Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Atraia seu público com conteúdo para o Facebook

Atraia seu público com conteúdo para o Facebook

Entre tantos conteúdos que aparecem diariamente no Facebook, faça com que os seus se destaquem aplicando os 6 princípios fundamentais para obter engajamento e 10 tipos de conteúdo que impulsionarão a sua estratégia na rede social.

Basta você se descuidar por alguns dias para perceber que na mídia uma nova rede social nasceu. Parece um exagero, mas a verdade é que esse boom da era social-virtual está aumentando e, com isso, surge a necessidade de criar novos formatos de redes sociais.

No entanto, apesar do boom das novas redes sociais ser totalmente verdadeiro, há uma em particular que, ao invés de perder sua participação no mercado por causa das novas redes, adquire a cada dia mais poder, mais versatilidade, maior preferência e mais demanda: o Facebook.

Hoje, contamos com uma estatística particular: o Facebook tem quase 2 bilhões de usuários em todo o mundo, uma cifra surpreendente. Não é verdade? E promete ser maior.

Contudo, todos sabemos que o Facebook faz parte das estratégias mais importantes de marketing digital, graças tanto à sua flexibilidade na apresentação de públicos e formatos como à possibilidade que abre a qualquer tipo de marca ou negócio de ser divulgado e gerar vendas.

Da mesma forma, sabemos bem que a ajuda que o Facebook dá às nossas marcas na comunicação é alta, no entanto, não basta estar na rede para obter resultados, conexão e engajamento com os usuários, tudo isso envolve trabalho, método e muita pesquisa.

Isso mesmo! Ter uma conta no Facebook para empresas demanda tempo, planejamento e acompanhamento, já que uma das principais características (e a de qualquer rede social) é o imediatismo e a rápida expiração da informação; daí a importância de saber postar no Facebook gerando conteúdo que possa permanecer na mente do usuário e continuar gerando engajamento, mesmo quando a publicação já deixou o feed.

Antes de prosseguir, uma pergunta:

O que é o engajamento no Facebook?

Nos parágrafos anteriores, fizemos várias menções sobre o termo engajamento, mas, você sabe o que o termo significa quando falamos de Facebook?

Na grande maioria das vezes, o engajamento é traduzido para o português como um compromisso em relação a um relacionamento. Embora o termo faça sentido dessa maneira, continuaremos a entender o engajamento aqui, como a participação, o envolvimento ou, melhor ainda, como a interação de um usuário com uma marca.

É isso mesmo! No Facebook, o engajamento se refere ao número (em porcentagem) de interações que você obtém com uma publicação e é, de fato, a principal variável que o algoritmo do Facebook  leva em consideração para considerar se um conteúdo pode ser interessante para determinada quantidade de pessoas e, assim, tornar uma publicação mais visível (ou não).

Da mesma forma, na rede social entendemos por interações o seguinte:

  • Número de vezes que uma publicação é compartilhada
  • Número de reações que você recebe:

Contenidos para Facebook: reacciones

  • Quantidade de comentários
  • Cliques nos links
  • Visualizações de imagem ou vídeo

Como o engajamento é medido?

Para medir o nível de engajamento da sua marca no Facebook você precisará da seguinte informação:

  • Alcance total de uma publicação = # de pessoas que visualizaram a publicação
  • Total de interações =
  1. Número de reações
  2. Quantidade de comentários
  3. Número de vezes de compartilhamento
  4. Número de cliques no link
  5. Outras interações que foram geradas na publicação

E, você aplica a seguinte fórmula:

Total de interações/ Alcance x 100

Exemplo:

15 “Curti” + 10 comentários + 2 compartilhamentos x 100

1400 pessoas alcançadas

27/1400 x 100 = 1,9%                

Agora sim, voltando ao tema principal:

Como postar no Facebook para obter engajamento?

Antes de ir direto para os tipos de conteúdo que geram engajamento, é importante que você saiba em que condições é possível criar engajamento na rede social.

Então, conheça os 6 princípios fundamentais abaixo:

1.    Publique conteúdo de valor

Parecemos papagaios repetindo que sempre devemos optar por gerar conteúdo de qualidade e que sejam úteis para os seguidores. Embora seja uma ideia repetida, vale a pena destacá-la como mantra para qualquer tipo de comunicação que você deseja fazer na mídia.

Ao postar no Facebook um conteúdo útil e de valor, você garantirá que ele seja consumido. E, para saber se os conteúdos que você está criando são de qualidade, procure sempre:

     Ler o conteúdo antes de postar no Facebook, para encontrar possíveis erros ou mal-entendidos.

     Publicar o conteúdo focado nos seus seguidores, para garantir que que você irá gerar interações com as pessoas que realmente quer e que querem saber de você.

2.  Ouça e fale com os seguidores

Ao ouvir e falar com o público, você não só será capaz de absorver e saber o que querem saber sobre você, mas também irá estreitar as relações com as pessoas, fazendo com que o processo de difusão também seja uma tarefa dos seguidores mais fiéis.  

