Automaquiagem: o que é? Aprenda como fazer

Conheça tudo sobre automaquiagem, os materiais necessários para uma maquiagem perfeita e o passo a passo completo!

blogAprenda_automaquiagem

Saber fazer uma boa automaquiagem é essencial para quem quer mudar o visual com autonomia e praticidade no dia a dia.

Mas quem ainda não tem muita intimidade com esse universo pode ficar na dúvida sobre como começar, quais técnicas usar e, principalmente, qual é o passo a passo de uma boa make.

Confira as nossas dicas e prepare-se para acertar no look!

Quais são os itens básicos da automaquiagem?

Antes de começar, você precisa montar o seu estojo de maquiagens. Com os produtos e os itens certos, fica ainda mais fácil conseguir o resultado que você deseja!

Veja alguns dos itens básicos e indispensáveis que você precisa ter:

  • Pincéis variados;
  • Primer;
  • Base;
  • Corretivo;
  • Pó;
  • Blush;
  • Paleta para contorno;
  • Sombras variadas;
  • Batons;
  • Delineador;
  • Rímel;
  • Demaquilante.

Quais técnicas você deve aprender para uma boa auto make

Depois que você aprender e dominar a automaquiagem, vai conseguir diversificar bastante as suas produções!

Dá para misturar cores e estilos na hora de se maquiar, mas há algumas técnicas que são básicas e necessárias para qualquer look dar certo.

Uma dessas técnicas é a de esfumar, que ajuda a reduzir a intensidade da sombra, dando um efeito degradê e natural.

Saber fazer um bom contorno também é importante, pois essa técnica ajuda a destacar áreas do rosto, valorizar seus traços e deixar a pele ainda mais bonita.

Aplicar delineador também é algo que precisa ser treinado! Quanto mais você praticar, mais facilidade terá para acertar na espessura e na precisão do traço. 

Depois você vai poder variar bastante, indo do clássico delineado gatinho a versões ainda mais ousadas, coloridas e elaboradas.

Passo a passo para fazer sua própria maquiagem

1. Limpeza e hidratação da pele

O segredo de uma boa automaquiagem é a pele! Por isso, não economize tempo e esforços nessa etapa.

Comece limpando bem o rosto com um sabonete indicado para o seu tipo de pele. Depois, hidrate com um produto adequado. 

Aplicar a maquiagem em uma pele ressecada pode deixar um aspecto craquelado, o que vai acabar prejudicando a beleza da sua produção.

Já a aplicação de maquiagem em peles muito oleosas ou que não estão limpas o suficiente também não terá bons resultados. 

O ideal é que ela esteja bem limpa, sem resíduos, nem oleosidade em excesso para que os produtos tenham uma boa fixação e aparência. 

Se você tiver uma pele naturalmente mais oleosa, não se esqueça de investir em um hidratante sem óleo, que hidrata sem pesar.

2. Aplique um bom primer

O primer é o produto que inicia a maquiagem e é excelente para preparar a pele, fixar a maquiagem e suavizar manchas e poros.

Muitas pessoas pulam essa etapa, mas ela é fundamental principalmente se você precisar de uma maquiagem para durar muitas horas.

Esse produto também pode ajudar a controlar a oleosidade, então invista em uma opção de qualidade se isso for algo que preocupa você!

3. Tenha uma boa base

A base é um dos itens mais importantes, pois é a responsável por uniformizar a pele e deixá-la pronta para receber os outros passos.

Existem diversas opções no mercado, de cobertura leve a alta e também de variados tons. 

Escolha a que mais se assemelha ao seu tom de pele para não diferenciar muito a cor da pele do rosto da pele do restante do corpo.

Para maquiagens do dia a dia, talvez seja mais interessante ter um produto com cobertura leve ou média. Já para as maquiagens mais pesadas e que exigem mais duração e acabamento, bases de alta cobertura costumam ser as mais indicadas.

Essa escolha também depende do seu objetivo. Caso queira apenas remover a oleosidade, disfarçar pequenas manchas, linhas ou acne, não é necessário ter uma cobertura muito alta.

No entanto, caso a ideia seja garantir uma pele mais uniforme com um produto que realmente cubra manchas e espinhas bem aparentes, opte por uma base com cobertura maior para ter o aspecto desejado.

4. Corretivo e pó

O corretivo e o pó servem para suavizar o que a base não conseguiu cobrir perfeitamente, como olheiras, espinhas ou cicatrizes.

Mas não é só essa a função desses dois produtos!

