Fechar

Scrum: como usar essa metodologia em seus projetos?

Conheça a metodologia SCRUM e suas vantagens para o desenvolvimento de novos produtos.

ilustração de um relógio sobre um fundo azul

Você já deve, em algum momento, ter encontrado dificuldade para executar um projeto. Quando algo parece não sair do lugar, ou então a equipe não está alinhada e o pior: surgem muitos problemas pelo caminho.

É nesse momento que é necessário apostar em metodologias de trabalho para criar mais fluidez entre as tarefas, garantir que todos os profissionais estejam em sintonia e oferecer resultados mais satisfatórios para o cliente e para o negócio.

É aí que a metodologia SCRUM entra em ação e traz mais dinamismo durante o desenvolvimento de produtos. Se está curioso para conhecer melhor esta técnica de gestão de tarefas, confira o nosso artigo!

O que é SCRUM?

O SCRUM é um framework muito usado na área de tecnologia para o desenvolvimento e entrega de trabalhos com alta complexidade que geralmente necessitam do trabalho coletivo.

De forma mais simples, podemos dizer que essa é uma metodologia utilizada para melhorar os processos na criação de produtos, um meio para gerenciar as etapas de cada projeto.

Porém, indo além da simples melhora, esse método ajuda a otimizar o trabalho conjunto, trazendo mais criatividade, adaptação, mais facilidade em encontrar soluções e ter resultados efetivos.

O que é a Metodologia Ágil?

Antes de nos aprofundarmos na metodologia SCRUM é importante que você conheça brevemente a metodologia Ágil.

Também muito utilizada em empresas de tecnologia, ela abrange práticas e princípios do Manifesto Ágil, que é uma declaração de valores essenciais no desenvolvimento de softwares criada em fevereiro de 2001.

A metodologia Ágil busca seguir técnicas de planejamento e execução que garantem resultados de sucesso no desenvolvimento dessas ferramentas e produtos.

O SCRUM entra para implementar esse método. É como se o Ágil trouxesse o conceito e o SCRUM trouxesse um caminho, uma estrutura prática para ele. Existem algumas metodologia ágeis e o SCRUM é uma delas.

É possível que você esteja confuso e não saiba como isso pode ser aplicável no seu negócio, porém vamos, ao longo deste artigo, esmiuçar melhor os elementos e atividades que compõem a metodologia SCRUM e mostrar como ela pode ser usada em seus projetos.

Como surgiu o SCRUM?

A primeira menção ao SCRUM foi feita em 1986 em um artigo escrito por Hirotaka Takeuchi e Ikujiro Nonaka chamado “O Novo Jogo de Desenvolvimentos de Novos Produtos”.

A ideia era comparar um modelo para desenvolvimentos de produtos com o Jogo de Rugby, tanto que SCRUM é também o nome de uma jogada conhecida desse esporte. 

Porém, a metodologia só foi mesmo desenvolvida por Jeff Sutherland e Ken Schwaber em 1993 no objetivo de mudar a gestão de criação de softwares.

Quais os elementos do SCRUM?

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o SCRUM, vamos apresentar os elementos principais desse framework, onde cada equipe atuará durante as etapas de desenvolvimentos do produto. Vamos lá?

Backlog de Produto

O Backlog de Produto funciona como um meio de agrupar todas as etapas, tarefas, funcionalidades e características que o produto que será produzido necessita.

Imagine que você quer lançar um produto novo e precisa listar como ele será, o que será preciso fazer… essa lista é o backlog de produto. Todas as ações, novas tarefas e passos são colocados nesse elemento do SCRUM.

Backlog da Sprint

Se o Backlog de Produto agrupa todas as características e ações do produto, o Backlog da Sprint é o que define as demandas que serão priorizadas e o tempo de execução em equipe.

O objetivo é conseguir concluir cada etapa, mas principalmente fazer isso de forma inteligente, distribuindo as tarefas igualmente entre a equipe e garantindo resultados que agreguem valor ao produto que está sendo elaborado.

Sprint

A Sprint refere-se exclusivamente ao período de execução das ações que surgem no backlog da sprint. Esse período dura geralmente entre 2 a no máximo 4 semanas.

Para que o SCRUM funcione, a Sprint é essencial! Através dela os ciclos de ações funcionam de maneira mais efetiva. No entanto, é preciso ficar atento a algumas regras relacionadas a Sprint, como:

  • É preciso entregar valor com boas metas de qualidade.
  • É preciso ficar atento às mudanças durante os processos para não afetar o período da Sprint.

Principais papéis no gerenciamento de projetos com SCRUM

Durante a metodologia SCRUM, as equipes podem assumir 3 papéis principais para um bom gerenciamento de projetos, são eles o Product Owner, Scrum Master e Scrum Team!

Product Owner

O Product Owner é a pessoa responsável por coordenar as demandas, entrar em acordo com cada participante do time e fazer com que as ações (sprints) funcionem em plena harmonia.

