Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Fechar Minicurso Hotmart

Você é professor?

Já tem conteúdo para ensinar?

Comece 2019 com o pé direito e sendo dono de seu próprio negócio.

Aprenda a criar seu curso online de forma gratuita.

QUERO ACESSAR O MINICURSO
Fechar ¿Cómo crear el ebook perfecto para venderlo en Internet?

¿Cómo crear el ebook perfecto para venderlo en Internet?

Aprende a transformar tu conocimiento en un ebook con nuestra guía gratis.

¡DESCARGA EL MATERIAL!

10 oportunidades de negócio fora do mercado tradicional

10 oportunidades de negócio fora do mercado tradicional

Se você procura se diferenciar profissionalmente, conheça agora 10 oportunidades de negócio além do mercado tradicional de trabalho.

As gerações contemporâneas apresentam um perfil bem diferenciado quando comparadas às anteriores, principalmente no que diz respeito ao envolvimento com o mundo digital e anseios na vida profissional.

Com um foco cada vez maior nas experiências de vida, os anseios por estabilidade e aquisições de bens têm sido substituídos pela valorização da liberdade, flexibilidade e inovação no ambiente de trabalho.

Diante dessa alteração de perfil, o mercado de trabalho também passou e ainda está passando por mudanças significativas para conseguir acompanhar o ritmo exigido pelas novas gerações.

Se antes o empreendedorismo não era algo muito procurado pelos profissionais, hoje, o desejo de trabalhar em casa com aquilo que se ama é uma realidade para vários profissionais.

Mas se engana quem pensa que somente os jovens têm interesse em mudar seus rumos profissionais.

Há um número expressivo de pessoas já inseridas no mercado que, insatisfeitas com a carreira, desmotivadas ou curiosas para tentar algo mais desafiador, buscam novas e mais modernas oportunidades de negócio para gerar renda.

Mas, afinal, o que é o mercado tradicional?

Quando dizemos mercado tradicional estamos nos referindo, então, ao mercado que valoriza empregos ou escolhas profissionais marcadas pela busca por estabilidade no trabalho e retorno financeiro.

O caminho mais comum até hoje e, portanto, o que ainda é mais recomendado para os jovens que estão decidindo seu futuro profissional é o de ingressar em um curso de graduação, se formar, especializar-se naquela área e conseguir um emprego estável como, por exemplo, uma vaga em concurso público.

Porém, com tantas transformações decorrentes da revolução tecnológica, esse padrão tem sido superado por um número cada vez maior de pessoas.

Ao conhecerem mais as oportunidades de negócio oferecidas pelo mercado digital, as pessoas têm optado por carreiras mais dinâmicas e que permitam que elas explorem outras habilidades e conhecimentos além daquelas adquiridas em uma universidade.

Com isso, as profissões do futuro já não estão mais tão distantes assim e é possível que você até conheça pessoas que já atuam fora do mercado tradicional. Confira algumas dessas profissões:

Possibilidades além do mercado tradicional

Há alguns anos, era difícil imaginar que um dia estaríamos contratando motoristas particulares pelo celular, trocando os quartos de hotel por apartamentos de pessoas que não conhecemos para ampliar as experiências nas viagens, agendando serviços de limpeza para casa e para carros por um aplicativo e usando cartão de crédito sem pagar nenhuma taxa.

Se agora já temos tantas mudanças, é possível prever que os trabalhos realizados pelas próximas gerações terão um perfil ainda mais diferente do que estamos acostumados.

Inclusive, mudanças significativas já estão acontecendo, trazendo uma valorização crescente em trabalhos com foco na criatividade e relacionamento e, consequentemente, a desvalorização de empregos tradicionais que sejam pautados em atividades monótonas e engessadas.

Presenciamos o surgimento de profissões para as quais ainda não há nem mesmo cursos de graduação elaborados, o que fomentou o crescimento dos cursos online, por meio das plataformas de educação a distância (EAD), para absorver a demanda do público.

Essas profissões envolvem, em sua grande maioria, atividades diretamente conectadas ao mundo digital como desenvolvedores de software, profissionais de marketing digital, especialistas em experiência dos usuários, produtores de conteúdo, entre outros.

Empreendedorismo digital

Diante dessa realidade, a busca por oportunidades de negócios próprios transformou o empreendedorismo em uma forte tendência para os que não se sentem encaixados em nenhum campo profissional tradicional.

Para quem ainda não está familiarizado com o termo, podemos definir empreendedorismo como uma ação inovadora no mundo dos negócios, por meio da criação de novos produtos e serviços ou mudança nos modelos preexistentes.

Já o empreendedorismo digital envolve o mesmo processo de criação criativa e inovadora, porém de forma intimamente associada à tecnologia.

