Blog_Hotmart_2021_Header_Fixo_Desktop_970x75_Orange_BR
Fechar

41 ideias para trabalhar pela internet e ganhar dinheiro online

Que tal empreender no mundo digital e trabalhar pela internet? Confira nossa seleção com os melhores produtos para vender online.

Trabalhar na internet - ilustração de um smartphone com um símbolo de carrinho de compras e uma seta apontando para cima na tela

Trabalhar pela internet, no conforto de casa, sem a necessidade de enfrentar horas no trânsito e fazendo os próprios horários. Esse é o sonho de milhares de pessoas!

Com a popularização das ferramentas online, esse tipo de trabalho não é mais exclusivo de profissionais de tecnologia ou de pessoas mais jovens. Pessoas de todas as áreas e idades estão investindo no mercado digital para criar um negócio próprio ou crescer profissionalmente.

Mas por que esse mercado está atraindo tantas pessoas? Será que vale a pena investir na venda de produtos pela internet?

O sonho de ter um negócio próprio e conquistar a independência é o que leva cada vez mais pessoas a investirem na internet.

Um exemplo disso é a Marina Naves, consultora de imagem e Produtora do curso online Armário Perfeito:

262

Continue lendo o texto para ver outras vantagens deste modelo de trabalho!

Quais são as vantagens de trabalhar pela internet

São várias as vantagens de se trabalhar pela internet. Trata-se de um dos segmentos de mercado com o maior leque de possibilidades.

Isso significa que não há apenas uma forma de trabalhar online. O empreendedor pode usar e abusar de sua criatividade para crescer no mercado e alcançar o sucesso.

1. Horários flexíveis

Uma das maiores vantagens de trabalhar pela internet é a maior flexibilidade de horário. Não existe uma agenda fixa, com hora de entrada e saída, como acontece em empregos tradicionais.

No mundo digital, o serviço pode ser realizado em qualquer hora ou dia. Dessa maneira, fica mais fácil reservar um tempo na agenda para cuidar de assuntos pessoais sem prejudicar o trabalho.

2. Liberdade para trabalhar de onde quiser

Quem nunca sonhou em trabalhar em uma praia paradisíaca ou no alto de uma tranquila montanha?

Com o trabalho online, isso é perfeitamente possível! Quem decide investir nesse segmento pode escolher seu local de trabalho, desde que tenha acesso a uma boa conexão com a internet.

Com tanta flexibilidade, fica mais fácil equilibrar a demanda de trabalho e os compromissos pessoais. Assim, o empreendedor garante mais motivação e produtividade.

3. Ausência de dress code

Não importa se o empreendedor está de pijama ou de terno, desde que tenha acesso à internet e possua domínio sobre as ferramentas de mercado, ele pode trabalhar pela internet.

Você não precisa se preocupar com as roupas que está vestindo. O importante é estar confortável para trabalhar o tempo necessário em frente ao computador.

4. Autonomia profissional

Existem diversas outras vantagens de trabalhar online. Uma delas, e que certamente desperta a curiosidade de empreendedores, é a possibilidade de gerenciar o próprio negócio.

Milhares de brasileiros sonham em ser o seu próprio chefe. Com a venda de produtos pela internet, esse sonho pode ser facilmente realizado.

Sem falar que quem empreende na internet trabalha exclusivamente com aquilo que gosta. Afinal, as opções de negócios e nichos de atuação são praticamente infinitas e você tem a chance de escolher aquele com sinergia maior com suas habilidades.

5. Passar mais tempo com a família

Para completar, quem trabalha na internet consegue muito mais tempo para aproveitar o que realmente importa: família, amigos, viagens e realizações pessoais.

262

Quais os desafios de trabalhar online?

Com todas as vantagens que listamos acima, trabalhar pela internet é o sonho de qualquer pessoa, não é mesmo?

Infelizmente, nem tudo são flores quando o assunto é o trabalho online. Quem escolhe atuar nesse mercado precisa enfrentar alguns desafios que não podem ser ignorados. Confira:

1. Insegurança financeira

Uma das maiores desvantagens que esse tipo de trabalho traz é a instabilidade financeira, principalmente nos primeiros meses.

