FecharNotificações

Não perca mais nada!

Ative as notificações do blog para ser avisado sempre que tiver conteúdo novo!

FecharNewsletter

JUNTE-SE A MILHARES DE EMPREENDEDORES DIGITAIS!

Receba os melhores conteúdos para crescer seu negócio online.

FecharSemana do YouTube

Data: 03/09 a 07/09

Aprenda técnicas para criar conteúdos que engajam e aumente a quantidade de seguidores de seu canal!

Inscreva-se

O que é transformação digital?

O que é transformação digital?

Entenda como a transformação digital pode impactar seu negócio.

Quando falamos de transformação digital, muitas pessoas associam à criação de novas tecnologias futuristas, como carros voadores e robôs.

Na verdade, esse termo se refere a algo que já está acontecendo e que pode ser visto a todo momento em praticamente todas as empresas e setores da sociedade.

Quem quer se destacar no mercado precisa ficar atento a esse processo e dar espaço para que ele realmente transforme a maneira como tudo acontece no ambiente de trabalho.

Muitas ações positivas podem surgir dessa transformação, mas, para isso, é preciso compreender bem o conceito e saber usá-lo sistematicamente dentro da sua empresa.

Neste texto, vamos definir esse processo e mostrar como a transformação digital já está impactando a sua vida e o seu negócio.

Continue com a gente para saber tudo sobre o assunto!

Entendendo a transformação digital

A transformação digital é um processo de mudança estrutural das empresas que diz respeito ao uso da tecnologia e das facilidades do meio digital para modificar os procedimentos internos e externos e melhorar a experiência do cliente.

Ela não se restringe a empresas que vendem produtos digitais ou têm o foco em internet e tecnologia, pois impacta todos os setores.

Desde instituições mais tradicionais, das áreas de saúde e educação, até os negócios que trabalham com criação de softwares e aplicativos, por exemplo, precisam saber usar os recursos tecnológicos a seu favor para oferecer praticidade e inovação para o mercado.

E se engana quem acha que pode deixar as mudanças para depois.

Os clientes já entenderam as vantagens de consumir de empresas que incorporaram o digital nos seus processos e estão cobrando isso de todas as marcas com as quais se relacionam.

Mas não pense que se trata apenas de usar a tecnologia e estar presente nas mídias sociais.

É preciso repensar toda a estrutura organizacional, incorporar o dinamismo do meio digital e apresentar resultados realmente completos, inovadores e relevantes.

Os impactos da transformação digital

Deu para perceber que a transformação digital veio para mudar totalmente a maneira como as coisas são feitas na nossa sociedade, certo?

Evidentemente, quem tem um negócio não pode ficar de fora e precisa estar preparado para se adaptar e sair na frente da concorrência.

Para entender melhor o que está acontecendo, veja os impactos mais importantes da transformação digital no mundo dos negócios.

1. Nova maneira de comercializar produtos e serviços

Hoje, com tantos recursos à disposição do consumidor, ele é quem procura a solução desejada.

Empresas que bombardeiam os usuários com propagandas diretas a todo momento não têm mais tanto espaço no mercado e começaram a ter que rever as suas estratégias de marketing.

Obviamente, ainda existem as propagandas, mas elas precisam ser menos agressivas e mais educativas, elaboradas com base na experiência do comprador.

Afinal, o cliente tem todo o acesso à informação e não compra mais um produto ou serviço apenas por ter visto uma boa propaganda na televisão. Ele precisa entender todos os benefícios que vai adquirir e ter certeza de que aquela é realmente a solução que ele precisa.

Além disso, o mercado digital está cada vez maior e mais competitivo.

A transformação digital ampliou as oportunidades para quem quer trabalhar como freelancer online, vender produtos pela internet, se tornar um Afiliado, trabalhar remotamente, entre outros.

As possibilidades de trabalho dentro do ambiente virtual são inúmeras e, ainda assim, sempre surgem novas profissões para suprir as demandas por inovação.

Com isso, as carreiras mais tradicionais começaram a dividir espaço com trabalhos que oferecem mais liberdade e mobilidade para os profissionais.

2. Melhoria na experiência do cliente

Como mencionamos acima, as empresas que se destacam nessa época de transformação digital são as que se preocupam com as experiências dos clientes.

Mais do que vender um bom produto ou serviço, é fundamental mostrar como aquilo se aplica na vida da pessoa e, principalmente, como pode melhorar o seu desempenho em um determinado aspecto, seja pessoal ou profissional.

Por isso, quem tem um negócio precisa mostrar que se importa com o seu público e conhece todas as suas dores. Precisa garantir, ainda, que está apto para oferecer algo que vai agregar valor para quem procurar pelas soluções oferecidas pelo seu negócio.

Implementar a tecnologia nos seus processos é uma maneira de fazer isso, pois permite que o empreendedor consiga o máximo de informações sobre as pessoas que quer atingir, conheça os seus comportamentos e identifique as suas necessidades e objeções.

Com todos esses dados em mãos, é mais fácil criar ações segmentadas e direcionadas para a sua persona, garantindo a assertividade e a relevância das suas estratégias.