Para saber como iniciar uma amizade e monitorar o que é falado sobre você como, por exemplo, as palavras-chave ou hashtags importantes para o seu mercado de atuação, utilize ferramentas como: Hootsuite, commun.it, Twazzaup.

Além dos seguidores, também é bom que você ouça e siga os profissionais da área e veja tudo o que é gerado em torno deles para aprender e colocar em prática se for o caso.

Cuidado! Não é para responder, é entender o funcionamento de outras ideias e ver o que é útil para que você repense a sua comunicação.

3.  Encontre uma imagem e um tom de voz

Quando falamos de imagem e de voz, nos referimos ao estilo que fará você se identificar na rede. Crie uma linha, um estilo que fale sobre você, use cores e desenhos que se tornem seu selo de qualidade e que o tom da comunicação que você usa também vá de encontro com o interesse, o entendimento e os gostos da sua persona.

4.  Seja único

Embora se pareça muito com o item anterior, ser único aqui se refere a sempre buscar a originalidade e a transparência de seus consumidores. Não há nada de errado em observar o que os outros fazem, mas nunca copiá-los. Além do fato de que ele pode mostrar a má qualidade do conteúdo que você oferece, você pode acabar sendo legalmente punido.

Ser único é buscar tanto a forma de ser útil como diferente. Saiba como ser diferente no marketing e em um blog, acessando o seguinte artigo: Como se distinguir dos outros?

5.  Use a regra do 80/20

Uma lei de ouro. A regra do 80/20 é uma recomendação que os especialistas em redes sociais fazem no momento de selecionar o conteúdo a ser divulgado.

O que esta regra diz é que você deve dedicar 80% das publicações a conteúdos que se relacionam com a sua empresa de forma indireta, ou seja, que contém temas relacionados ao seu negócio, mas que fazem parte do interesse, problemas e foco da comunidade que os consome.

E os 20% restantes, podem estar focados na publicação de conteúdo diretamente relacionado à sua empresa; por exemplo, mostrando os seus produtos, a comunicação da marca, o anúncio de preços, a sua presença em eventos, entre outros.

6. Mantenha-se otimizado

Além de otimizar o conteúdo do seu blog, também é importante, por exemplo, otimizar as mensagens-chave que você deseja postar no Facebook.

Ao otimizar suas mensagens com as respectivas hashtags, palavras-chave, etc., você contará com a possibilidade de que a rede social também apareça nos resultados das buscas.

Isto é chamado de SEO Social. Conheça mais acessando o link!

Em suma, estes são os 6 pilares fundamentais para que você possa postar no Facebook um conteúdo que gere engajamento. Em outras palavras, o que estes 6 pilares buscam é que o seu conteúdo crie interesse, atenda problemas reais dos seus seguidores, seja chamativo, vá de encontro aos ideais, imagem e personalidade da marca e sempre atendam aos aspectos básicos do marketing de conteúdo: qualidade, utilidade e originalidade.

Tipos de conteúdo que geram engajamento

Finalmente, o momento tão esperado: o conteúdo que gera compromisso quando você postar no Facebook. Antes de contar a você as 10 maneiras de fazer esses conteúdos, lembre-se de nunca deixar de lado os 6 pilares fundamentais, pois estes sempre devem ser aplicados.

Agora sim:

1. Imagens e vídeos

As formas clássicas para postar no Facebook são as imagens e os vídeos. É por isso que as colocamos na mesma categoria de formato. Destas duas formas, surgem muitas outras  de fazer conteúdo que atraem.

Imagens

As imagens são o complemento principal que qualquer ação no Facebook possa ter. Verificou-se que as publicações que possuem imagens se encaixam melhor e se desempenham mais do que aquelas que trazem apenas texto.

Portanto, junte forças e, se você planeja publicar um bom texto, adicione junto a ele uma imagem compatível e chamativa, ou ouse fazer do seu texto, uma imagem. Existem diferentes tipos de imagens que você pode usar: fotografias, ilustrações, vetores, montagens, entre outros.

Vídeos

Os vídeos são o formato de que podemos postar no Facebook que mais consegue ser compartilhado; especialmente quando são carregados diretamente na rede social.

Aventure-se a criar roteiros e ideias de vídeos divertidos, informativos e relacionados tanto com o seu negócio quanto com o interesse dos seguidores!

2. Listas

As listas são o tipo de conteúdo no Facebook que mais costuma causar interações. Este é um formato exigente, já que pede no mínimo sempre cumprir com a promessa. Se você fala sobre 10 destinos turísticos na América Latina ou 15 formas de ganhar seguidores no Instagram, o usuário sempre esperará encontrar as quantidades prometidas.

3. Perguntas

Este tipo de conteúdo tem o objetivo de gerar conversas (comentários) e faz com que o público se sinta importante a partir do momento que a sua opinião e conhecimento são levados em consideração.