É normal que, em determinadas épocas do ano, como em datas comemorativas, você tenha muitos clientes, enquanto em outros meses a demanda caia um pouco e, com ela, sua renda.

Para driblar essa sazonalidade e garantir mais estabilidade financeira, é importante contar com uma cartela de investimentos diversificada, como uma previdência privada, títulos de capitalização, títulos públicos ou ações.

É fundamental se planejar financeiramente a curto, médio e longo prazos para evitar problemas e garantir que as metas sejam alcançadas sem prejudicar sua situação econômica.

2. Ausência de benefícios trabalhistas

Ao abrir mão de um emprego estável, você também perde alguns direitos, como auxílio-doença, férias remuneradas, 13º salário e outras vantagens do regime de contratação via CLT.

Porém, com um pouco de planejamento, é possível ter acesso à maioria desses benefícios. Para isso, basta se formalizar como profissional autônomo e se responsabilizar pelos encargos obrigatórios.

3. Mais solidão

Outro problema que você pode enfrentar depois de decidir trabalhar com a venda de produtos pela internet é não ter colegas com quem conversar e compartilhar ideias e percepções.

Embora seja possível fazer o seu negócio online crescer e contratar mais pessoas para trabalharem com você, no princípio será necessário se acostumar a trabalhar sozinho.

Uma solução é procurar por espaços de trabalho compartilhados, conhecidos como coworkings. Esses lugares possuem toda a estrutura necessária para seu trabalho, como mesas, salas de reunião e acesso à internet, além de facilitarem o networking.

Você também pode participar de comunidades e grupos virtuais específicos da sua área de atuação para fazer esse networking. 

As redes sociais, principalmente o LinkedIn, são ótimos espaços para conhecer colegas de profissão e compartilhar experiências, dúvidas e dicas.

4. Possível sobrecarga de trabalho

Quem decide investir no mercado online precisa se responsabilizar pelas tarefas administrativas de seu próprio negócio. Isso inclui o planejamento financeiro, organização da agenda diária, relacionamento com clientes e o marketing da marca.

Se você não se organizar corretamente, pode acabar sem tempo para cumprir todas as obrigações. Porém, basta evitar a procrastinação e criar um plano de trabalho que priorize a produtividade e evite distrações.

O que pode ser vendido na Internet?

Mas afinal de contas, o que pode ser vendido no mercado digital? 

Quem opta por trabalhar pela internet tem a possibilidade de vender produtos físicos (tradicionais), produtos digitais ou serviços.

Esses produtos são agrupados em nichos, que podem ser amplos (como o nicho de alimentação) ou mais específicos (como o nicho de alimentação saudável).

Vamos ao conceito.

Os produtos físicos são aqueles que demandam entrega real offline para o consumidor final. Pode ser um livro físico, um aparelho celular, uma roupa, um vinho etc.

Já os produtos digitais são comercializados inteiramente pela internet. São produtos como videoaulas, e-books e outros que não exigem entrega física.

Por isso, os produtos digitais são tão vantajosos quando comparados com os produtos físicos. Nada de custos com entrega, separação e outras burocracias sempre presentes na venda de produtos físicos.

Quando se trata de produtos digitais, os compradores recebem links e senhas para fazer login. E pronto!

Você também não precisará se preocupar mais com o estoque!

Os produtos digitais, por serem totalmente virtuais, podem ser vendidos infinitas vezes, sem esgotar, e é possível começar a vendê-los na internet com pouco ou até mesmo nenhum investimento inicial.

E você também pode vender os seus serviços de forma totalmente remota! 

Principalmente após a pandemia de Covid-19, muitas pessoas tiveram que se reinventar (tanto os clientes quanto os profissionais liberais e prestadores de serviços) para a nova realidade que está cada vez mais digital.

Isso mudou bastante o comportamento dos consumidores, e as pessoas começaram a contratar — e, muitas vezes, até mesmo a preferir — alguns serviços online.

Alguns exemplos são as aulas online, consultorias, mentorias e produções de conteúdo (texto, vídeo, design).

262

41 ideias de produtos para vender online

Vejamos algumas das melhores ideias de produtos com alto potencial de venda online. São nichos que estão em alta, atraindo a atenção de quem já atua no mercado digital e de novos players que desejam empreender para ganhar dinheiro sem sair de casa:

Produtos digitais/cursos online

Quando falamos em trabalhar e vender na internet, é natural pensar na comercialização de produtos digitais e cursos online.

