Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Minicurso Hotmart

Você é professor?

Já tem conteúdo para ensinar?

Comece 2019 com o pé direito e sendo dono de seu próprio negócio.

Aprenda a criar seu curso online de forma gratuita.

QUERO ACESSAR O MINICURSO
Fechar ¿Cómo crear el ebook perfecto para venderlo en Internet?

¿Cómo crear el ebook perfecto para venderlo en Internet?

Aprende a transformar tu conocimiento en un ebook con nuestra guía gratis.

¡DESCARGA EL MATERIAL!

Como aproveitar o sucesso dos cursos livres para ganhar dinheiro?

Como aproveitar o sucesso dos cursos livres para ganhar dinheiro?

Descubra 3 opções para atuar nesse mercado.

Os cursos livres vêm ganhando cada vez mais popularidade no Brasil, principalmente por apresentarem diversas vantagens para os alunos de hoje, que procuram opções econômicas e eficientes para se especializar, sem muitas burocracias.

Provavelmente, você mesmo já realizou um curso livre em algum momento de sua vida, seja para aprender alguma habilidade do zero, para se aprofundar em alguma área de atuação ou até mesmo para desenvolver um novo hobby.

Por isso, essa modalidade de ensino tem atraído também o olhar de empreendedores e daqueles que querem iniciar um negócio próprio sem ter que investir muito dinheiro para começar.

Neste post, vamos te mostrar alguns dados interessantes sobre esse mercado e dar algumas dicas para ganhar dinheiro criando seu próprio curso. Vamos lá?

Índice
Afinal, o que são os cursos livres? Quais são os cursos livres mais procurados? Como ganhar dinheiro com os cursos livres? 1. Atuar como professor 2. Fundar sua própria escola 3. Criar e vender cursos online Bote a mão na massa!

Afinal, o que são os cursos livres?

Os cursos livres são aqueles que oferecem formação fora do âmbito acadêmico, ou seja, sem as formalidades do ensino tradicional. Por exemplo, não é necessário prestar vestibular ou fazer o ENEM para conseguir se inscrever e realizar as aulas.

Esse tipo de curso não é credenciado pelo Ministério da Educação (MEC) e, geralmente, não oferece um diploma quando o aluno conclui os estudos. No entanto, isso não é necessariamente um ponto negativo.

Pelo contrário, muitos estudantes optam por essa alternativa devido a inúmeras razões:

  • Os cursos livres são mais direcionados a objetivos claros, específicos e práticos.
  • Não apresentam grandes burocracias para que o aluno realize sua matrícula ou inscrição.
  • Geralmente, são financeiramente acessíveis (sendo, às vezes, gratuitos).
  • Costumam ter grades de horários flexíveis e que se adequam à rotina do aluno.
  • Oferecem um certificado de conclusão de curso, que pode ser incluído no currículo.

Outro fator que leva os jovens a optarem por cursos livres é que o mercado de trabalho atual está valorizando cada vez mais as habilidades dos candidatos e deixando o diploma em segundo plano.

É claro que os profissionais de algumas áreas, como medicina, direito e engenharia, ainda dependem do curso superior para poder exercer sua profissão.

Mas, em outros casos, a faculdade não é sempre um pré-requisito: profissionais de estética, chefs de cozinha, professores de língua, profissionais de marketing e desenvolvedores de software são apenas alguns dos exemplos de profissionais que podem adquirir seus conhecimentos em cursos livres e ter muito sucesso no mercado.

Elon Musk, dono da Tesla e da SpaceX, já disse uma vez que prioriza as habilidades na hora de realizar contratações, e não o diploma. Em uma matéria publicada no Estadão, Márcia Almström, diretora de RH e Marketing da Manpower Group Brasil, afirmou o seguinte:

Hoje, ter um diploma de nível superior não é sinônimo de empregabilidade. Quando pesquisamos o mercado, observamos que as demandas surgem nas áreas muito mais técnicas e especialistas. Essas qualificações têm sido as que têm gerado mais empregos.

Além disso, mesmo quem tem ensino superior pode se beneficiar dos cursos livres, seja para aprofundar algum conhecimento, para dar uma “turbinada” no currículo ou para explorar uma nova área de atuação.

E não podemos nos esquecer de que não são apenas os jovens e as pessoas que estão à procura de um emprego que realizam cursos livres. Na verdade, qualquer um pode optar por essa modalidade de ensino para atingir algum objetivo.

Crianças, adolescentes e idosos também se beneficiam das vantagens desse tipo de aula e, inclusive, representam uma grande parcela dos alunos que estudam nesse contexto.

Quais são os cursos livres mais procurados?

Por se tratar de uma modalidade de ensino mais informal, os cursos livres não possuem um formato fixo: existem cursos de curta e longa duração, gratuitos e pagos, para iniciantes e especialistas, para crianças, adolescentes, jovens e adultos, presenciais e a distância.

No entanto, existem alguns nichos de mercado que são os mais procurados e que podem ser uma boa opção para quem quer empreender nessa área. Vamos ver quais são?

