Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Três dias imperdíveis para aprender tudo sobre o mercado digital!

Três dias imperdíveis para aprender tudo sobre o mercado digital!

Garanta seu ingresso

O que é newsletter e qual é sua importância para sua estratégia de marketing de conteúdo

O que é newsletter e qual é sua importância para sua estratégia de marketing de conteúdo

Conheça as principais vantagens de adotá-la em sua estratégia!

Dentro do marketing de conteúdo um dos formatos mais importantes é a newsletter— uma espécie de boletim informativo que divulga notícias, artigos e conteúdos relevantes para o cliente, muitas vezes associados a promoções ou benefícios.

Na sequência, falaremos sobre as principais características de uma newsletter, e explicaremos porque ela é tão vantajosa para seu plano de negócios.

Ficou curioso? Continue acompanhando!

Qual é a periodicidade ideal para enviar uma newsletter?

A periodicidade é uma das características principais de uma newsletter, ou seja, adotar esse formato de material em sua estratégia de marketing de conteúdo significa que você deverá enviar o boletim com uma frequência bem definida.

A periodicidade fomenta a criação de um relacionamento com seu cliente (ou potencial cliente), uma vez que ele se habitua com o recebimento do material e, eventualmente, acaba esperando pelo e-mail.

Não existe uma periodicidade padrão para todo tipo de empreendimento, mas você descobrirá que quanto mais contato mantiver com seu lead, mais fácil será identificar os conteúdos que mais interessam a ele, além de suas reais necessidades.

Esse processo, é claro, deve ser automatizado.

Por exemplo:

Se você planeja enviar a newsletter toda sexta-feira, não pode deixar para montar o e-mail no dia do envio.

Uma ferramenta que pode te ajudar muito no planejamento desse conteúdo é o calendário editorial. Nesse documento, você lista todas as ações de marketing previstas para cada dia, o que impede que você deixe alguma tarefa “para trás”.

Outra dica importante é pensar em um período de tempo que seja adequado ao tema que você aborda, pois o cliente percebe quando você, realmente, tem algo a dizer sobre o tema. Nessa lógica, é essencial que sua criação de conteúdo sempre se renove de modo que sua mensagem seja relevante para quem está recebendo.

Quais informações posso enviar para meu lead?

A newsletter é uma das principais ferramentas para nutrição de leads, pois possibilita que os usuários recebam as informações necessárias para avançarem em suas jornadas do comprador.

Além disso, a newsletter é um ótimo canal para divulgar fatos pontuais e notícias institucionais, como, por exemplo: lançamentos de produtos, eventos, promoções e datas comemorativas.

Vale lembrar que a newsletter nem sempre está associada ao fator temporal. Também é possível incluir no boletim artigos de educação de leads, como guias sobre o mercado, tutoriais sobre o uso de produtos variados, dentre muitas outras opções.

O que uma boa newsletter deve conter?

São vários os tipos de newsletter disponíveis no mercado – cada um com seu foco estratégico e peculiaridades próprias.

A seguir, falaremos sobre como você pode produzir newsletters eficazes e que convertam cada vez mais leads.

1. Produza conteúdo de qualidade e relevante

Não utilize a newsletter apenas com o intuito de divulgação de promoções e chamadas explícitas para a venda.

É  imprescindível aproveitar esse contato que você tem com seu cliente para disponibilizar um conteúdo de qualidade e relevante, criando, assim, um relacionamento de confiança com o consumidor, que pode culminar na venda.

2. Invista em um visual atraente

Escolher o visual de sua newsletter é tão importante quanto a seleção do conteúdo em si. Portanto, aposte em cores agradáveis, tranquilas, sem exageros.

Além disso, é preciso tomar cuidado pra não abusar do uso de imagens. Elas são um complemento ao texto e, logo, não devem protagonizar a newsletter.

Fuja dos e-mails compostos apenas de imagem, pois eles podem demorar a carregar dependendo do navegador e dispositivo utilizado pelo destinatário, comprometendo o engajamento dele com sua mensagem.

Mas antes mesmo de se preocupar com o conteúdo do e-mail, é preciso dar incentivos para o lead abri-lo. Afinal, estamos acostumados a receber vários e-mails por dia.

Você deverá fazer chamadas que despertem curiosidade ou que agucem a curiosidade do leitor, seja mostrando algo novo, controverso ou inesperado. Uma boa dica é apostar na sensação de urgência e de exclusividade.

(Para saber mais sobre esse tema, leia nosso post com 16 gatilhos mentais para você utilizar em sua estratégia.)

3. Aposte em um discurso intimista

Tratar o leitor com pessoalidade faz com que ele se identifique mais com sua marca. Por isso, dirija-se ao destinatário como se ele fosse um bom amigo. Isso transmitirá a sensação de que você entende o que ele precisa e que tem a solução ideal para seus problemas.

E não estamos falando apenas de usar o nome do usuário no início do e-mail. É importante também fazer uma segmentação eficiente de sua lista e entregar um conteúdo personalizado para cada estágio do funil de vendas.