Você pode postar no Facebook as perguntas tanto de forma escrita como por imagens, e podem ser usadas de diferentes maneiras. Por exemplo:

  Perguntas para receber feedbacks para a empresa

  Perguntas sobre tendências

  Sobre conhecimentos relevantes

  Ou perguntas sobre um tema em particular que você pode responder instantaneamente

Exemplo de uma publicação no Facebook da Rock Content com uma pergunta para gerar interações com o público

Facebook Rock Content

Outra maneira de fazer esse conteúdo é que em vez de fazer perguntas em textos ou imagens, crie frases com partes em branco para que os usuários tenham a possibilidade de preencher esses espaços nos comentários.

4.   Infográficos

Você pode optar por diferentes tipos de infográficos: desde os mais complexos, até resumos-chave de informação que você pode complementar com um link que direcione para outros sites de interesse. Veja um exemplo:

Infográfico animado explicando sobre os 4 p's do marketing

Facebook Marketing de Contenidos

5.  Despertar a curiosidade

Lance um conteúdo incompleto, ou seja, através de textos ou imagens, comece a contar sobre algo interessante e justamente quando apenas falta um dado vital, pare e convide o usuário a acessar um link para satisfazer a sua curiosidade. Com isso você vai atrair mais cliques.

6. Citações

Este tipo de conteúdo ativa a ação de compartilhamento. As citações são aquelas frases de autores consagrados ou grandes conhecedores da sua área de atuação que inspiram.

Você pode usar pensamentos, epígrafes, frases de um livro; procure sempre conciliar com o tema do seu Facebook.

7. Pesquisas com interações

Para incentivar as interações, você pode postar no Facebook um conteúdo que os seguidores participem deixando a sua opinião com um “curtir”, “amei”, “uau”, “triste”, “grr”. Deixe o usuário saber que você busca a sua resposta através de uma destas interações.

Um exemplo disso é quando as marcas publicam mensagens como:

dê um curtir se (opção A)

ou amei se (opção B).

8.   Notícias e tendências

Faça uso das novidades e tendências que surgem diariamente sobre o seu mercado e seja sempre um dos primeiros a divulgar. Para estar a par das novidades, observe atentamente os grandes eventos, novidades em sites de maior autoridade, assuntos que geram polêmica. Você pode usar o Google Trends e ferramentas similares; Torne-se um pesquisador!

   Compartilhe publicações de outras páginas

Como ponto B, você também pode compartilhar em seu perfil publicações de outros blogs ou de conteúdo de outros perfis que abordem temas similares aos seus e que sejam de interesse para seus seguidores.

Muitos administradores veem isso com desconfiança, mas é realmente muito útil quando você não tem muito tempo para criar seu conteúdo ou quando você sente que o conteúdo do outro realmente vale a pena. Em primeiro lugar, seus usuários irão valorizá-lo porque você está atendendo às suas necessidades de informação e os outros sites o agradecerão a ponto de chegar o dia em que o compensem fazendo o mesmo com o seu conteúdo.

9. Crie histórias

Embora este seja um tipo de conteúdo específico, ele pode ser inserido com os outros que mencionamos. Criar histórias (mais conhecidas como storytelling no mundo do marketing), é uma maneira muito especial de gerar engajamento.

Aos usuários que gostam de conhecer histórias, aproveitem esse recurso e conte aos usuários sobre a sua empresa de uma forma que elas sejam agradáveis. Veja este exemplo da Lego:

Você também pode usar o recurso mostrando às pessoas que trabalham com você, revele casos interessantes, antecipe as notícias que estão chegando para você ao seu público; e tudo isso pode ser contado com textos, vídeos, imagens ou com qualquer outro formato que você achar interessante.

10. Peça para ativar as notificações

Nem tudo o que você postar no Facebook chegará a todos os seguidores. No entanto, você pode pedir para que ativem as notificações da sua Fanpage para que possam ter a certeza de encontrar em seu feed, os conteúdos que são de interesse para eles.

No Marketing de Conteúdo, aproveitamos vários dos recursos que mencionamos anteriormente para pedir aos nossos seguidores que ativem suas notificações e criamos esse conteúdo que não só nos beneficia, mas também ensina.

Você pode usar essa ideia para criar as suas estratégias para atrair os usuários e, assim, ativar seu engajamento na rede social.

Conclusão

Neste artigo, fizemos uma revisão do conceito de engajamento, quais são os pilares fundamentais e os formatos de conteúdo que podemos postar no Facebook para aumentar essa interação. Embora seja um artigo extenso, ainda temos muitos tipos de conteúdo extras, mas estendo o convite para que nos conte quais outros princípios fundamentais e tipos de conteúdo para gerar engajamento vocês conhecem!

Este artigo foi produzido pelo Marketing de Conteúdo, Rock Content.

Hotmart