Blog_Hotmart_2021_Header_Fixo_Desktop_970x75_Orange_BR
Fechar

O que é audiobook e como criar o seu? Passo a passo completo

Você já ouviu falar em audiobook? Descubra por que esse formato de conteúdo ficou tão popular no mercado nacional.

audiobook - ilustração de um livro aberto sob um headset

Nem sempre temos tempo para ler um livro ou um material com várias páginas. Há quem já tenha aderido ao podcast para saber as notícias do dia, aprender sobre algo ou apenas se divertir.

Porém, é possível consumir conteúdos mais densos e adequá-los à rotina. Os audiobooks estão conquistando espaço no mercado e se tornando uma excelente opção de produto digital para os negócios.

Neste artigo, você conhecerá as vantagens desse formato e aprenderá a criar o seu próprio audiobook!

O que é um audiobook?

Um audiobook nada mais é do que um áudio-livro. Ele consiste na leitura de um livro em voz alta feita por um narrador, ou por atores, e pode trazer versões completas e resumidas dos livros.

O audiobook foi criado nos anos 30, mas só ganhou esse nome na década de 70.

Ele foi muito difundido nos Estados Unidos e na Europa e tinha como objetivo inicial auxiliar pessoas portadoras de deficiência visual. Com o tempo, passou a se popularizar em fitas cassete e, posteriormente, em CDs, entre os anos 80 e 90.

Hoje, um audiobook pode ser acessado direto de nossos smartphones em apps e plataformas de áudio com muita praticidade.

É possível criar um áudio-livro em diversas categorias, porém alguns setores são mais familiarizados com esse tipo de conteúdo, como a literatura, cursos de idiomas e outros com fins educativos.

Você pode estar pensando que os audiobooks foram populares apenas décadas atrás, mas agora, com o crescimento de conteúdo online, principalmente em áudio, como os podcasts, esse formato se tornou relevante e está conquistando um bom público aqui no Brasil.

De acordo com uma recente matéria publicada no Estadão, atualmente, a Ubook, startup carioca que oferece serviço de assinatura para audiolivros, já recebeu mais de 23 milhões de aportes.

Para uma matéria, o jornal Valor Econômico conversou com os diretores das plataformas Word Audio, Ubook, Storytel e Auti Books e avaliou que, no ano de 2019, o mercado de audiobooks ganhou novos players, o que gerou também um aumento nas publicações desse tipo de material. 

Quais as vantagens desse formato?

Tanto para quem consome quanto para quem produz existe uma série de vantagens nos audiobooks! Veja abaixo os benefícios desse formato:

Mais praticidade

A praticidade é um ponto chave do audiobook. 

Geralmente, quando consumimos um conteúdo, é necessário dedicar foco visual e auditivo, além da atenção para ler e absorver as informações.

Já no caso dos livros em áudio, é mais prático assimilar o conteúdo, uma vez que você pode escutá-lo de qualquer lugar enquanto realiza outras atividades, como almoçar, pegar o ônibus, fazer uma pausa do trabalho etc.

Isso otimiza o tempo do usuário e permite que ele escute como achar melhor, realizando as próprias anotações e pausando o áudio quando achar necessário.

Ideal para quem gosta de aprender escutando

Cada pessoa aprende melhor de um jeito. Há quem prefira consumir vídeos, há quem prefira ler e há quem goste de escutar.

Para esse último público, os audiobooks são excelentes, já que fornecem uma experiência totalmente auditiva, trazendo a narração e a entonação para o conteúdo aplicado.

No ensino de idiomas estrangeiros esse formato é ainda mais benéfico, porque a pessoa consegue reconhecer palavras e frases, se preparando para a compreensão e reprodução do que foi dito.

Inclusão de portadores deficiência visual ou dificuldades de leitura

Os audiobooks permitem que pessoas com deficiência visual, dislexia e em processo de alfabetização tenham mais acesso à informação e ao aprendizado.

Com esse conteúdo voltado para a audição, será mais fácil entregar um material com boa possibilidade de interpretação e compreensão, diferente de outros materiais que não entregam essa mesma didática.

Por isso, se você quer que o seu conteúdo seja acessível para mais pessoas, além do material escrito, é uma boa ideia criar uma versão em áudio!

Fáceis de criar

Não é complicado criar o próprio audiobook!

Diferente dos vídeos, que demandam equipamentos mais profissionais e processos um pouco mais complexos, o formato do áudio-livro permite que a produção seja mais simples e você pode começar até com equipamentos de gravação e edição mais acessíveis.

Setor em expansão

Como mostramos no começo deste artigo, o setor de audiobooks está em um ótimo momento de expansão no Brasil.

Essa é uma oportunidade para aumentar a sua renda e conseguir atingir um público que consome regularmente esse tipo de formato na internet.

Você difundirá a sua marca para outros ambientes digitais, o que vai aumentar o seu reconhecimento de marca, suas conversões e seus ganhos, além de melhorar seus canais como um todo, levando pessoas que descobriram seus audiobooks para outras redes.

Como criar o seu próprio audiobook?

Agora que você já viu as vantagens em ter um audiobook, chegou a hora de aprender como criar um para o seu negócio! Vamos lá?

1. Defina um tema

Antes de ir para a etapa de criação do seu audiobook, é preciso pensar bem em um assunto que converse com o seu negócio e que seja realmente interessante para o público da marca.

