Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Três dias imperdíveis para aprender tudo sobre o mercado digital!

Três dias imperdíveis para aprender tudo sobre o mercado digital!

Garanta seu ingresso
Fechar 23 gatilhos mentais que vão aumentar suas vendas

23 gatilhos mentais que vão aumentar suas vendas

Aprenda a usar seu poder de persuasão para influenciar seu público.

Download gratuito

Como escolher as melhores estratégias de marketing digital para seu negócio

Como escolher as melhores estratégias de marketing digital para seu negócio

7 técnicas para aplicar em seu negócio.

Implementar diferentes estratégias de marketing digital é importante para alavancar o negócio. Contudo, cada estratégia tem um objetivo e, por isso, é preciso conhecer todas as possibilidades para escolher a que melhor se encaixa em suas necessidades.

No meio de tantas ações possíveis, surgem diversas dúvidas sobre qual estratégia começar a utilizar.

É claro que, o objetivo da maioria dos empreendedores é aumentar as vendas e os lucros da empresa. Porém, há diversas formas de chegar a esse resultado que variam desde investir mais ou menos verba e demandando mais ou menos tempo.

Se você ainda tem dúvida de qual é a melhor estratégia de marketing digital para seu negócio, continue com a gente.

Como saber qual estratégia de marketing digital implementar?

Antes de analisar cada estratégia e suas utilizações, é preciso entender como escolher a melhor.

Para tomar essa decisão, você deve ter em mente alguns pontos, como:

  • Quem é o público que você deseja atingir,
  • Qual o orçamento e tempo disponível para chegar aos resultados esperados,
  • Quantas pessoas podem te ajudar nessas estratégias e quais são suas competências.

Para resolver esses 3 pontos, você precisa:

Analisar o público

O primeiro passo para analisar o público é criar pesquisas e traçar a persona da sua marca baseado nas pessoas que já consomem seu produto ou serviço.

Caso seu negócio seja novo e você ainda não tenha clientes, faça uma análise do público de seus concorrentes ou participe de fóruns nas redes sociais que abordam sua área de atuação.

Nesse levantamento de dados, devem ser identificadas características demográficas e geográficas, como: idade, gênero e nível de educação, bem como cidade ou região do público em questão.

Além disso, por meio de dados de redes sociais, é possível identificar interesses, hábitos, objetivos e costumes dos seus compradores em potencial.

Esse é o primeiro indicador para montar uma estratégia de marketing digital de sucesso. Afinal, é com esses dados que você conseguirá entender aquilo que pode chamar mais atenção de seu público (desde linguagem até as ações que você deve tomar).

Criar um planejamento com os objetivos do negócio

Se você não sabe aonde quer chegar, não adianta criar ações.

Muitas marcas investem tempo e dinheiro em estratégias erradas por não definirem objetivos claros.

Para não ter esse mesmo problema, você precisa criar um plano de ações com metas concisas. Veja alguns exemplos:

  • atrair novos clientes;
  • aumentar o reconhecimento da marca;
  • educar e nutrir leads;
  • gerar tráfego para o site;
  • aumentar as vendas;
  • fidelizar clientes.

É preciso entender que cada um desses objetivos dialoga com um público em uma fase diferente no processo de compra e, dessa forma, será preciso criar estratégias novas se a intenção for atingir todos eles.

Além do mais, é preciso entender com quantas pessoas é possível contar nesses processos e quais são suas competências. A partir daí, será possível delegar responsabilidades e cobrar resultados.

Definir um orçamento

Ao definir uma verba para o marketing digital, você já reconheceu a importância desse setor para o seu negócio. Porém, nem sempre a verba disponível é suficiente para colocar em prática todas as estratégias planejadas.

Então, antes de sair por aí escolhendo várias ações para realizar, você precisa entender o quanto quer e pode gastar.

Depois disso, você conseguirá entender quanto tempo deverá se dedicar a estratégias de marketing digital orgânicas (ou seja, que não precisam de investimento financeiro) e qual valor tem para usar em anúncios pagos (falaremos mais sobre isso ainda neste post).

7 estratégias de marketing digital para implementar

As estratégias do marketing digital têm muitas finalidades, ou seja, cada uma deve ser usada dependendo do objetivo que você quer alcançar. Por isso, é muito importante que você faça todas as análises que mostramos anteriormente.

Então, depois de identificar os fatores iniciais, é preciso entender qual a prioridade de cada projeto. Só assim você conseguirá entender quais estratégias devem começar a rodar primeiro.

Porém, apesar de serem diferentes, você acabará percebendo que pode (e precisa) colocar no ar mais de uma estratégia de uma vez.

Por exemplo:

Para aumentar as vendas, o público deve conhecer a sua marca e, para isso, é preciso investir em boa divulgação.

Isso significa que você pode ir desde anúncios pagos à publicações em redes sociais e blogs, tudo ao mesmo tempo para aumentar seu brand awareness. Ou seja, não é necessário escolher apenas uma estratégia, mas sim colocar em prática todas aquelas que fizerem sentido para você e para seu público.

Agora que você já entende isso, veja as 7 estratégias de marketing que separamos para você:

Índice
Site institucional SEM (Search Engine Marketing) Marketing de Afiliados Marketing promocional Email marketing Marketing de conteúdo Compra de tráfego

Site institucional

No mercado digital, é difícil se tornar referência em algum nicho sem ter um site.