Eles também ajudam a dar um acabamento melhor para a sua automaquiagem e melhorar a duração.

O pó precisa ter um tom bem próximo da base, já que a ideia é que os dois produtos tenham a mesma cor da pele do seu rosto.

Caso você tenha dificuldade para escolher o melhor tom, também pode investir em um pó translúcido, que não tem cor e pode ser usado por todas as pessoas!

Para escolher o corretivo, você também deve buscar o tom ideal para a sua pele. No entanto, também existem opções coloridas, que ajudam a esconder olheiras mais profundas ou neutralizar marcas avermelhadas. 

5. A sobrancelha

Muitas pessoas dizem que a sobrancelha funciona como a moldura do rosto, por isso é tão importante dar a devida atenção a ela na hora de se maquiar!

Para marcar bem a sua sobrancelha, você pode preenchê-la com um lápis ou produto específico para essa região. 

Esse passo também serve para corrigir a sobrancelha, como no caso de falhas por ter retirado pelos em excesso.

Escolha a cor mais parecida com a dos seus fios e use um pincel chanfrado para espalhar o produto e ter um efeito natural.

6. Sombra

Até uma maquiagem mais básica pode se beneficiar do poder de uma sombra bem aplicada!

Você pode começar com algo mais simples, como uma sombra marrom ou em um tom mais discreto, e esfumar bem com um pincel pequeno.

Com o tempo, comece a testar possibilidades, usar cores mais marcantes e caprichar nos esfumados para versões bem produzidas. 

Escolha três cores que combinem entre si: uma mais clara, para aplicar no canto interno do olho e iluminar; uma de tom médio, para aplicar em toda a pálpebra móvel e servir como base para a maquiagem; e uma mais escura, que será aplicada no canto externo.

Um olho bem destacado costuma ser o centro das atenções na maquiagem, por isso teste bastante esse passo para criar looks cada vez mais incríveis!

7. Contorno e blush

O contorno ajuda a dar profundidade para a sua maquiagem, pois trabalha com efeitos de luz e sombra. 

Ao usar técnicas de contorno você consegue disfarçar ou destacar áreas específicas e deixar a sua make ainda mais elaborada!

Para escolher os produtos, primeiro você precisa saber o efeito desejado. Mas geralmente um iluminador, um bronzer e uma base mais escura já dão conta do recado.

Já para aplicar o blush, passe o pincel no produto, depois faça movimentos leves nas laterais do rosto, esfumando bem para que a maquiagem não fique muito carregada.

8. Rímel e, por fim, o batom

Chegou a hora de finalizar a maquiagem passando uma máscara de cílios e o batom para realçar os lábios!

Você pode aplicar um rímel transparente, apenas para valorizar os cílios em maquiagens mais básicas, ou um rímel preto para deixar o olho bem definido e volumoso.

Aplique o rímel mais de uma vez, com cuidado para não deixar o produto acumular, assim o resultado será ainda mais marcante.

O batom fica por último para finalizar a maquiagem e completar o visual. 

Batons mais escuros e nas versões mate costumam exigir um pouco mais de habilidade para a aplicação, enquanto os mais cremosos são mais fáceis de usar.

Vale a pena fazer um curso de automaquiagem?

Até mesmo uma automaquiagem mais básica pode ficar completamente diferente se você souber como aplicar as técnicas certas para não borrar o batom, esfumar corretamente, fazer um bom contorno e usar as cores certas nos locais ideais.

Por isso, um curso de automaquiagem é interessante para quem quer fazer maquiagens cada vez mais profissionais, elaboradas e bonitas.

Mesmo quem já tem uma certa prática com os pincéis pode se beneficiar, afinal, conhecimento nunca é demais! 

O mundo da maquiagem se reinventa sempre e novas técnicas, produtos e tendências estão sempre surgindo.

Com o curso, posso atuar profissionalmente? 

Fazer um curso de automaquiagem é ótimo para quem quer se maquiar por conta própria e arrasar nos looks! 

Mas esse aprendizado também pode ser excelente para quem quer aplicar as técnicas para iniciar uma carreira na área da beleza e estética. 

Se esse é o seu objetivo, ter um curso no currículo pode abrir portas no mercado, atrair clientes e ajudar bastante na criação do seu próprio negócio!

Ficou com interesse em fazer um curso e se profissionalizar? Veja como escolher o curso de maquiagem online ideal para você e invista nessa profissão!

Autor
Luiza Alexandre

Luiza Alexandre

Redatora apaixonada em aprender algo novo todos os dias.