Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Black Week Hotmart

Quer fazer mais vendas? Participe da Black Week Hotmart. Nos últimos anos, os números foram impressionantes: aumento de 200% em vendas em um único dia!

Quero participar

Quais os maiores desafios de quem quer investir em marketing digital?

Quais os maiores desafios de quem quer investir em marketing digital?

Saiba como superar as maiores dificuldades encontradas no marketing digital.

Investir em marketing digital já não é mais uma tendência, é uma realidade. Cada vez mais empresas querem encontrar seus clientes nos canais digitais e gerar mais oportunidades de negócio pela internet.

Mas não pense que o marketing digital é fácil só porque todo mundo está fazendo.

É natural que as empresas encontrem obstáculos, especialmente no início. Afinal, as estratégias de redes sociais, email marketing ou SEO (search engine optimization, ou otimização para os mecanismos de busca), por exemplo, são muito recentes e mudam o tempo todo.

Então, não desanime no primeiro tropeço.

Nós vamos ajudar você a superar os desafios do marketing digital para que a sua empresa consiga alcançar os resultados desejados!

Confira, agora, quais são os principais obstáculos e saiba como superá-los:

Mudar a mentalidade

Faz tempo que as empresas investem na publicidade em jornais, revistas, outdoors e rádio.

Como explicar, então, que agora a verba deve ir para o marketing digital?

Tudo ainda é recente, e muitos gestores se sentem inseguros de direcionar o dinheiro para os canais digitais.

Além disso, a mentalidade do marketing tradicional é diferente.

Por exemplo, se antes as empresas focavam em atingir o máximo de pessoas, agora, elas devem olhar para os nichos, a cauda longa, o marketing one-to-one — tudo isso que a própria internet potencializou.

O que fazer, então? Mudar gradativamente.

O marketing mudou e as empresas também precisam mudar. A transformação digital é uma realidade que todo negócio precisa enfrentar, e o primeiro passo é criar uma gestão na qual a tecnologia — e todas as vantagens que ela proporciona — tenha papel central.

Planejar as estratégias

Parece que o dia tem bem menos do que 24 horas, não é mesmo?

Se mal dá tempo de fazer as tarefas básicas, fica difícil pensar no planejamento de marketing digital.

O problema é que essa etapa do trabalho é essencial para estabelecer as bases das estratégias e aumentar as chances de sucesso dos investimentos. Caso contrário, você pode simplesmente desperdiçar tempo e recursos.

O que fazer, então? Estabelecer prioridades.

Criar um post no Facebook é importante? É, mas talvez você possa substituir tarefas como essa pelo tempo de planejamento, que pode trazer muito mais resultados do que aquela publicação.

Se você entender o planejamento como uma prioridade na organização da sua empresa, ou das suas próprias tarefas pessoais, sempre haverá tempo para ele.

Conhecer o seu público

Você sabe dizer como é o seu cliente?

Responder essa pergunta é um dos desafios do marketing digital, porque exige conhecimento sobre o comportamento humano — muito mais do que saber a idade ou a localização do seu público-alvo.

Hoje, o marketing não pode mais se limitar ao perfil demográfico do público. Marketing digital é voltado para relacionamento com o consumidor, o que pressupõe que você o conheça bem, como em qualquer relação entre pessoas. A dificuldade está em saber como conhecê-lo.

O que fazer, então? Criar personas. Elas são personagens que representam clientes ideais da sua empresa e orientam toda a sua estratégia de marketing.

Para criá-las, você deve realizar pesquisas aprofundadas (entrevistas, questionários, conversas, observações) sobre o seu público, e entender seus desafios, motivações, sentimentos e interesses.

Escolher em quais canais investir

Blogs são essenciais para o Marketing de Conteúdo.

Redes sociais funcionam muito bem para o relacionamento com o público.

E-mail marketing é um canal de comunicação direta com o consumidor.

Os buscadores são ideais para alcançar potenciais clientes no momento certo.

O marketing digital oferece uma infinidade de canais, como esses acima. Mas será que você precisa investir em todos eles?

É possível que a sua empresa não tenha recursos (tempo, dinheiro, conhecimento) suficientes para estar ativa em todo canal que aparece. Por isso, é preciso priorizar apenas alguns deles.

E como fazer isso da melhor maneira? Identificando onde a sua persona está. É isso que vai dizer quais são os canais prioritários para a sua marca.

Se o e-mail não é um canal relevante para o seu público, provavelmente vale mais a pena direcionar os investimentos e esforços para outro canal.

(Aproveite para ler nosso post que ensina como fazer uma boa gestão de redes sociais.)

Definir os orçamentos para cada mídia

O setor de marketing geralmente já está acostumado a lidar com verbas pequenas. Afinal, quando uma empresa vai mal, o primeiro gasto reduzido ou dispensado é o marketing, principalmente o digital, que oferece boas alternativas de estratégias orgânicas.

Por isso, definir os orçamentos de marketing é como fazer malabarismo com o dinheiro. Com pouca verba, você precisa extrair os melhores resultados para comprovar a eficiência da estratégia.

