FecharNotificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

FecharNewsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

Você vive em uma zona de conforto? 11 passos para sair dela!

BUSCA...

Você vive em uma zona de conforto? 11 passos para sair dela!

Como não se acomodar profissionalmente

Abrir o próprio negócio é uma tarefa que exige muito empenho e dedicação. Por causa disso, muitas pessoas ficam com medo e acabam deixando seus sonhos para depois. Em muitos casos, boas oportunidades de crescimento não são aproveitadas, e você não pode cometer esse mesmo erro!

Provavelmente, você já se deparou com a expressão sair da zona de conforto em algum conteúdo sobre empreendedorismo, não é mesmo?

Pois então, essa atitude é fundamental para que você dê o primeiro passo rumo a suas metas e objetivos!  

Antes de mais nada, é preciso compreender se você vive em uma zona do conforto e como é possível sair dela.

Neste post, tiramos todas as dúvidas sobre o assunto e mostramos 11 dicas para que você aproveite melhor seu potencial.

Índice
  1. Descubra seu potencial
  2. Seja flexível
  3. Estude mais sobre diversos assuntos
  4. Procure eliminar seus medos e receios
  5. Faça atividades que desenvolvam sua criatividade
  6. Tenha um bom networking
  7. Experimente algo novo todos os dias
  8. Faça atividades independentes
  9. Compartilhe sua opinião e aceite feedbacks
  10. Crie metas
  11. Desligue-se das redes sociais

Continue a leitura e descubra!  

O que é estar na zona de conforto?

Descrever essa situação é muito mais fácil do que você imagina.

Por exemplo:

Todos os fatos que acontecem diariamente em sua vida fazem parte de sua zona de conforto. Quando você se acostuma com uma atividade, você se movimenta por inércia e não se importa se algo de novo acontece ou não.

Em outras palavras, a zona de conforto nos coloca em uma bolha na qual estamos protegidos do desconhecido e incomum. Por mais que você reclame ou ache insuportável viver nessas condições, você segue por medo de perder sua estabilidade, principalmente, financeira.

Essa falsa sensação de segurança faz com que as pessoas sempre tenham um determinado comportamento com seus colegas de trabalho, vizinhos, parentes e amigos. Dessa forma, você fica despreparado e não consegue lidar com situações e problemas que fogem do seu conhecimento.

Por que você precisa sair da zona de conforto?

Encarar desafios faz parte da evolução de qualquer sociedade.

Imagine se ninguém nunca tivesse criado um alfabeto para nos comunicar?

Talvez, a língua e a comunicação tivessem levado muito mais tempo para ser desenvolvida.  

Ter as mesmas atitudes e esperar resultados diferentes é algo equivocado e que não agrega valor nenhum a seu trabalho e nem a sua personalidade.

Quem sai da zona de conforto não tem medo de se arriscar e, muitas vezes, se surpreende com aquilo que alcança. É claro que cada pessoa se adapta de forma diferente em uma mesma situação, porém, o simples fato de se arriscar já proporciona mais conhecimento.

Por exemplo:

Ninguém nasce com as características de um bom líder. Por outro lado, qualquer um pode conseguir ter uma boa oratória e confiança para liderar uma equipe. Mas, para isso, é necessário forçar seus limites para adquirir essa nova habilidade.

A responsabilidade de sair da zona de conforto é apenas sua. Por isso, é essencial conhecer suas capacidades e saber aonde você deseja chegar.

Quais sãos as melhores dicas para sair dessa situação?

Sair da zona de conforto exige muito mais preparação psicológica do que técnica.

Confira, a seguir, algumas dicas que podem te ajudar.

1. Descubra seu potencial

Antes de tomar qualquer atitude, é necessário fazer uma análise profunda sobre todos os pontos de sua vida.

Responder as seguintes perguntas pode ajudá-lo a se orientar melhor:

  • Estou satisfeito com minha condição atual?
  • Como me posiciono em meu emprego? E com minha família?
  • Quais sonhos deixei de lado ao longo de minha vida? Por que fiz isso?
  • Quais são meus hobbies?
  • Quais habilidades eu já desenvolvi até hoje?
  • O que atrapalha meu desempenho?