Idiomas

Os cursos de idiomas são, provavelmente, os mais populares quando pensamos em cursos livres. Inclusive, existem diversas escolas prestigiadas no mercado que oferecem esse tipo de serviço, com diversos planos e modalidades.

Uma grande vantagem dos cursos de idiomas é que existe um público diverso e uma demanda muito alta, afinal, são muitas as línguas que podem ser estudadas, para diversas idades e com inúmeros objetivos. Algumas das opções mais comuns são:

  • Curso infantil;
  • Reforço escolar;
  • Língua estrangeira para negócios;
  • Língua estrangeira para turismo;
  • Língua estrangeira para intercâmbio;
  • Língua estrangeira para o ENEM;
  • Língua estrangeira para exames de proficiência;
  • Língua estrangeira instrumental;
  • Conversação;
  • Português para estrangeiros;
  • LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais).

Gastronomia

Os cursos livres de culinária também estão em alta, pois podem atender a diversas pessoas: as que querem ter um negócio no nicho de gastronomia, as que desejam usar a arte de cozinhar como um hobby ou, ainda, as que querem aprender o básico para se alimentar no dia a dia.

Existem infinitos micro nichos dentro dessa categoria, já que não falta variedade quando o assunto é um bom prato de comida, não é mesmo?

Ainda assim, selecionamos alguns dos mais relevantes hoje em dia:

  • Doces gourmet;
  • Decoração de bolos;
  • Salgados para festas;
  • Tortas salgadas;
  • Cozinha diet e light;
  • Cozinha vegana e vegetariana;
  • Comida de boteco;
  • Massas e molhos;
  • Sopas e saladas;
  • Culinária japonesa;
  • Culinária italiana;
  • Culinária árabe;
  • Carnes, peixes e aves;
  • Drinks e coquetéis;
  • Degustação de vinhos;
  • Sobremesas.

Beleza

O mercado de beleza é, sem dúvidas, um dos mais aquecidos no Brasil. Por isso, os cursos livres nesse nicho possuem sempre muita procura, principalmente por parte de quem deseja trabalhar ou empreender nessa área.

Como mencionado nos outros tópicos, existem diversas opções disponíveis e, entre elas, podemos mencionar as seguintes:

  • Corte e coloração;
  • Maquiagem para festas;
  • Penteados para festas;
  • Produção de noivas;
  • Manicure e pedicure;
  • Unhas de gel e decoradas;
  • Depilação com cera;
  • Design de sobrancelhas;
  • Automaquiagem.

Gestão

Os cursos livres de gestão fazem sucesso entre os profissionais que querem se especializar na área e entre aqueles que desejam adquirir novos conhecimentos para subir de cargo na empresa em que trabalham.

Além disso, também existem cursos de gestão voltados para as pessoas que desejam melhorar a forma como administram suas finanças, por exemplo, e para aqueles que estão se aventurando no universo do empreendedorismo.

Confira, abaixo, alguns dos cursos mais procurados nesse segmento:

  • Desenvolvimento de equipes;
  • Planejamento estratégico;
  • Estratégias de liderança;
  • Gestão empresarial;
  • Finanças pessoais;
  • Contabilidade;
  • Recrutamento e seleção;
  • Auditoria em qualidade;
  • Assistência administrativa;
  • Legislação trabalhista.

Informática

Não há dúvidas de que, cada vez mais, os profissionais precisam dominar diferentes ferramentas e sistemas informáticos para atingir o sucesso em suas carreiras.

É por isso que os cursos livres nessa área atraem bastante a atenção daqueles que desejam se destacar no mercado de trabalho e incluir um diferencial no currículo.

Dentro desse segmento, existem diferentes cursos e propostas nos níveis básico, intermediário e avançado. Veja alguns dos mais comuns:

  • Informática para iniciantes;
  • Linguagens de programação;
  • Design para web;
  • Curso de Excel;
  • Curso de Photoshop;
  • Curso de CorelDraw;
  • Curso de Word;
  • Curso de PowerPoint.

Outros

Além de todos os exemplos que mencionamos acima, existem outras áreas que podem ser exploradas por quem pretende atuar nesse mercado. Existem infinitas possibilidades dentro de vários segmentos, como os seguintes:

  • Desenvolvimento pessoal;
  • Saúde e segurança;
  • Marketing e publicidade;
  • Moda;
  • Educação;
  • Turismo;
  • Saúde;
  • Segurança;
  • Meio ambiente;
  • Música;
  • Teatro.

Sem dúvidas, você possui algum conhecimento que pode ajudar outras pessoas a se desenvolverem, seja em alguma das áreas que mencionamos ou em qualquer outra.

Como ganhar dinheiro com os cursos livres?

Agora que você já sabe o que são os cursos livres e quais são os segmentos mais procurados, vamos ao que mais interessa: como aproveitar o sucesso dessa modalidade de ensino para ganhar dinheiro?

Na verdade, existem três possibilidades para quem quer trabalhar nessa área:

  1. Atuar como professor
  2. Fundar sua própria escola
  3. Criar e vender cursos online

Vamos falar melhor sobre cada uma dessas opções.