Mesmo que seja um site institucional, que não realiza vendas, ele pode ser a porta de entrada de possíveis clientes para seu negócio.

O site deve mostrar, de maneira clara, informações sobre seu serviço ou produto, deve ser responsivo e apresentar conteúdo sobre a marca. Assim, os mecanismos de busca poderão ranquear esse site e melhorar o reconhecimento da marca perante os usuários.

Aproveite o site para deixar seus outros pontos de contato à mostra para os clientes em potencial, como blog, FAQ e redes sociais.

SEM (Search Engine Marketing)

SEM é a sigla para a expressão Search Engine Marketing.

O objetivo dessa estratégia é ampliar o número de visitantes em um site, seja de maneira paga ou orgânica.

Quando nos referimos à forma orgânica, estamos falando sobre SEO, um conjunto de otimizações realizadas em um site para que o Google, por exemplo, encontre seu conteúdo mais facilmente e recomende-o quando uma pessoa fizer uma busca de palavra-chave relacionada a seu negócio.

Quando abordamos a forma paga de ampliar o número de visitantes, estamos nos referindo à construção de links pagos, criados a partir do Google Ads. Essa opção permite a segmentação do público a ser atingido e traz resultados mais rápidos.

Marketing de Afiliados

O marketing de Afiliados é uma estratégia que busca ampliar canais de comunicação para chamar atenção do consumidor, além de pontos de venda e divulgação do seu produto.

Nessa modalidade, o Afiliado divulga um produto ou serviço de outra pessoa (que pode ser você) em troca de uma comissão para cada negócio fechado.

Essa é uma ótima estratégia de marketing para atrair clientes que ainda não conheçam seu negócio e atingir um público diferente do seu, já que os Afiliados divulgarão seu produto para pessoas que talvez você ainda não esteja divulgando.

Marketing promocional

O marketing promocional é um conjunto de ações que visa gerar mais valor para a marca e incentivar a experiência de compra para o usuário. Dessa forma, o cliente poderá se fidelizar e realizar outras conversões.

Programas de incentivo, brindes e amostras, promoções exclusivas e experiências criativas são exemplos de como esse tipo de marketing pode atrair o público.

Email marketing

O email marketing é visto por alguns como o vilão das estratégias de marketing digital por ter sido empregado de forma equivocada no passado.

No início do desenvolvimento do marketing online, muitos utilizavam o email sem segmentação e acabavam enviando spam para vários usuários que nem sabiam do que se tratavam as mensagens recebidas.

Porém, hoje, depois de várias boas práticas serem incentivadas, há empreendedores que faturam milhões apenas com esse canal. Mas, para isso, é preciso ter uma base segmentada de contatos, criar conteúdos específicos para ela e trabalhar a nutrição e conversão desses leads.

Uma plataforma de automação pode ajudar a otimizar algumas tarefas desse processo. Além disso, é importante estudar bastante sobre copywriting, para escrever emails que realmente convertam.

Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma das estratégias digitais mais utilizadas nos últimos anos.

Essa metodologia tem gerado resultados eficientes e duradouros, pois busca educar e informar o público por meio de conteúdo de qualidade e gratuito.

O bom marketing de conteúdo tem o objetivo de posicionar sua marca nos primeiros resultados dos motores de busca (aliado ao SEO, que já foi mostrado aqui).

Para isso, você precisa oferecer com seus conteúdos a solução ideal para os usuários no momento em que eles precisam.

Além de conteúdos em blog e no YouTube, você pode também criar materiais ricos, como ebooks, que são ótimos para as pessoas que procuram por suas soluções e ainda são uma maneira eficiente de conseguir o contato de novos leads.

Compra de tráfego

Lembra que falamos de criar links patrocinados para aparecer nos primeiros resultados dos buscadores?

Essa é uma das estratégias de marketing digital que trazem resultados mais rápidos (se bem feitas), mas também é uma das grandes dúvidas do empreendedor digital.

Comprar tráfego significa investir dinheiro em anúncios para atrair pessoas para sua oferta, e quando falamos isso, não estamos dizendo apenas conteúdos educacionais, mas também (e principalmente) para fazer uma venda a partir de um link.

Há vários canais que você pode usar para essa estratégia, como Google Ads, Facebook Ads e Native Ads. Para definir onde seu anúncio será veiculado, é preciso entender quem é sua persona e quais são os canais que ela mais utiliza.

Basicamente, o que você fará com essa estratégia é entregar um conteúdo ou produto que sua persona precisa, no momento e no local que ela está procurando.

A experiência e a escolha da melhor estratégia

É provável que, ao final dessa leitura, você se sinta um pouco perdido em relação a qual estratégia escolher.

Lembre-se de que, no marketing digital, não existem regras definidas para bons resultados, mas com muitos testes e análises será possível extrair a melhor experiência e colocar em prática ações agregadoras.

Assim, conhecer as estratégias de marketing digital é o primeiro passo para alcançar bons resultados. Contudo, é preciso constância nas ações para que o trabalho se desenvolva e atinja novos patamares.

Como dissemos no início, essas foram apenas algumas estratégias que você pode utilizar, mas existem várias outras que, dependendo do seu público, farão muito mais sentido para você.

Uma das estratégias de marketing digital que não abordamos aqui é a construção da sua marca nas redes sociais. Quer entender melhor sobre isso?

Confira nosso post que ensina como usar as redes sociais para alavancar suas vendas.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.