3. Otimização de processos

As pessoas têm se interessado cada vez mais em maneiras de otimizar os seus processos, tanto no nível individual quanto no profissional.

Pode ser para se organizar melhor, se comunicar de forma mais eficiente, controlar os gastos, armazenar arquivos de maneira mais segura ou gastar menos tempo em uma tarefa.

A verdade é que, quando implementamos algo diferente que facilita alguma atividade, estamos incorporando a transformação digital na nossa rotina.

Isso pode acontecer por meio de uma planilha de gestão de tempo e tarefas, um aplicativo para monitorar a saúde, a digitalização de documentos ou quaisquer outras mudanças que sirvam para criar condições mais favoráveis e eficientes para a empresa ou pessoa.

Nos negócios, essa otimização não está ligada apenas ao produto final que é entregue para os consumidores, mas também internamente, facilitando o trabalho dos colaboradores, melhorando o atendimento ao cliente e reduzindo o desgaste com procedimentos desnecessários e defasados.

4. Pensamento estratégico

Como a transformação digital interfere em praticamente tudo o que fazemos, as funções dos profissionais dentro das empresas também foram afetadas.

Com algumas exceções, as empresas têm contratado pessoas para trabalhos que vão além do fator operacional.

Essas funções exigem pensamentos estratégicos e relevantes, que possam influenciar positivamente nos resultados gerais.

O mercado de trabalho quer pessoas que consigam contribuir com algo novo e que sejam capazes de agregar valor por meio de ideias, experiências e conhecimentos.

Afinal, os cargos puramente técnicos estão sendo substituídos por ferramentas e recursos tecnológicos e o funcionário tem sido convocado para atuar de forma mais participativa e alinhada aos objetivos organizacionais.

Nesse cenário, a proatividade, a criatividade e a disposição para aprender constantemente e acompanhar as inovações são algumas das características mais valorizadas.

5. Rearranjo da cultura empresarial

As empresas já entenderam a importância dos seus funcionários se sentirem bem no ambiente corporativo e gostarem do seu trabalho.

Isso é fundamental para aumentar o bem-estar e a qualidade de vida no trabalho, mas também é uma estratégia eficiente para melhorar os resultados empresariais.

Afinal, funcionários motivados e satisfeitos trabalham com mais dedicação, apresentam mais resiliência e se sentem mais preparados para lidar com os desafios das suas funções.

Esse rearranjo da cultura normalmente acontece em pequenos detalhes, como:

  • Horários flexíveis, para que o funcionário tenha mais liberdade e controle da sua agenda;
  • Ambiente de trabalho aconchegante, com espaços para descanso, lazer e interação entre os colegas;
  • Atuação mais horizontal da liderança, que se comunica com a equipe de maneira próxima e menos autoritária;
  • Organização de eventos e confraternizações para engajar as pessoas e aumentar o espírito de equipe.

6. Preocupação com a sociedade

Uma das características mais importantes da transformação digital é o foco no cliente. E, para oferecer experiências enriquecedoras para as pessoas, as empresas também estão vivendo uma época de maior preocupação com o seu impacto na sociedade como um todo.

Elas querem se tornar referências nas suas comunidades e contribuir com algo positivo, que solucione problemas comuns e importantes da parcela da população que atingem.

Esse é o caso, por exemplo, da empresa Nubank, que transformou a vida de milhares de pessoas ao oferecer um cartão de crédito sem anuidade, reduzindo as chances do usuário fazer dívidas e sujar seu nome.

Outro exemplo é a plataforma da Hotmart, que permite que as pessoas vivam das suas paixões, trabalhando com o que gostam.

Podemos citar, ainda, as empresas que usam as tecnologias para reduzir seus impactos ambientais, trazer mais sustentabilidade para os seus processos e oferecer produtos ecológicos e saudáveis.

Não é à toa que estamos presenciando um boom das marcas preocupadas com a sua responsabilidade social.

A população percebeu que as empresas têm cada vez mais acesso a novas formas de produzir e têm exigido que isso seja usado para beneficiar a sociedade.

Todos esses casos mostram que, em tempos de transformação digital, se destaca quem se preocupa em entregar soluções diferenciadas, que contribuem para a satisfação das pessoas e oferecem vantagens realmente atrativas.

7. Análise de dados

Tudo o que é feito nas empresas hoje depende de uma análise de dados.

As pessoas já sabem como é importante armazenar, analisar e interpretar corretamente as informações coletadas, para que elas se transformem em ações assertivas, com potencial de gerar lucro e crescimento para os negócios.

Saber gerenciar o big data é uma vantagem competitiva dentro do mercado. Então, se você tem um negócio, precisa adequar os seus processos para que isso seja feito de forma efetiva.

Quem não tem experiência nesse assunto, pode ter dificuldades iniciais para lidar com um volume tão alto de dados, mas nada que muito estudo e dedicação não consiga resolver.

Para saber tudo sobre data science, confira nosso texto que ensina como você pode usar os dados para propor melhorias no seu negócio.

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.