São produtos desenvolvidos, entregues e consumidos de maneira 100% digital. Ou seja, para ter acesso a eles, os clientes só precisam acessar um portal específico ou realizar o download do conteúdo.

Abaixo, você confere algumas ideias de produtos digitais para vender:

262

1. Curso online de maquiagem

Um dos produtos voltados para o público feminino – e cada vez mais para o público masculino também –, os cursos online de maquiagem são comprados tanto por profissionais que querem atualizar suas técnicas, quanto por pessoas que desejam aprender a arte da maquiagem por conta própria.

2. Curso online de culinária

Aprender a cozinhar nunca foi tão fácil. Existem centenas, quiçá milhares de cursos digitais que ensinam culinária, para todos os gostos e estilos. Essa é uma excelente ideia de negócio!

3. Curso online de idiomas

Sem tempo para nada, as pessoas estão dando preferência para cursos que possam ser feitos de forma virtual, em qualquer lugar e a qualquer horário. É o caso dos cursos de idiomas online. Eles oferecem a mesma qualidade dos cursos presenciais, com a vantagem de serem muito mais práticos e mais baratos.

4. Curso online de instrumentos musicais

Seguindo o estilo “faça você mesmo”, os cursos online de instrumentos musicais estão em alta. Aprender um novo instrumento (ou o primeiro) é sonho de milhares de pessoas.

5. Curso online de adestramento de animais domésticos

Certamente, uma grande dificuldade para aqueles que adquirem ou adotam um animal doméstico é o adestramento. Fazer o bichinho se comportar não é uma tarefa fácil!

É aí que entram os cursos online de adestramento de animais domésticos. Voltados para esse público específico, esses produtos atendem uma demanda recorrente.

6. Curso online de matérias escolares

Quem nunca enfrentou dificuldade em alguma matéria escolar? Os cursos online de disciplinas como Português, Matemática e História ajudam alunos a se darem bem nos estudos, suprindo deficiências de aprendizado.

7. Aula online de zumba

A zumba se popularizou nas academias e hoje ganhou o gosto popular. O curso de zumba é completo e permite que qualquer pessoa aprenda e execute em casa, sem ter que se deslocar até uma academia. Além de ser mais prático, é muito mais barato.

8. Curso online sobre tecnologia

O mercado tecnológico não para de crescer. A cada dia que passa, novos produtos são disponibilizados. Estar por dentro das tendências e saber como explorar esse nicho para oferecer uma solução que agregue valor à vida das pessoas é fundamental para investir nessa área.

9. Curso online sobre finanças

Aprender a economizar, investir dinheiro e fazer gestão financeira é uma necessidade que a maior parte dos adultos sente, independentemente de sua classe social. Por isso, cursos que ensinam a administrar a renda estão em alta.

10. Curso online de desenho

Assim como os cursos de música, o curso de desenho permite que os interessados aprendam técnicas de desenho e desenvolvam sua habilidade com o lápis e papel.

11. Curso online de conquista

Voltado tanto para o público feminino quanto masculino, o curso online de conquista vende muito. Oferece dicas, segredos e técnicas para conquistar a pessoa amada.

12. E-books

Para quem não quer gastar muito com livros físicos ou prefere a leitura em dispositivos móveis, os e-books são a solução. Baratos, práticos e bem elaborados, esses produtos estão caindo no gosto do povo. Os livros físicos certamente continuarão existindo, mas agora terão que dividir espaço no mercado com a versão digital.

262

13. Curso online de oratória

Uma excelente ideia de produto para vender na internet é o curso online voltado para palestrantes ou pessoas que desejam começar a dar palestras.

Como falar bem em público com técnicas de oratória e como diminuir a ansiedade antes de uma apresentação são temas que podem ser abordados nesse tipo de conteúdo.

14. Curso online de coaching

O coaching é um modelo de treinamento bastante popular nos Estados Unidos e que já ganhou força e adesão no Brasil. Essa metodologia tem como objetivo ajudar pessoas a se desenvolverem nas mais diversas áreas, como carreira, relacionamentos, vida pessoal, entre outros.