Esse integrante vai ter uma importante função de organizar o backlog de produto e repassar as tarefas de acordo com o que precisa ser priorizado. Esse profissional precisa ter uma visão 360° do produto, compreendendo as entregas por parte da equipe e sendo capaz de auxiliar as equipes sempre que for preciso.

Scrum Master

Esse profissional conduz o time na execução das sprints, ajudando a equilibrar o fluxo de trabalho, mantendo o foco da equipe e aumentando a produtividade.

Podemos dizer então, que o Scrum Master é um facilitador durante o processo de desenvolvimento do produto. Ele não atua de forma abrangente como o Product Owner, nem possui o mesmo papel de liderança, porém é uma peça fundamental para que as entregas aconteçam e está ao lado dos demais papéis dentro do SCRUM.

Scrum Team

O Scrum Team nada mais é do que a equipe que auxilia em cada etapa do produto. Ela é responsável pela execução das Sprints e precisa de profissionais organizados, focados e que trabalhem em colaboração para distribuir igualmente metas e responsabilidades.

Quais as principais atividades da metodologia SCRUM?

Dentro de cada elemento e através de cada papel da metodologia SCRUM existem atividades específicas que otimizam processos e ajudam os integrantes do projeto. Conheça agora as principais:

Daily Meeting

Uma reunião diária de no máximo 15 minutos para que cada profissional apresente o que fez e o que fará em relação às suas tarefas.

Algumas perguntas são respondidas durante esse encontro, como: “O que fiz ontem que ajudou na entrega do Sprint?”, “O que vou fazer hoje para ajudar a completar o Sprint?” e “Quais são os impedimentos ou dificuldades para o Sprint?”.

No Daily Meeting a participação do Product Owner não é necessária, uma vez que ele acompanha diariamente o desenvolvimento das Sprints.

Planejamento da sprint (Sprint Planning)

O planejamento da sprint é aquele primeiro momento de aplicação da Sprint que está prestes a começar.

É aqui que são entendidas e definidas as prioridades do que será entregue. Esse planejamento está entre o backlog do produto e o backlog da Sprint e vem depois que o Product Owner define as prioridades como forma da equipe afunilar essa lista de tarefas e compreender o que pode ser entregue e de que maneira.

Revisão da sprint (Sprint Review)

Quando a Sprint é entregue, é preciso reunir o que foi concluído e fazer uma revisão para analisar o trabalho como um todo. Muitas vezes quem faz essa revisão é o Product Owner, ou então os demais interessados na conclusão dessa tarefa.

Durante a revisão são priorizadas algumas etapas, entre elas: compreender o que foi entregue, quais as dificuldades e como foram superadas, responder perguntas do Product Owner e saber quais serão os próximos passos a partir dali.

É também a oportunidade para receber feedbacks do cliente e alterações se forem necessárias.

Retrospectiva da sprint (Sprint Retrospective)

Enquanto a revisão tem o foco no que foi entregue, a retrospectiva avalia os métodos usados na execução da Sprint anterior.

Essa análise adiciona melhorias aos processos de desenvolvimento e também aproveita ações que deram bons resultados anteriormente. Essa reunião acontece após a Revisão da Sprint e antes do planejamento da próxima Sprint.

Com isso, o trabalho vai ser aperfeiçoado e o ciclo fica cada vez mais fácil e com entregas de qualidade.

Quais as vantagens da metodologia SCRUM?

A metodologia SCRUM otimiza a sua equipe, agiliza a entrega de projetos, melhora a produtividade e mantém o time ainda mais alinhado e organizado durante todo o processo.

Outro ponto positivo é a facilidade que todos encontram na hora de analisar e identificar pontos de melhoria, garantindo um trabalho mais múltiplo e equilibrado.

O SCRUM contribui no desenvolvimento do MVP e no universo online, pode ser usado para produtos digitais, desenvolvimentos de sites, landing pages, campanhas e outros serviços/produtos que necessitem desse trabalho rápido e assertivo.

Esse é um método que vai fortalecer a equipe e as áreas profissionais que fazem parte dela, impedindo que grandes falhas surjam em setores específicos. Todo mundo trabalha no objetivo de minimizar problemas e executar um trabalho bem feito.

Hora de aplicar a metodologia SCRUM nos seus projetos! 

Hoje você pôde conhecer melhor a metodologia SCRUM e saber também que ela pode ser aplicada em diversos setores que vão além do desenvolvimento de softwares.

Ela carrega consigo elementos (backlog de produto, backlog da sprint, sprint), papéis (product owner, scrum master e scrum team) e atividades (daily meeting, planejamento da sprint, revisão da sprint e retrospectiva da sprint) que facilitam o desenvolvimento de projetos em grupo.

Esse é um modelo de gerenciamento de negócios que, como muitos outros, precisa de um planejamento estratégico em cada etapa para que as sprints sejam concluídas com sucesso. Por isso, fizemos um artigo no blog sobre Planejamento Estratégico. Vamos praticar?