A lista pode variar de acordo com o perfil de cada pessoa. Porém, responder essas perguntas com sinceridade é o primeiro passo para sair de sua zona de conforto.

Além do mais, as respostas que você encontrar hoje serão diferentes daquelas que você encontrará caso faça essa mesma análise no futuro. Isso acontece porque desenvolvemos diferentes habilidades de acordo com os esforços que realizamos em nossas vidas. Por isso, esteja preparado para constantes mudanças em sua jornada.

2. Seja flexível

A flexibilidade é uma característica essencial de uma pessoa que conhece a si mesmo e está pronta para lidar com situações inesperadas. Geralmente, não temos controle sobre as pessoas que estão a nossa volta, já que elas são livres para agir e pensar da maneira que querem.

Então, não seja tão radical. Tente se adaptar aos cenários que surgirem e, mais do que isso, tente aprender com as novas situações impostas.

3. Estude mais sobre diversos assuntos

Desde os tempos escolares, somos acostumados a estudar apenas aquilo que gostamos. Algumas pessoas preferem as ciências exatas, outras optam pela área de humanas. Esse pensamento limita um pouco sua criatividade, apesar de ser bastante difundido.

Um empreendedor de sucesso deve estar sempre disposto a conhecer novos conteúdos.

Se você é um gênio da matemática, aprenda um novo idioma. Quem gosta de poesia pode aprender a tocar um novo instrumento musical, e vice-versa.  

Invista em conhecimentos que podem agregar valor a sua vida profissional, mas não se esqueça de desempenhar também atividades que sejam de seu interesse pessoal. Pelos dois caminhos, você conseguirá ser um indivíduo mais completo e realizado.  

4. Procure eliminar seus medos e receios

Sentir medo é algo natural e serve para protegê-lo do perigo. Entretanto, o medo em excesso é prejudicial para seu desenvolvimento pessoal, pois atrapalha os relacionamentos e a realização de novas experiências em sua rotina.

Curar-se do medo é algo mais simples do que muitos imaginam. Para isso, basta enfrentar aquilo que provoca essa sensação.

Uma situação que atrapalha o desempenho de vários empreendedores é a dificuldade em falar em público, e essa característica é uma premissa fundamental para o sucesso em qualquer área. Desse modo, faça de tudo para adicioná-la a seu currículo.

Criar um canal no YouTube é uma ótima dica nessas horas. A internet é uma tecnologia que aproxima as pessoas e permite a troca de informações a qualquer hora e lugar.

O YouTube faz com que você se aproxime de pessoas, mas indiretamente, através do vídeo. Então, grave vídeos sobre os assuntos que você domina e desenvolva sua habilidade de oratória.

5. Faça atividades que desenvolvam sua criatividade

Muitos se enganam ao acreditar que apenas os publicitários, artistas e músicos precisam ser criativos.

Você precisa ser criativo para escolher um programa legal para o final de semana, por exemplo. E não poderia ser diferente para sair da zona de conforto.

Essa é uma habilidade que requer treinamento constante. Por isso, realize atividades artísticas, brinque com sobrinhos e filhos e corra mais riscos. Além disso, questione mais sua rotina e as atividades que você desempenha diariamente.

Será que existe uma forma mais criativa de fazer uma apresentação no trabalho?

Você só saberá isso se questionar.

6. Tenha um bom networking

Conhecer pessoas novas é uma ótima maneira para sair da zona de conforto. Uma simples conversa na hora do café pode render uma amizade ou até mesmo uma parceria para abrir o próprio negócio. Por isso, não tenha medo de participar de eventos, adicionar novos contatos e conhecer outras realidades e opiniões.

Nessas horas, você pode se espelhar em profissionais que passaram por várias experiências e pensam fora da caixa. Esses perfis estão sempre dispostos a ajudar quem quer sair da zona de conforto, e isso pode ser uma oportunidade e tanto de agregar novos conhecimentos.  