Para quem sabe vender e gosta de trabalhar na área de desenvolvimento pessoal, essa é a oportunidade de ouro para trabalhar pela internet.

15. Curso online de marketing

Esse é um dos nichos mais procurados por empreendedores que amam o mercado digital e querem vender pela internet.

Os cursos de marketing online ensinam a novos empreendedores como funciona o mercado online e como divulgar suas marcas nos principais canais digitais, como site, blog e redes sociais.

16. Curso online de design de moda e costura

Quem gosta de moda e quer aprender a fazer suas próprias criações (ou desenvolver produtos para vender e gerar renda com esse trabalho), pode encontrar todo o conhecimento necessário em um curso online de moda ou costura.

Confira a história de Lara Rogedo, que consegue ensinar costura e modelagem para alunas do Brasil inteiro:

262

Produtos físicos

Não, nem só de produtos digitais vive a internet! Também é possível usar a rede para comercializar mercadorias físicas.

E vale de tudo. Roupas, acessórios, calçados, livros, produtos de beleza… O que vale é a criatividade e, claro, planejamento. Afinal, nessa modalidade será necessário cuidar do transporte dos produtos até o cliente.

Confira só algumas das opções com as quais você pode trabalhar:

17. Roupas slow fashion

Grande tendência mundial, as roupas slow fashion seguem o estilo de produção lenta, no ritmo natural. Empresas que aplicam esse conceito são mais sustentáveis e utilizam métodos mais humanos, respeitando o ritmo de trabalho das pessoas e conversando de perto com o consumidor final.

18. Acessórios (bolsas, cintos, colares)

Os acessórios nunca saem de moda. Os anos passam, as tendências mudam, mas os acessórios permanecem uma constante. Todo mundo gosta, principalmente as mulheres.

Por isso, para quem deseja trabalhar na internet, esse é um dos segmentos mais atrativos, pois possui uma alta demanda.

É importante ter em mente que, devido à alta procura, é um nicho com muita concorrência e pode ser mais difícil se destacar nos principais mecanismos de busca.

19. Calçados

O mercado de calçados sempre passa por transformações. Marcas de renome investem verdadeiras fortunas para influenciar a sociedade a consumir determinado tipo de calçado. Vale a pena olhar de perto esse nicho, pois trata-se de um dos produtos mais vendidos na internet.

20. Produtos de beleza naturais

Se os produtos de beleza já estiveram em alta, agora é a vez dos produtos de beleza naturais. Isso porque as pessoas estão fugindo de industrializados e preferindo produtos feitos de forma natural e sustentável. Produtos que não trazem consequências negativas para o corpo, para o meio ambiente e que não foram testados em animais.

21. Produtos de higiene caseiros

Os produtos de higiene caseiros, assim como os produtos de beleza naturais, estão caindo no gosto popular. O número de pesquisas por produtos caseiros para tratar do corpo, promover a limpeza da pele e o bem estar está cada vez maior. Uma grande oportunidade para novos empreendedores que querem ter uma renda extra ao trabalhar pela internet.

22. Alimentação fitness

A preocupação com o corpo, com os hábitos alimentares e o peso já pode ser vislumbrada na sociedade brasileira e mundial. Produtos pensados para esse novo segmento vendem muito!

23. Alimentação para pessoas com intolerâncias

Na onda da inclusão, empreendedores que se dedicam a pensar, produzir e vender produtos alimentícios para pessoas com intolerância à lactose, glúten etc., estão se destacando no mercado.

Isso porque a preocupação com as pessoas com alguma intolerância é bem recente. Existe um mundo de oportunidades, por se tratar de um nicho ainda pouco explorado.

24. Alimentação para vegetarianos ou veganos

Vegetarianos e veganos são conhecidos por serem um público bastante exigente por causa de seu estilo de vida. Além disso, esse é um grupo que não para de crescer no país.

Não é preciso dizer que vender para esse nicho pode ser uma das melhores opções para empreendedores digitais. Essa é uma das melhores ideias para ganhar dinheiro pela internet.

25. Bolos e doces

Quem não gosta de bolos e doces? Seja para festas de aniversário, casamentos ou outras confraternizações, os bolos e doces estão sempre presentes. Esse é um daqueles segmentos de mercado que nunca perdem o potencial. Uma boa opção é montar uma loja virtual para receber as encomendas deste produto.

