Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

8 perguntas que você precisa fazer ao escolher um meio de pagamento

8 perguntas que você precisa fazer ao escolher um meio de pagamento

Escolhendo um meio de pagamentos para fazer o seu negócio digital acontecer? Confira algumas perguntas essenciais para realizar a escolha perfeita!

A influência do meio de pagamento que você escolhe vai muito além do momento da compra. Aqui na Hotmart, sabemos que cada ferramenta do HotPay, nosso sistema exclusivo de pagamento, é responsável por fazer mais e mais vendas.

Se você vende pela internet, recomendo que leia esse artigo até o fim. Nele, você vai aprender a identificar os pontos que realmente importam em um meio de pagamento e como tirar o maior proveito das suas transações.

No final desse artigo, você terá total segurança para decidir qual ferramenta escolher e como usar os meios de pagamento ao seu favor. Vamos começar?

1 – O meio de pagamento é adequado para o meu negócio?  

Cada meio de pagamento tem suas características. Na internet pode-se comprar uma gama de produtos e quanto mais segmentado for o meio de pagamento, mais fácil é oferecer soluções personalizadas.

A venda de ingressos para um show de rock, por exemplo, precisa que o seu meio de pagamento forneça ferramentas que um e-commerce de roupas nem sempre precisa.

Para produtos digitais, como e-books, cursos online e sites de membros, essas peculiaridades fazem total diferença no volume de vendas.

Usar meios de pagamentos que entendem que não é necessário pedir endereço ao comprador, que existem lançamentos com picos de vendas ou que podem haver compradores do outro lado do mundo, são características que só um meio de pagamento pensado para esse mercado pode oferecer.

2 – O meio de pagamento é seguro?  

Atenção com a segurança dos meios de pagamento é o mínimo que uma empresa pode oferecer. Antes de escolher o serviço que vai transacionar suas compras, verifique se ele possui os indicadores de proteção do CSE Security, PCI-DSS e 3D Secure, três dos maiores sistemas de segurança do mundo, que regulamentam empresas que lidam com informações pessoais e dados bancários.

Dessa forma, você garante tanto para o seu negócio, tanto para o comprador que é seguro inserir os dados pessoais e do cartão.

3 – Vale o preço que você paga?

Um dos grandes erros de quem não tem o total controle das finanças é levar em consideração apenas a tarifa de transação.

Para você saber quanto custa o seu meio de pagamento é necessário saber a taxa média de aprovação para cartões de crédito e boleto.

Somente com esses dados é possível entender o real impacto do meio de pagamento no seu bolso. Por exemplo, um sistema com uma tarifa de transação barata pode dar prejuízo caso a taxa de aprovação seja ruim.

Fazendo uma conta simples, o empreendedor desconta apenas o valor da tarifa para calcular seus gastos com meio de pagamento.

No entanto, essa conta esconde um perigo: a taxa de conversão dos meios de pagamento mais baratos pode ser abaixo do mercado.

Além da porcentagem de tarifa, o empreendedor que opta por um meio de pagamento com baixa performance, paga por não vender mais. Ou seja, perde novos compradores.

Na Hotmart, temos taxas de aprovação acima do mercado e por isso, ao optar por um meio, teste qual possui o maior percentual de aprovação e faça as contas.

4 – Funciona onde o meu cliente está?

Vendas internacionais não são novidade para quem vende online e aposto que você já foi impactado por anúncios em outras línguas, certo?

Avalie onde o seu cliente está e até onde você pode entregar o seu produto. No caso de cursos digitais e e-books o limite de entrega é quase inexistente, e um único empreendedor pode vender em um mesmo dia no Japão, na Espanha e no Brasil.

Segundo estimativas do Itamaraty, só nos Estados Unidos vivem cerca de 1,3 milhão de brasileiros. Ou seja, existe um mercado enorme de vendas para produtos em português que precisam de meios de pagamento capazes de transacionar vendas internacionais.

Se esse é o seu caso, opte por meios de pagamento que permitam vendas internacionais e que facilite a compra de usuários estrangeiros.

No caso do Hotpay, os pagamentos realizados em moedas internacionais, incluindo cartões internacionais –são depositados em sua conta Hotmart, onde você pode retirá-los, em seu banco, na moeda local.

5 – Permite que eu customize o layout?

Algumas dúvidas surgem na cabeça do comprador e é preciso respondê-las o mais rápido possível.

Um layout bem estruturado, que conta com depoimentos de compradores satisfeitos e informações complementares, é fundamental para converter os mais indecisos.

A dica que tenho para você é dar uma olhada nos checkouts de outras empresas, ver quais delas mais te agradam e testar no seu meio de pagamento formatos semelhantes.

Se você usa o HotPay, é capaz de criar diversos modelos usando o Checkout Builder e testá-los variando os elementos como  cor, frases e até vídeos.