O que fazer, então? Analisar os resultados.

Com base nas métricas de desempenho e KPIs, você consegue avaliar quais mídias geram mais retorno com menos dinheiro. Assim, você tem uma base fundamentada para a tomada de decisões acerca dos orçamentos de mídia.

Produzir conteúdo de qualidade

No relatório Content Trends 2018, fica claro que esse é um dos maiores desafios do marketing digital: 74,6% das empresas disseram que sua maior dificuldade é produzir conteúdo que engaja o público. Mas por que isso acontece?

No Marketing de Conteúdo, as empresas devem focar nas dores e necessidades do público, de maneira que os materiais produzidos sejam úteis e relevantes. Mas o que acontece é que, em geral, elas só sabem falar de si mesmas, dos seus produtos e suas vantagens.

Será que as pessoas estão mais interessadas nisso ou em resolver as suas necessidades? Por isso, é preciso pensar na persona.

Como dissemos antes, ela é o cliente ideal da sua empresa, com quem você quer se comunicar. Então, pense em como você pode solucionar os problemas e as dúvidas dela com os seus conteúdos. Isso significa produzir conteúdo de qualidade.

Enfrentar a concorrência

O marketing digital abriu muitas possibilidades para os pequenos negócios.

Se antes era impossível disputar a atenção do consumidor com as grandes empresas, hoje, você não precisa de uma verba tão alta para falar com o seu público e atrair novos clientes.

O problema é que, com essa facilidade de entrada, os concorrentes aumentaram e estão cada vez mais qualificados.

Não é por acaso que está cada vez mais difícil alcançar a primeira posição do Google ou que os preços de links patrocinados não param de aumentar.

Dessa maneira, focar no diferencial pode ser o ponto forte.

Faça o que os seus concorrentes não estão fazendo, esteja nos canais em que eles não estão, produza o conteúdo que eles não estão produzindo, atinja o público que eles não estão atingindo. E mais importante: faça tudo isso com muita qualidade. Assim, você ocupa os espaços e se diferencia da concorrência.

Mensurar os resultados

As métricas de desempenho são importantes ferramentas de tomada de decisões. Afinal, elas revelam o que deu certo em uma estratégia e pode ser otimizado, assim como o que não deu certo e pode ser eliminado ou melhorado.

Porém, existe uma infinidade de métricas para avaliar uma campanha, como alcance, vendas e ROI (return on investment, ou retorno sobre o investimento).

São tantos dados que você pode se perder, por isso é preciso focar em apenas alguns deles para entender se os objetivos foram alcançados.

O que fazer, então? Definir os indicadores de sucesso (KPIs). Eles são as métricas que significam sucesso para a sua empresa, ou seja, que estão relacionadas aos seus objetivos. Para mensurar os resultados, portanto, você precisa saber quais são os seus KPIs.

Ter uma equipe qualificada

O marketing digital demanda profissionais com diferentes competências e especialidades, que vão desde o desenvolvimento de sites até a inteligência de dados. Por isso, montar um time de marketing completo e qualificado internamente pode ser bem caro e trabalhoso.

Por outro lado, se você quer ter uma equipe enxuta, terá que contratar profissionais mais generalistas, o que pode impactar na qualidade do trabalho e sobrecarregá-los de atribuições.

Há ainda outra opção: contratar uma agência de marketing digital, que também pode ter custos altos, mas exime você dos gastos com uma equipe.

Diante disso, avalie as suas necessidades. As três opções acima têm prós e contras; então, você precisa entender o momento que a sua empresa vive para fazer a escolha mais correta.

Manter-se atualizado

Por fim, manter-se atualizado também é um dos desafios do marketing digital.

Já falamos aqui que tempo é um ponto fraco dos profissionais de marketing. Mas, além de fazer todas as suas tarefas, ele ainda precisa arranjar tempo no dia a dia para investir em conhecimento!

Afinal, essa área está em constante mudança: é um novo algoritmo que altera tudo, uma nova estratégia que se torna tendência, uma nova rede social que surge. E toda empresa que larga na frente diante das novidades soma pontos.

O que fazer, então? Entender conhecimento como investimento.

O artigo que você lê ou a aula que você assiste hoje podem se transformar amanhã em uma estratégia de sucesso para a sua empresa. Por isso, manter-se atualizado é um investimento, nunca tempo perdido.

Desde as maiores marcas do mundo até o restaurante da esquina da sua casa: todo mundo está investindo em marketing digital. Isso quer dizer que é fácil? Definitivamente, não.

Extrair os melhores resultados das estratégias na internet significa transpor os desafios do marketing digital. Eles podem não ser tão simples assim, mas quando você passar a enxergá-los como oportunidades de crescimento, fica muito mais fácil vencê-los!

Com este post, sua empresa já está mais preparada para investir corretamente nos canais digitais e obter o melhor retorno, sem desperdiçar recursos.

Fique agora com a leitura do nosso artigo sobre o que é ROI, que vai ajudar você a fazer investimentos no marketing de olho no retorno financeiro para a sua empresa!

Guest post produzido pela equipe do Marketing de Conteúdo.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.