É importante estudar bem o negócio e também analisar materiais em áudio que já estão sendo produzidos por outras marcas dentro e fora do seu nicho.

Após essa pesquisa, elabore um brainstorming de temas que estão presentes em seus conteúdos e que podem ser levados para esse formato também. Faça a seleção daqueles mais objetivos e que atendam as necessidades da audiência.

2. Elabore um roteiro

262

Com o tema definido, elabore um roteiro para o material que será criado.

Por mais que o audiobook seja uma versão lida de um livro, não é apenas abrindo um livro/ebook e lendo em voz alta que estará tudo pronto!

Algumas adaptações são necessárias para facilitar a compreensão do tema porque um conteúdo escrito nem sempre é transmitido igualmente quando falado.

Para começar, tire itens do seu texto que não farão tanto sentido, como legendas, imagens, links e frases como “clique aqui” ou “veja abaixo”. Veja também como transformar e incorporar gráficos, CTAs, planilhas e outros informativos de forma fluida durante a leitura.

Você pode adaptar seus livros, ebooks ou até outros formatos de conteúdo em texto.

3. Treine, treine, treine!

Um audiobook de qualidade requer estudo e prática! A sua voz será a ponte principal que guiará o ouvinte até o conteúdo. Para que essa viagem ocorra bem, você terá que trabalhar dicção, oratória, fluência e evitar erros para que o material não fique desconexo.

Pegue o roteiro do seu material e leia como se já estivesse gravando. Depois, anote o que precisa ser melhorado e tente novamente.

No início é mais comum se sentir inseguro(a) na hora de gravar, o que pode causar falhas mais constantes, por isso, não deixe de fazer esse exercício para ganhar mais confiança e desenvoltura no momento da narração.

4. Grave o audiobook

É hora de gravar o áudio!

Mas para isso, você vai precisar de alguns equipamentos principais, como microfone e filtro de microfone, computador e uma ferramenta de gravação e edição de áudio, como o software gratuito Audacity, por exemplo.

Certifique-se de estar em um ambiente silencioso para evitar ruídos e tranquilo para que não sejam necessárias pausas durante a gravação.

Tome alguns cuidados, lendo um capítulo inteiro por vez, mantendo a hidratação durante as leituras e ouvindo os capítulos já gravados para alinhar a entonação e interpretação com a narração anterior.

Se você decidiu que não vai narrar o seu audiobook, é possível contratar narradores ou freelancers para um trabalho específico. Apenas garanta que esse profissional receberá o conteúdo a tempo de estudá-lo e se preparar para o dia da gravação.

5. Edite o conteúdo

Depois da gravação, alguns cortes, efeitos sonoros, músicas e correções de áudio serão fundamentais para deixar o seu audiobook mais completo.

Use o seu software de edição para fazer todos os ajustes. Durante a gravação surgem alguns erros, ruídos externos e até trechos que quando gravados não se encaixam tão bem no material. Essa limpeza precisa acontecer para deixar a informação mais clara.

Músicas e efeitos sonoros trazem mais vida para o audiobook. Alguns desses conteúdos são muito extensos e esses sons deixam a leitura mais envolvente e atrativa para quem está ouvindo. Mas lembre-se sempre de utilizar uma música sem direitos autorais.

Essa é uma etapa que demanda muita precisão e atenção aos detalhes. Você pode fazer esse trabalho ou então contratar um editor para otimizar os processos.

6. Revise o seu conteúdo

É sempre importante fazer uma revisão do audiobook editado para localizar pequenas falhas e detalhes que precisam ser alterados.

Imagine que você é um ouvinte e tente entender se aquele conteúdo está agradável, se não tem algum som incomodando, algum trecho repetitivo ou algum ruído que passou despercebido.

Veja se não tem nenhum problema com o áudio e seu formato e se não tem nenhuma parte cortada ou que entrou no momento errado. 

7. Publique e divulgue o audiobook!

Tudo revisado? Então vamos publicar!

Primeiro, você precisa colocar o seu conteúdo em uma plataforma específica para publicação e venda de produtos digitais, como a Hotmart, por exemplo. Você deixará o material disponível para os compradores e um link para a sua página de vendas.

É aí que entra uma parte muito importante: a divulgação! Use seu site, blog, newsletter e redes sociais para falar sobre seu audiobook, o que ele gera de benefícios, quais problemas ele soluciona e mostrar depoimentos de pessoas que já ouviram o conteúdo.

Audiobook: Um formato de conteúdo promissor e vantajoso

Nós te mostramos como o mercado de audiobooks está crescendo no país e reforçando o quão relevantes os conteúdos em áudio estão na rotina das pessoas atualmente.

Muito utilizados em cursos de idiomas e na literatura infantil, esse formato também é valioso para quem possui alguma deficiência visual, dificuldade de leitura ou apenas quer absorver informação enquanto executa outras atividades.

Você poderá criar por meio do nosso passo a passo narrações incríveis para os seus ebooks e materiais textuais e lucrar ainda mais com o seu negócio!

É preciso saber roteirizar, gravar, editar e, ao final, publicar o seu produto em uma plataforma de confiança e que entende as necessidades de criadores de conteúdo. Como a Hotmart.

Quer saber como hospedar o seu audiobook em nossa plataforma? Então, confira nosso artigo com o passo a passo para publicar produtos digitais na Hotmart e publique já o seu!