Fechar Notificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

Fechar Newsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

O que é resiliência e como aplicar esse conceito na prática?

O que é resiliência e como aplicar esse conceito na prática?

Confira 5 dicas para ser uma pessoa resiliente em seu dia a dia.

Conforme o mercado de trabalho evolui, também aumentam as exigências sobre a performance dos profissionais. Levando isso em consideração, você certamente já ouviu falar em resiliência, mas tem certeza de que sabe o que isso significa?

O termo costuma ser usado para se referir a uma característica desejável de profissionais de diversas áreas. Porém, também representa uma habilidade que ajuda a manter a saúde mental em equilíbrio em situações complicadas.

Dessa forma, pode-se dizer que a resiliência é algo positivo tanto para o aspecto profissional quanto para manter longe o risco de problemas de saúde, como, por exemplo, a Síndrome de Burnout. Afinal, se os desafios se tornam cada vez mais complicados, precisamos estar sempre preparados para lidar com eles.

Você já se perguntou o que é e como ter mais resiliência? Confira o restante do artigo para entender melhor o significado dessa palavra e como aplicá-la no seu dia a dia.

Entenda o que é resiliência

O conceito de resiliência vem da área da física, referindo-se à propriedade que alguns corpos têm de retornar à forma original após uma deformação. No âmbito profissional, passou-se a usar a palavra para significar a capacidade de se adaptar a mudanças e adversidades do dia a dia.

Dificuldades fazem parte da vida pessoal e profissional. O segredo para o sucesso não consiste em evitá-las completamente, já que isso é impossível. Na verdade, o caminho correto é aprender a lidar com elas e, especialmente, a administrar as suas emoções ao enfrentá-las.

A necessidade de aprimorar a resiliência ao realizar as tarefas do trabalho se mostra cada vez mais nítida, já que a maioria das áreas de atuação se tornou altamente competitiva e carregada de pressão. Os profissionais se veem em constante competição por performance, e nem todos administram bem isso.

5 dicas para se tornar alguém resiliente

Como já deve ter ficado bastante nítido, a resiliência é um traço bastante valioso no meio corporativo. Afinal, representa um profissional que não se deixa abalar por dificuldades e consegue entregar boa performance ao driblar as barreiras que surgirem no caminho.

Você está buscando se tornar alguém com resiliência? Então, aproveite as dicas a seguir para aplicar essa ideia no seu dia a dia.

1. Compreenda bem suas capacidades

Um profissional que não tem confiança em suas próprias habilidades terá muitas dificuldades para desenvolver resiliência. Diante de qualquer barreira, não terá onde se apoiar para vencer esse desafio.

Uma forma de trabalhar essa habilidade consiste em conhecer muito bem o que você pode fazer bem. Volte o seu olhar para o seu trabalho e observe os momentos em que você acertou e teve bom reconhecimento.

Sempre que novos desafios surgirem, você pode lembrar desse histórico positivo e adquirir mais confiança para vencê-los.

2. Construa relacionamentos saudáveis

Ninguém é uma ilha, já que as pessoas são naturalmente dependentes umas das outras. Por isso, para trabalhar a sua resiliência você precisa construir uma rede de relacionamentos, de preferência com quem contribui positivamente para a sua vida.

Essas pessoas podem servir como porto seguro em situações difíceis. O caminho da resiliência também envolve contar com os outros para lidar com as dificuldades que surgirem no seu dia a dia.

Lembre-se de que essas relações precisam ser vias de mão dupla. Ou seja, assim como os outros estão à sua disposição para ajudar, você também deve ter essa postura com eles.

3. Procure enxergar o lado positivo

A resiliência atua como um escudo em relação às adversidades, sendo que a força dele é construída a partir da capacidade da pessoa de enxergar o lado positivo das situações.

Trata-se de algo bastante difícil de se fazer a princípio, especialmente se você é uma pessoa mais negativa. No entanto, como qualquer exercício, requer comprometimento e consistência para começar a exibir sinais de progresso.

Uma forma simples de fazer isso é criar um diário em que você possa anotar tudo de positivo que aconteceu no dia, por menor que seja. Com o tempo, você terá muito mais facilidade para enxergar o lado bom das coisas.

4. Elabore planos de contingência

Muitas pessoas são naturalmente avessas a mudanças. Em geral, isso acontece porque não têm certeza do que farão. Nesse caso, a solução é simples: basta criar o hábito de elaborar planos de contingência para as ocorrências mais prováveis.

Para isso, é necessário exercitar a criatividade não só para pensar em cenários hipotéticos como também para elaborar os planos certos para lidar com eles. Uma ótima forma de fazer isso é observar as ocorrências mais frequentes que costumam prejudicar seu psicológico.

Por exemplo, se um profissional de vendas constantemente tem dificuldades para lidar com clientes que desistem da oferta na última hora, claramente algo precisa ser feito. Uma possibilidade é elaborar um plano focado em como agir nessas horas, para que o problema não seja mais uma surpresa.

5. Aprenda com cada crise enfrentada

O processo de resiliência é contínuo, não definitivo. O seu objetivo deve ser tornar-se cada vez mais forte para enfrentar situações progressivamente maiores, e o aprendizado é fundamental para esse processo.

Considere as dificuldades que você enfrentou no passado e procure sempre extrair um ensinamento delas. Tente enxergar quais tomadas de decisão levaram a elas e de que formas você lidou com tudo isso.

O aprendizado feito a partir desse exercício ajudará você a lidar melhor com situações equivalentes no futuro, aumentando a sua resistência e, consequentemente, sua resiliência.

Comece a aplicar a resiliência no seu dia a dia

Agora que você já conhece a definição de resiliência e entendeu o seu valor para a sua vida e negócios, pode começar a buscar formas de aplicá-la no seu cotidiano. Aproveite as dicas deste artigo para saber por onde começar e mantenha-se em um caminho de pleno aprimoramento.

Além disso, lembre-se de que a resiliência só pode ser alcançada se a sua saúde mental estiver em equilíbrio. Se o processo se tornar muito difícil, não hesite em buscar a ajuda de um profissional.

A resiliência é uma ferramenta fundamental para o seu sucesso profissional. E outro ingrediente de que você precisa para isso é se sentir bem no ambiente onde desenvolve suas atividades. Então, aproveite para conferir as 10 dicas que separamos para você alcançar qualidade de vida no trabalho!

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.