1. Atuar como professor

Trabalhar como professor contratado em uma escola ou instituição que oferece cursos livres é, provavelmente, o caminho mais rápido para atuar nessa área.

Veja abaixo as vantagens, desvantagens e como começar:

Vantagens:

  • Você não precisa investir dinheiro para começar a atuar como professor em cursos livres. O trabalho, geralmente, funciona como uma contratação normal, seja com carteira assinada ou como freelancer.
  • Você pode atuar em mais de uma escola ou instituição e, assim, aumentar sua renda.
  • Você pode ter horários mais flexíveis, em comparação ao ensino regular.

Desvantagens:

  • Você deve seguir a metodologia da escola em que trabalha, o que não é necessariamente ruim, mas pode limitar sua criatividade e restringir sua autonomia.
  • Sua remuneração depende de suas horas trabalhadas, ou seja, essa opção não permite que você gere renda passiva.
  • Apesar de os horários serem mais flexíveis do que no ensino regular, você ainda deverá cumprir uma agenda fixa e dar satisfações a um chefe.

Como começar:

Para começar, você vai precisar ter um conhecimento aprofundado do nicho em que deseja atuar e um currículo bem feito, claro e organizado.

Para conseguir um emprego nessa área, procure vagas em jornais ou portais online e participe dos processos seletivos do seu interesse.

Aqui no blog, já postamos várias dicas para quem está à procura de um emprego. Confira tudo neste post!

2. Fundar sua própria escola

Outra opção para quem quer atuar na área de cursos livres é fundar uma escola própria. Esta é uma alternativa mais voltada para quem deseja ter um negócio próprio e que também apresenta pontos positivos e negativos. Veja só:

Vantagens:

  • Como empreendedor, você será seu próprio chefe e poderá tomar suas próprias decisões.
  • Sendo o dono do negócio, a chance de ter lucros altos com seu trabalho será muito maior.
  • Se sua escola tiver sucesso, você poderá expandir os negócios e escalar seus lucros, tendo franquias em outros bairros ou cidades, por exemplo.

Desvantagens:

  • Você precisará ter uma quantia alta de dinheiro para investir em espaço físico, materiais, contratações, publicidade e muito mais.
  • Você não será responsável apenas pelas suas aulas, mas sim por toda a gestão do negócio (às vezes, tendo que trabalhar muito mais do que oito horas por dia).
  • O risco é alto, já que se o negócio não der certo, você poderá perder seu investimento.

Como começar:

Abrir uma escola de cursos livres é uma tarefa complexa, composta de vários passos, e seria necessário criar um post específico para abordar esse tema.

Mas, para começar, nossa dica é que você pesquise na internet algumas informações sobre o assunto, em portais de confiança, antes de botar a mão na massa.

No site do SEBRAE, por exemplo, você consegue ler vários posts sobre o tema. Neste artigo sobre como montar uma escola de idiomas você pode conferir como deve ser feito o planejamento, como funciona o mercado, como abrir a empresa e muito mais.

3. Criar e vender cursos online

A última opção, mas não menos importante, é criar cursos livres online. Esta é uma excelente alternativa para quem não pode investir muito dinheiro, mas ainda assim deseja ter seu próprio negócio e escalar suas vendas.

Vantagens:

  • Você não precisa investir muito dinheiro para criar seu produto. Inclusive, você pode criar um curso online sem gastar nada.
  • Por ser digital, o curso online pode ser vendido em qualquer lugar do mundo. Ou seja, você pode estar em São Paulo e vender o curso para alguém da Bahia ou de Portugal, por exemplo.
  • Você só precisa criar seu curso uma única vez e pode vendê-lo quantas vezes quiser. Isto é, se você vender o curso para dez alunos ou para mil, terá o mesmo trabalho de produção.
  • Você é dono do seu próprio negócio e pode escolher seus horários de trabalho e onde trabalhar.

Desvantagens:

  • Como no caso de quem cria sua própria escola, você será dono do seu negócio e a responsabilidade de dar certo será sua.
  • Você não terá que se preocupar apenas com o conteúdo das aulas, mas também com outros fatores, como planejamento, divulgação e finanças.

Como começar:

Começar a criar um curso online não é uma tarefa difícil, mas exige planejamento e dedicação. Alguns passos básicos que você deverá seguir para criar videoaulas são os seguintes:

Bote a mão na massa!

Como você deve ter percebido, investir na área de cursos livres vale muito a pena para quem quer trabalhar com educação e atuar em um segmento que está em ascensão.

Se você possui algum conhecimento que pode ajudar outras pessoas e deseja ser professor, focar nessa modalidade de ensino pode ser a chave do seu sucesso profissional.

Aqui na Hotmart, trabalhamos diariamente com vários empreendedores digitais que viram nos cursos online uma oportunidade de ter um negócio sólido e, mais do que isso, de viver de suas paixões.

Se você quer tirar sua ideia do papel, mas precisa de um empurrãozinho, temos uma dica imperdível: participe do nosso Desafio 30 Dias, um curso online e 100% gratuito que vai te ensinar todos os passos para criar um curso online do zero.

É só clicar no banner abaixo e se inscrever!

banner desafio 30 dias

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.