26. Presentes personalizados

Receber um presente é maravilhoso, mas receber um presente personalizado, como uma agenda, caneta, caneca ou até mesmo camiseta é surpreendente! O mercado de presentes personalizados está em alta, atraindo os olhares de centenas de empreendedores digitais.

27. Clube de assinatura de vinhos

O mercado de assinatura de vinhos explodiu. De um dia para o outro, estava na moda fazer parte de um clube de vinhos e receber seleções personalizadas todos os meses. Vale a pena conhecer de perto esse tipo de produto.

28. Clube de assinatura de cervejas

Outro modelo de clube de assinatura que está em alta e é uma ótima ideia de produto para vender online é o clube de assinatura de cervejas. Os amantes dessa bebida agora podem contar com serviços especializados na distribuição de cervejas de qualidade. Mais do que uma cerveja, os membros compram uma experiência de puro sabor.

29. Clube de assinatura de café

O amor pelo café está no sangue de milhares de brasileiros. Não é de se surpreender que os clubes de assinatura desta bebida estejam fazendo fortuna. Oportunidade também para os empreendedores digitais que desejam fazer uma grana extra.

30. Clube de assinatura de flores

Na mesma pegada de outros clubes de assinatura, um dos que tem demonstrado grande crescimento é o de flores. Apesar de ser um nicho mais restrito, os resultados são promissores para quem deseja começar a trabalhar pela internet.

31. Clube de assinatura de livros

Os livros vendidos em clubes saem muito mais caro do que os livros comprados de forma individual. Surpreendentemente, as pessoas estão comprando como água. Tudo em razão da experiência proporcionada pelo negócio, como a possibilidade de adquirir um livro único, exclusivo para os membros do clube.

Serviços

Se a sua ideia é vender serviços, também não faltam opções!

Confira algumas possibilidades de gerar renda usando o seu conhecimento de forma remota.

32. Produção de conteúdo freelancer

Você domina a arte de produzir conteúdo e adoraria ganhar dinheiro escrevendo?

A produção de conteúdo freelancer é uma ótima oportunidade para quem quer viver de escrita.

Você pode oferecer os seus serviços para marcas e pessoas que precisam de conteúdos para blogs, redes sociais, roteiros de vídeos, sites, entre outros formatos.

Nesse caso, é importante saber bastante sobre gramática, ortografia, storytelling e SEO.

Você domina a arte de produzir conteúdo e adoraria ganhar dinheiro escrevendo?

A produção de conteúdo freelancer é uma ótima oportunidade para quem quer viver de escrita.

Você pode oferecer os seus serviços para marcas e pessoas que precisam de conteúdos para blogs, redes sociais, roteiros de vídeos, sites, entre outros formatos.

Nesse caso, é importante saber bastante sobre gramática, ortografia, storytelling e SEO.

33. Edição de vídeos

Os vídeos estão dominando as estratégias de marketing e, por isso, esse também pode ser um excelente nicho de atuação para quem quer trabalhar como freelancer.

Muitas marcas querem trabalhar com esse formato de conteúdo, mas não têm as habilidades necessárias. 

Você pode oferecer o serviço de edição de vídeos e garantir que seu cliente não perca espaço no mercado por não ter investido nesse tipo de mídia!

262

34. Venda de fotos

Embora as fotos sejam tiradas no ambiente real, fotógrafos amadores ou profissionais também podem se beneficiar da internet para divulgar seu trabalho e gerar renda online.

Empreendedores e marcas já sabem que, para conquistar o público e gerar mais curtidas e seguidores, é essencial ter fotos de qualidade.

Ou seja, existe uma enorme demanda por boas imagens para ilustrar blog posts, publicações em redes sociais e muito mais.

Se você possui conhecimentos em fotografia e uma câmera fotográfica semiprofissional ou profissional, pode vender suas imagens diretamente para essas empresas.

Se preferir, também pode publicá-las em bancos de imagens, como Shutterstock ou Getty Images. E não se esqueça de caprichar na descrição e tags para que as imagens sejam facilmente encontradas.