Em uma realidade na qual a internet e os conteúdos do mundo virtual estão cada vez mais acessíveis, o empreendedorismo digital tem se configurado como uma aposta certeira.

Isso porque esse tipo de atividade pode proporcionar alcance a um público maior em menos tempo e, para o empreendedor, mais comodidade, menor investimento inicial e maior probabilidade de trabalhar com algo do seu campo de interesse.

Acreditamos que, se você abriu este texto é porque tem interesse em saber mais sobre oportunidades de negócio fora do mercado tradicional para já começar a traçar seu caminho no empreendedorismo digital.

Por isso, selecionamos algumas opções interessantes para que você comece a pensar no que realmente gostaria de fazer e vamos falar um pouco sobre cada uma delas a seguir.

10 oportunidades de negócio

oportunidades de negócio - infográfico

1. Coaching

O coaching é uma metodologia de capacitação e desenvolvimento humano na qual, com o uso de ferramentas e técnicas específicas, são trabalhadas as mudanças comportamentais necessárias para alcançar metas estabelecidas pelo cliente no início do processo.

Atualmente, ele está amplamente difundido e pode ser aplicado tanto para o crescimento profissional quanto pessoal.

O profissional pode atuar em consultas presenciais, online ou por meio de cursos direcionados para um público específico.

2. Consultoria

O trabalho de consultor consiste em utilizar algum conhecimento e/ou experiência específica para auxiliar o cliente em determinada área da vida.

Pessoas e empresas contratam esses especialistas pelos mais diversos motivos e para receberem ajuda em algum aspecto no qual se sentem despreparados ou inexperientes.

Podem ser prestadas consultorias financeira, de imagem, de organização pessoal e profissional, empresarial, entre outras.

Para quem pretende trabalhar em casa, essa é uma oportunidade de negócio com a qual você consegue atuar por Skype ou outras ferramentas de vídeo.

3. Aulas online

Com o crescimento da educação a distância, atuar como professor online é uma boa oportunidade de negócio.

Caso você já trabalhe com aulas presenciais, será necessário apenas adequar a sua forma de ensino às particularidades do ambiente virtual.

No entanto, há espaço mesmo para quem nunca lecionou, mas possui conhecimento em determinado conteúdo e esteja disposto a compartilhá-lo.

Uma das vantagens de dar aulas online é o fato de não ser necessário se apegar às matérias básicas. Ou seja, você pode explorar conteúdos que gosta, domina e se sinta preparado para preparar um material relevante para os usuários.

As aulas podem ser elaboradas em diversos formatos, como videoaulas, ebooks, audiobooks, entre outros.

4. Freelancer

O trabalho como freelancer é muito adequado principalmente por quem quer ser um nômade digital, ou seja, trabalhar viajando.

Por algum tempo, trabalhar como freelancer era associado somente a formas de ganhar dinheiro extra no tempo livre que as pessoas tinham após uma jornada de trabalho formal.

Contudo, com uma busca cada vez maior por liberdade e autonomia para gerenciar suas próprias carreiras, o número de nômades digitais que se sustentam somente por meio dessas atividades temporárias tem aumentado significantemente.

Como freelancer, você pode atuar na área de redação e revisão de textos, criação de conteúdo para redes sociais, tradução, fotografia, entre várias outras. O importante é saber o que você faz de melhor e oferecer esses serviços para pessoas que precisam deles.

As opções são muitas e, com dedicação, pode ser bem lucrativo.

5. Trabalho artesanal

Se você tem alguma habilidade artística, esta pode ser a sua porta de entrada no mundo do empreendedorismo.

Vários produtos permitem produções caseiras, como velas, cosméticos naturais, bijuterias, objetos de decoração, bordados e quadros.

Além do método tradicional de vendas, da exposição dos produtos em lojas físicas ou feiras de artesanato, é interessante focar também no ambiente virtual para atingir mais pessoas e obter resultados melhores e mais rápidos (se forem utilizadas boas estratégias de marketing, claro!).

Você pode criar uma loja virtual ou páginas em redes sociais que sejam exclusivamente para a propaganda e venda dos produtos, o que ajuda a alcançar mais usuários e alavancar as vendas.

Entre as redes sociais, o Instagram tem ganhado muito destaque, principalmente depois de suas mudanças em 2018 que ajudaram bastante quem usa essa mídia para fazer vendas.

Confira nossas dicas para você começar a vender no Instagram:

6. Produção de alimentos

A produção de alimentos é uma oportunidade de trabalho muito parecida com o trabalho artesanal.

Para quem sabe, gosta de cozinhar e pensa em utilizar essa habilidade nos negócios, a produção de alimentos em casa para venda de congelados, marmitas ou encomendas é uma ótima opção.