(Saiba como criar uma lista de e-mails qualificados para seu empreendimento neste post.)

4. Não abuse dos envios

A newsletter é criada com o objetivo central de aproximar o leitor da marca, correto?

Mas cuidado: se você começar a abusar dos envios, o efeito no público será o contrário. Ao invés de aproximar o lead da empresa, você fará com que ele tome até mesmo raiva dela.

A conclusão aqui é simples: o conteúdo oferecido deve ser sempre de qualidade e relevante.

O raciocínio para tanto também é bem simples: responder os anseios de seu cliente não significa (nunca!) bombardeá-lo com promoções e informações sobre os produtos que você comercializa.

Conteúdos que convertem são aqueles que representam utilidade para o leitor: solucionam dúvidas, apresentam soluções para problemas, falam sobre novas possibilidades pertinentes aos interesses dele, etc.

Nesse sentido, quanto mais detalhes sobre os leads você conseguir reunir, melhor. Com isso é possível segmentar suas campanhas e enviar os temas certos para cada tipo de cliente.

5. Crie um conteúdo escaneável

Se você tiver uma grande variedade de temas para divulgar, torne as chamadas bem separadas e organizadas, lembrando sempre de dar destaque para os pontos mais importantes da leitura.

Já nos casos de textos maiores, mantenha apenas uma introdução ou resumo juntamente de um link para o conteúdo completo disponível no site. Isso permite a elaboração de uma newsletter mais enxuta e atrativa para seus clientes.

Essa estratégia também permite que você saiba, por meio dos acessos, quais foram os conteúdos que mais chamaram a atenção dos consumidores.

6. Personalize o remetente

Seus conteúdos só devem ser enviados para quem realmente tem interesse neles. E uma boa taxa de abertura e de conversões só é possível com campanhas bem segmentadas, com chamadas atraentes e layouts interessantes.

Outro ponto importante é o de sempre inserir o nome de sua empresa no remetente dos e-mails disparados. Afinal, se o destinatário já conhece seu negócio, a exibição de sua marca tornará a newsletter mais confiável.

7. Utilize um layout simples e atrativo

O HTML de um email não pode ser tratado da mesma maneira que o HTML de um site. As complexidades na elaboração do template aumentam muito a chance de problemas na forma como o conteúdo é acessado em diferentes dispositivos.

Por esse motivo, utilizar layouts e CSS simples é a melhor opção. Definir um HTML padrão para utilização em plataformas como a do wordpress, por exemplo, é uma excelente alternativa.

8. Nunca se esqueça das métricas

Os serviços de e-mail marketing utilizados para disparo de newsletter fornecem diversas métricas que ajudam avaliar o sucesso de uma campanha. Você poderá, por exemplo, descobrir quais horários geram mais cliques estudando a taxa de abertura de diferentes disparos.

Além disso, observado os cliques em cada matéria, você descobrirá quais tipos de assunto despertam mais atenção e interesse entre seu público.

Observar essas métricas é indispensável para o sucesso de sua estratégia de newsletter e, consequentemente, para uma boa taxa de ROI (retorno sobre o investimento).

9. Realize testes com frequência

O trabalho não termina quando a newsletter estiver concluída!

É essencial a realização de testes antes de enviar os conteúdos para seus clientes. Envie a mensagem para você mesmo, para os outros funcionários, para amigos, teste de todas as formas possíveis.

Lembre-se de verificar os serviços de e-mail mais utilizados no Brasil, como, por exemplo: Gmail, Hotmail, Yahoo, Bol, e Uol, sem deixar de lado os softwares como Outlook, Apple Mail e Mozilla ThunderBird.

Uma boa maneira de realizar teste é a utilização do site litmus.com, que mostra como é exibida a mensagem em diferentes serviços de e-mail. Esses testes vão servir para certificar que o layout não esteja quebrado de acordo com o serviço de e-mail.

Qual é a importância da newsletter?

A newsletter te torna fonte de informação

Quando sua newsletter produz conteúdo de qualidade sobre um tema ou área que você domina, sua empresa pode passar a ser referenciada como uma fonte de informações sobre aquele nicho.

Se você é proprietário de um e-commerce da área de vestuário, por exemplo, e distribui posts e materiais sobre moda, você está criando um informativo em potencial sobre o tema, que poderá referenciar as futuras escolhas de seu cliente.

Converte e prepara seu futuro cliente

Um plano bem articulado de distribuição de conteúdo colabora para o processo de decisão de compra do consumidor.

Nesse sentido, a newsletter pode catalisar a evolução de um lead no funil de vendas e melhorar os resultados do negócio como um todo.

Contribui para a percepção de marca

A percepção de marca entre o público é, sem dúvida, um dos pilares centrais do empreendedorismo, e a newsletter pode te ajudar também nesse sentido.

Ao criar uma rotina de disparo de newsletter, você promove a fidelização de clientes e conquista confiança e respeito de seu público.

Entendeu o que é newsletter e qual a importância desta ferramenta para sua empresa? Aproveite também para ler nosso outro artigo e descobrir como mandar e-mails matadores que geram muitas vendas!

 

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.