35. Consultoria de marketing

Sabe tudo sobre marketing e adora compartilhar conhecimentos? Que tal oferecer consultoria de marketing para pequenos negócios ou empreendedores que precisam de uma ajudinha?

Você também pode montar treinamentos específicos para times maiores que precisam se atualizar sobre as boas práticas desse mercado que está em constante transformação.

36. Consultoria de imagem

Consultores de imagem ajudam o cliente a construir e valorizar a sua imagem e estilo pessoal para que transmita mais personalidade e segurança.

O serviço pode ser contratado por quem quer saber como se vestir de forma mais profissional, aprender a valorizar melhor o corpo, usar as cores que mais combinam com seu tom de pele e cabelos ou até mesmo ousar mais nos looks.

Se você adora moda e sabe instruir as pessoas com dicas valiosas, essa pode ser uma área interessante para atuar!

37. Consultoria empresarial

É comum que as empresas precisem terceirizar serviços para resolver problemas pontuais, tomar decisões mais assertivas ou treinar os colaboradores para que desenvolvam as competências e habilidades necessárias.

Caso tenha algum conhecimento valioso nesse sentido, você pode se tornar consultor(a) empresarial e fazer consultoria online para outros negócios.

38. Consultorias diversas

Nenhuma das opções anteriores se adapta ao conhecimento que você quer compartilhar? Não se preocupe!

O mercado de consultoria é bem amplo e você não precisa se limitar a essas opções.

Se você tem ótimas habilidades com organização, por exemplo, pode fazer uma consultoria para famílias que precisam de uma ajuda com isso. 

Sabe bastante sobre plantas? Também pode dar uma consultoria para ajudar pessoas que estão se aventurando pela primeira vez com isso para que tenham mais sucesso no processo.

Consultorias servem para ajudar pessoas e negócios a identificar problemas, encontrar a solução ideal e colocar ações necessárias em prática.

Se você sabe que tem um conhecimento que pode ser usado assim, por que não transformar esse talento para trabalhar pela internet?

39. Aulas particulares de idiomas

Pessoas que já trabalham ou trabalharam ensinando idiomas também podem adaptar seus serviços e atuar como professores online.

Use o seu conhecimento em línguas estrangeiras, ou até mesmo em português, para atrair alunos e dar aulas pela internet.

40. Aulas particulares de reforço escolar

Professores também podem se reinventar para ensinar alunos com alguma dificuldade na escola.

Aulas de reforço escolar online são ótimas opções para alunos (ou pais) que não têm muito tempo para se deslocar ou preferem algo mais prático que possa ser feito sem sair de casa e em horários flexíveis!

41. Afiliado de produtos digitais

Se você tem facilidade com vendas e já possui uma audiência considerável nas redes sociais, YouTube ou blog, pode aproveitar essa habilidade e trabalhar como Afiliado de produtos digitais.

Um Afiliado é uma pessoa que ajuda a divulgar produtos e serviços em troca de uma comissão a cada venda realizada.

Por exemplo, se você tem um blog ou um perfil no Instagram que fala sobre gastronomia, pode ajudar a divulgar um curso online de culinária para a sua audiência. A cada venda realizada graças à sua indicação, você recebe uma comissão.

O melhor de tudo é que é possível trabalhar como Afiliado pela internet, sem precisar sair de casa. Essa é uma ótima maneira de gerar renda online.

Comece agora a trabalhar pela internet e transforme a sua vida!

Trabalhar pela internet dá lucro e é uma excelente maneira de fazer uma renda extra, sem precisar, necessariamente, abandonar seu emprego convencional.

Além do resultado financeiro, essa modalidade de trabalho oferece dezenas de vantagens como ser dono do próprio negócio, ter mais liberdade e flexibilidade no dia a dia, aproveitar melhor os prazeres da vida e muito mais.

Se você tem interesse neste mercado, saiba que ele é muito democrático, você pode trabalhar com produtos ou com sua influência digital, como acontece com Influenciadores digitais e Afiliados. Você só precisará pesquisar um pouco mais para saber qual modelo de negócio é ideal para você!

Gostou do artigo e quer mais dicas sobre negócios online? Leia também nosso post com 33 ideias para trabalhar em casa.


Este post foi originalmente escrito em janeiro de 2018 e atualizado para conter informações mais completas e precisas.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.