar a barra até o final desta página, assinar a nossa newsletter e receber nossos materiais diretamente em seu e-mail.

Até a próxima!

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.