O que são hard skills e porque elas não devem ficar de fora do seu currículo!

Hard skills são habilidades técnicas aprendidas em cursos, formações e experiências. Entenda quando e por que elas são necessárias!

Uma mulher fazendo anotações analíticas no computador - hard skills

As hard skills são as habilidades técnicas que desenvolvemos em cursos, estudos e experiências acadêmicas e profissionais. Em processos seletivos, essas são as habilidades que geralmente conseguimos comprovar mostrando diplomas, certificados ou realizando testes específicos.

Além delas, temos também as soft skills que, inclusive, já falamos anteriormente por aqui e explicamos o que são e como desenvolvê-las. Resumidamente, essas são as habilidades comportamentais, ou seja, são mais pessoais e desenvolvidas ao longo da vida.

Neste conteúdo, vamos nos aprofundar nas hard skills para mostrar o que são, por que são importantes e como você pode aperfeiçoá-las. Confira!

Hard Skills – o que são?

Hard skills é o termo em inglês usado para caracterizar as nossas competências técnicas, ou seja, nossos conhecimentos sobre ferramentas, línguas, programas, técnicas, entre outras questões mais palpáveis.

Como na maioria das vezes elas são aprendidas e desenvolvidas em formações específicas, é mais fácil comprová-las. Contudo, elas também podem ser aprendidas livremente, por conta própria. Nesses casos, a comprovação pode ser feita por meio da execução de tarefas, em testes ou em provas.

Se você já participou de algum processo de recrutamento, provavelmente teve que apresentar algumas das suas hard skills no currículo e responder questões relacionadas a elas nas entrevistas. 

Estas são algumas possíveis perguntas:

  • Qual é a sua formação?
  • Quais cursos você já fez?
  • Quais são as suas experiências profissionais? Descreva a sua função em cada uma delas.
  • Quais ferramentas você domina? 

Qual a maior diferença para as soft skills?

Saber diferenciar essas duas categorias é importante para identificar em quais situações elas são necessárias e como você pode apresentá-las em processos seletivos e entrevistas, por exemplo.

As soft skills são as habilidades mais pessoais, que envolvem aspectos sociais, emocionais e comportamentais. Já as hard skills representam os conhecimentos técnicos e mensuráveis.  

O mercado de trabalho, principalmente, tem valorizado bastante as soft skills, pois elas afetam a maneira como nos relacionamos com as pessoas, lidamos com os acontecimentos e nos adaptamos às mudanças. 

No entanto, sem um conjunto de hard skills bem desenvolvidas, é difícil ter sucesso na carreira. Por isso, o ideal é investir constantemente em ambas para se desenvolver não apenas profissionalmente, mas também como pessoa.

Por que elas são tão importantes?

Todas as profissões demandam o desenvolvimento de hard skills específicas. Sem elas, não dá para trabalhar, nem mexer no computador, gerenciar canais de comunicação, compreender o que outras pessoas estão dizendo, se comunicar, cozinhar… 

Precisamos das habilidades técnicas o tempo todo nas nossas vidas, mas algumas acabam se tornando mais importantes, principalmente se tivermos objetivos específicos, como:

  • seguir determinada carreira;
  • crescer profissionalmente;
  • desenvolver uma nova competência para aplicar no dia a dia;
  • incorporar um passatempo à rotina, entre outros.

Sem as hard skills, é difícil fazer praticamente tudo o que precisamos. Se você quer seguir uma carreira acadêmica, por exemplo, vai precisar de diplomas, certificações e conhecimentos.

Caso queira trabalhar na área de maquiagem, deve conhecer e dominar as melhores técnicas e procedimentos.

Se pretende se candidatar para uma nova vaga de emprego, deve ter ou desenvolver as habilidades técnicas listadas como requisitos na descrição. 

E esses são apenas alguns exemplos!

Quais são os maiores exemplos de hard skills?

Existem milhares de hard skills e a necessidade de desenvolver cada uma delas depende bastante dos seus objetivos profissionais e pessoais. 

Listamos algumas das principais para você conhecer!

Línguas

O nível de proficiência em outras línguas, como inglês e espanhol, é uma hard skill importante e bastante valorizada atualmente. 

O domínio da língua portuguesa (ou da sua língua nativa) também pode ser considerada uma habilidade técnica, afinal, nem todas as pessoas têm conhecimentos gramaticais e ortográficos aprofundados.

Formações acadêmicas

As formações acadêmicas, como graduações, mestrados, doutorados e especializações, também são consideradas hard skills. 

Afinal, são focadas no desenvolvimento de habilidades técnicas específicas, como programação, aplicação de leis, medicina, administração e muitas outras possibilidades.

Por mais que as soft skills também sejam desenvolvidas ao longo dessas formações, no fim, o que o diploma e os certificados distribuídos atestam é o aprendizado de determinados conhecimentos técnicos.

Habilidades com programas 

O domínio de programas, como linguagens de programação, pacote office, aplicativos e recursos de design e edição de vídeos, também é uma hard skill.

Dependendo da vaga buscada, é comum a empresa especificar o tipo de programa que as pessoas devem saber usar caso queiram se aplicar para a oportunidade. 

Nesses casos, ter concluído um curso na área ajuda a comprovar a sua experiência e capacidade de colocar aquele conhecimento em prática.

Facilidade na escrita

Saber escrever bem e dominar as normas gramaticais é outra hard skill importante.

No entanto, não é cobrada apenas para quem trabalha na área acadêmica ou escreve livros, viu? 

Habilidades de copywriting, escrita para SEO, redação publicitária e as mais diversas formas de se comunicar, principalmente nos meios digitais, também são hard skills essenciais para se destacar em várias das carreiras mais promissoras no momento.

Por que as hard skills são necessárias no currículo?

Apesar de as empresas estarem cada dia mais focadas em contratar profissionais que se destacam por suas soft skills, as hard skills não perderam a importância e devem ser incluídas como habilidades para colocar no currículo.

Como as soft skills não são facilmente mensuráveis, é difícil identificá-las no início de um processo seletivo, principalmente olhando apenas para o currículo. 

Por isso, recrutadores usam as hard skills como critério de seleção para, somente nas etapas seguintes, como em entrevistas e dinâmicas, avaliar melhor as habilidades comportamentais de cada candidato.

Sendo assim, é essencial incluir as suas principais habilidades técnicas no currículo, considerando o que é relevante para o cargo e o que pode ser considerado o seu diferencial.

Como aprimorar as hard skills?

Aperfeiçoar as hard skills depende de bastante estudo e dedicação. Por isso, o conceito de lifelong learning — ou aprendizagem contínua/ao longo da vida — está atraindo cada vez mais pessoas. 

Continuar aprendendo e aprimorando as habilidades técnicas já desenvolvidas é fundamental para manter os conhecimentos sempre atualizados e se preparar para os desafios, principalmente profissionais, gerados pelas constantes transformações e adoção de novas tecnologias.

Os cursos online são uma ótima opção para quem quer investir no seu desenvolvimento com praticidade. Nesse formato, você pode estudar um programa novo, aprender um idioma do zero ou até mesmo desenvolver habilidades artísticas.

E você pode começar agora mesmo: saiba quais são os cursos disponíveis na Hotmart para quem quer aprender sobre música e artes, e bons estudos!

Autor
Equipe Hotmart

Equipe Hotmart

A Hotmart é a plataforma completa para quem quer aprender novas habilidades e adquirir cursos digitais em poucos cliques. No universo da Hotmart, as possibilidades são infinitas.