Em nosso canal no YouTube, temos uma série de vídeos de pessoas que saíram da zona de conforto, dá só uma olhada na história do Cris Urzua:

7. Experimente algo novo todos os dias

Sair da zona de conforto é algo que requer um esforço diário para superar obstáculos. Na verdade, você sempre estará se desafiando e procurando novos estímulos em sua vida. Então, fique atento para encontrar novas experiências, como:

  • Escutar um gênero musical diferente;
  • Fazer um caminho diferente para o trabalho;
  • Planejar uma viagem para um destino inusitado;
  • Visitar um museu diferente;
  • Comer em um restaurante que você não conhece.

Essas pequenas mudanças de hábitos podem te conduzir a algo maior, como mudar de emprego, trabalhar viajando ou criar um negócio próprio.

8. Faça atividades independentes

Sair com amigos e compartilhar momentos com familiares são atividades que mostram que nossas vidas não são formadas apenas por reuniões e caixas de e-mails lotadas. Entretanto, você não deve se prender demais às companhias.

Certamente, você já deixou de fazer uma viagem ou ir ao cinema porque não tinha ninguém para ir junto. Acertamos?  

Muitos passam por essas situações pois têm vergonha ou estão habituados a contar com alguém sempre à disposição.

Tente fazer algumas atividades sozinho também. Você verá que esse tempo é ótimo para o autoconhecimento.  

9. Compartilhe sua opinião e aceite feedbacks

Se você não tem o costume de expor sua opinião e expressar seus sentimentos, está na hora de rever seus conceitos. Essas atividades, apesar de serem simples, são fundamentais para sair da zona de conforto pois demandam coragem, principalmente, quando fazemos uma crítica a um chefe.

Esteja preparado também para escutar o que os outros têm a dizer sobre você e analise tudo o que foi dito sempre pensando em como você pode melhorar.  

Uma solução para um problema que tira suas noites de sono pode surgir em uma conversa de bar com amigos e colegas.

10. Crie metas

As metas são amplamente utilizadas para orientar o crescimento de uma empresa pois servem para motivar a equipe e mostrar o caminho a ser trilhado. Dessa forma, também é possível utilizá-las no âmbito pessoal para sair de sua zona de conforto.

Faça uma lista de atividades que você quer realiza e estipule um prazo para cada uma delas. Apenas tenha atenção para não determinar algo que seja inalcançável. Essa atitude atrapalha seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Leia um livro novo a cada dois meses, vá a um evento social toda semana, ou então, faça um exercício físico diferente todos os dias. Todas essas atividades são exemplos simples que você pode colocar em prática para se afastar da zona de conforto.

11. Desligue-se das redes sociais

De acordo com uma pesquisa divulgada em 2016, o brasileiro passa mais de 3 horas por dia na internet. Esse número parece pequeno, mas ele supera o tempo que muitos passam em atividades de lazer ou lendo um livro.

Caminhe na direção contrária e esqueça suas redes sociais durante algumas horas ou até mesmo alguns dias. Use esse tempo para interagir com pessoas diferentes, fazer serviços comunitários, praticar esportes ou aprender a cozinhar, por exemplo.

As tecnologias são essenciais para a evolução de nossa sociedade, mas elas devem ser utilizadas com sabedoria, melhorando as interações entre as pessoas e não as afastando.

Se você estabelecer um horário reduzido para atualizar seus perfis nas redes sociais, verá que sobrará muito mais tempo para investir em mais qualificação e realizar projetos pessoais.

Não deixe para começar amanhã

Existem, de fato, várias questões para se considerar ao sair da zona de conforto.

Nessas horas, é necessário dedicar-se diariamente para alcançar aquilo que você deseja. Por isso, siga as 11 dicas deste post e descubra qual é a melhor forma para fazer isso.

E se você quiser aprender um pouco mais sobre esse assunto, veja como mudar de emprego depois dos 30 pode ajudá-lo a encontrar novos ares em sua vida.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.