6 – Possui ferramentas de vendas?

Como disse no tópico anterior, enquanto o comprador insere os dados de pagamento ele está avaliando se deve concluir a compra.

Alguns meios de pagamento fornecem ferramentas que facilitam a vida de quem compra e reduzem o tempo de decisão e, consequentemente, uma possível desistência.

Dentro do HotPay é possível:

  • Enviar notificações no checkout

Ao habilitar as notificações em seu checkout, o visitante do seu site recebe mensagens sobre a quantidade de compradores ou de interessados no seu produto em um determinado período de tempo.

Essas mensagens estimulam o visitante a comprar, confirmando que o seu produto é popular e aprovado pelo mercado.

  • Cupom de desconto

A possibilidade de fazer promoções exclusivas para alguns grupos da sua lista é reponsável por verdadeiros saltos de venda. Na Black Friday, por exemplo, Produtores da Hotmart faturam, em média, 93% mais que em outras épocas.

Oferecer cupons descontos é uma opção que o HotPay permite a todos que queiram usar preços diferenciados para atrair seu público.  

  • Registro de Abandono de Compra

Mesmo com todos os recursos para evitar o abandono de checkout, nem sempre é possível convencer o visitante da compra. No entanto, há uma luz!

Dentro da Hotmart é possível acessar o relatório de Abandono de Checkout. Lá você encontra dados como telefone e e-mail de quem abandonou a compra e, assim, pode entrar em contato com o objetivo de reverter a desistência.

7- As pessoas do meu mercado usam a mesma ferramenta?

Outro ponto que você deve observar na hora de escolher o meio de pagamento é acompanhar quais serviços os seus concorrentes e parceiros de mercado optam em usar.

Hoje, o HotPay transaciona os maiores lançamentos de produtos digitais e é recomendado por empreendedores que entendem a importância de um checkout estável.

8- Possui várias opções de pagamento?

A última pergunta que você deve fazer é entender quais são as opções de pagamento disponíveis.

Oferecer apenas o cartão de crédito como forma de pagamento é pouco em um país onde somente uma parcela da população tem acesso ao crédito.

Além de atender diversas bandeiras, o meio de pagamento escolhido deve ser capaz de transacionar comprar em dois cartões, e ainda dividir os valores como quiser, em cada um dos cartões, uma vez que nem todos possuem limite suficiente para tickets mais altos. Para saber mais sobre essa opção, recomendo que leia nosso post sobre a funcionalidade.

Outra opção obrigatória é o boleto bancário. Ela é boa porque torna seu produto acessível a pessoas que não possuem cartão de crédito ou que têm um limite de compras baixo. A única desvantagem desse modelo é que ele é aceito somente para pagamentos à vista.

Assim como o boleto, o débito bancário é válido apenas para pagamentos à vista. Nesse sistema, o usuário passa seus dados bancários (banco, agência e conta) autorizando a Hotmart a fazer um débito no valor total da compra.

A transação é 100% segura e o débito é identificado no extrato do comprador com o nome da Hotmart.

A última opção fundamental para escolher um meio de pagamento é o PayPal, uma das formas mais utilizadas por compradores que vivem fora do país. Se o seu cliente tem esse perfil vale habilitar a opção para aumentar o alcance do seu produto.

HotPay: feito para Produtores Digitais

Agora você já sabe quais perguntas se fazer para escolher o seu sistema de pagamento. Nas perguntas acima, contei algumas dessas vantagens, no entanto, são tantas funcionalidades para você vender mais, que separei as que não foram citadas ainda.

  • Aprovação de Compra

Diferente de sites tradicionais, onde o comprador espera horas para receber o produto, a equipe da Hotmart trabalha para que o tempo de aprovação de uma compra seja, praticamente, instantâneo.

  • Funil de Vendas

Venda produtos diferentes em um mesmo processo de compra. Com o funil, após o primeiro pagamento, é possível oferecer mais uma oferta em que o comprador não precisa repetir os dados de cartão.

  • Trial para Assinaturas

Os produtos do tipo assinatura hospedados no Hotmart Club podem oferecer períodos de teste, em que o comprador, antes de pagar, recebe o acesso ao conteúdo.

Dessa forma, os produtos de assinatura conquistam mais compradores e quebram diversas objeções de compra.

  • Customização de dados no Checkout

Além de estruturar o checkout com a sua cara usando o Builder, você consegue editar quais informações irão aparecer e como elas vão ser apresentadas.

O preço do seu produto, por exemplo, pode aparecer no formato parcelado. Você também pode definir se o PayPal e o Boleto estarão habilitados.

Viu como o HotPay é o meio de pagamento perfeito para fazer o seu negócio digital acontecer e dar a melhor experiência de compra aos seus usuários? Comece agora!

Hotmart