Com o tempo cada vez mais corrido e escasso, são muitas as pessoas que buscam manter uma alimentação equilibrada, saudável e acessível fora de casa. Por isso, uma opção é investir exatamente nesse nicho de mercado.

7. E-commerce

Caso a sua ideia seja uma das duas anteriores, o e-commerce é uma das possibilidades para venda dos produtos.

Mas a criação de lojas virtuais pode ser uma opção tanto para quem quer comercializar o que produz quanto para quem tem interesse em revender para gerar renda.

Você pode, por exemplo, investir em peças de roupas, sapatos, bolsas, produtos fitness ou qualquer outra coisa que possa ser vendida. O próximo passo é fotografá-las, criar seu e-commerce e disponibilizá-las para vendas online.

Se esse for seu caso, não se esqueça de pensar em formas de pagamento e, principalmente, na maneira como você entregará os produtos para quem comprar em sua loja virtual.

8. Influenciador digital

Hoje em dia é difícil ter alguém que não conheça pelo menos um influenciador digital.

Essa é uma tendência no mundo virtual e pode ser a oportunidade de negócio perfeita para quem busca no empreendedorismo digital a saída do mercado tradicional de trabalho.

Para se tornar um influenciador digital é necessário produzir conteúdo de qualidade para uma audiência segmentada e compartilhá-lo em diversos canais existentes como YouTube, Facebook e Instagram.

Com o tempo e o uso das devidas estratégias de marketing, as publicações alcançam um público significativo e os usuários começam a estabelecer um vínculo de credibilidade com o influenciador.

Dessa forma, ele passa a ser considerado uma autoridade no nicho em que atua, atraindo a atenção de marcas e empresas que o procuram para divulgar seus produtos por meio do uso de sua imagem.

Para gerar renda como influenciador digital é possível, ainda, usar a influência conquistada para divulgar e vender seus próprios produtos digitais.

9. Blogueiro

Para quem escreve bem e pensa em investir em uma profissão não tradicional, que permita trabalhar em casa, organizar seu próprio horário e fazer o que gosta, criar e manter um blog é uma oportunidade excelente.

Prepare-se, no entanto, para estudar bastante e criar conteúdo interessante e atrativo para sua audiência para se diferenciar e alcançar bons resultados.

O interessante de ser blogueiro é ter acesso a várias possibilidades de gerar renda. Você pode:

  • Vender seus produtos digitais, como ebooks e cursos online;
  • Abrir espaço em seu blog para outras pessoas colocarem anúncios pagos;
  • Recomendar produtos de empresas ao se tornar um influenciador digital, como falamos no item anterior;
  • Divulgar seus serviços (consultorias, coaching, palestras);
  • Se tornar Afiliado, que explicaremos com mais detalhes a seguir.

10. Afiliado

Outra opção de oportunidades de negócio é participar de um programa de Afiliados, indicando produtos, sejam eles físicos ou digitais, de outras pessoas para receber comissão em troca de cada venda realizada.

Quem decide trabalhar como Afiliado deve escolher produtos do seu nicho de mercado e que possuam alto poder de vendas para fazer propaganda por meio de links, banners e outras ações e, assim, gerar renda.

É claro que estamos falando aqui resumidamente como funciona essa profissão. Mas se você ficou interessado com a possibilidade de ganhar dinheiro indicando produtos de terceiros, não deixe de conferir nosso post que mostra os 5 passos iniciais para se tornar um Afiliado.

Pronto para uma mudança profissional?

Se você gostou das oportunidades de negócio que apresentamos e está interessado em fazer uma mudança na sua vida profissional, saiba que já existem várias ferramentas para te ajudar a obter sucesso.

No entanto, ressaltamos alguns diferencias que o profissional que opta por esse caminho tem que ter, para que você possa fazer uma reflexão antes de começar.

  • Disciplina, afinal, gerir um negócio inovador e cheio de desafios exige muito foco;
  • Ambição para correr atrás de um aprendizado constante;
  • Dedicação para manter-se atualizado sobre as tecnologias;
  • Boa habilidade de comunicação, principalmente para quem vai investir na área de vendas.

Além dessas 10 oportunidades de negócios que apresentamos aqui, ainda existem várias outras que você pode escolher para atuar fora do mercado tradicional.

Você já sabe que, com o avanço cada vez maior da tecnologia, há bastante espaço para as pessoas que desejam empreender no mercado digital.

Com muita dedicação, estudo e aperfeiçoamento constante, você pode alcançar os resultados desejados e começar a trabalhar com o que gosta.

Gostou dessas dicas, mas ainda não se identificou com nenhuma das oportunidades de negócio que apresentamos aqui?

Ainda temos um texto com 30 ideias de produtos para vender online. Não deixe de conferir!

Este post foi originalmente publicado em janeiro de 2018 e atualizado para conter informações mais completas e precisas.

 

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.